Conectar-se
Últimos assuntos
Os membros mais ativos do mês
9 Mensagens - 60%
5 Mensagens - 33%
1 Mensagem - 7%
Votação
Qual a técnica que você utiliza para ficar lúcido?
Teste de Realidade
45% / 15
Totem
15% / 5
Incubação
12% / 4
Gatilho
6% / 2
Gravador de Voz ou Sons Binaurais
6% / 2
Outros
15% / 5
Parceiros
 sonhos=
 sonhos=
 animes=

Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Mensagens : 1191
Pontos : 4053
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 23
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Seg Set 07, 2015 11:22 am
134

Não sei Daniel, não consigo comentar esses sonhos que envolvem família. Eu me emociono facilmente e fico sem saber o que comentar.

Olha só, de onde tu tirou essa música rapaz? Juro que não lembrava... Realmente, como o Ramon disse, são muitos sonhos com viagens.

De novo, não sei o que falar desses sonhos.

Fico feliz que tenha impedido o crime, Daniel. Seria tão bom que isso acontecesse na vida real e as pessoas pudessem evitar algumas mortes violentas.

Abraços.
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Seg Set 07, 2015 10:43 pm
EmersonPawoski escreveu:134

Não sei Daniel, não consigo comentar esses sonhos que envolvem família. Eu me emociono facilmente e fico sem saber o que comentar.

Olha só, de onde tu tirou essa música rapaz? Juro que não lembrava... Realmente, como o Ramon disse, são muitos sonhos com viagens.

De novo, não sei o que falar desses sonhos.

Fico feliz que tenha impedido o crime, Daniel. Seria tão bom que isso acontecesse na vida real e as pessoas pudessem evitar algumas mortes violentas.

Abraços.

Esse último sonho me lembrou Minority Report (é assim que se escreve?), que tinha uns pessoal que previa os crimes, mas depois viram que tava tendo fraude. Assim como acontecia no sonho do meu chará, bem que a polícia podia ter um setor paranormal que previsse crimes mesmo. Valeu pela presença Emerson, acho que isso significa que você me desculpou pelo vácuo inconsciente que eu acabei dando. Abraços para você também.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Set 30, 2015 1:28 pm
142º Dia

25/09/2015 HORÁRIO INDEFINIDO

Lembro-me de sair cedo de casa com a intenção de resolver alguma coisa no banco. Eu andava por Arcadia (a cidade recorrente dos meus sonhos), mas vi que os banco ainda estavam fechados. Olhei as horas no meu celular e vi que ainda não era nem 9 horas da manhã.
Muitas lojas também estavam "fechadas", pois mesmo estando fechadas, as portas estavam destrancadas. Então eu entrei numa loja vazia (não lembro o que ela vendia), mas saí da loja assim que notei que estava descalço, sem camisa e sem dinheiro.
Quando eu saí da loja, do nada, eu estava numa praça do centro da minha cidade, e do nada também, eu estava de camisa, tênis e com dinheiro. Havia um pessoal mal encarada na rua e esse pessoal estava ameaçando fazer arrastão, mas estava claro ainda. Então, acabou a energia elétrica, tudo ficou escuro, e por causa disso, o arrastão começou. Eu corria pela rua dando porrada em qualquer um no meio do caminho pra chegar no ponto do meu ônibus. Depois disso, não me lembro de mais nada.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

143º Dia

30/09/2015 08:00 a 10:00

Eu andava de carro com meu padrasto pelas estradas do ES quando um caminhão fechou a passagem, e o meu padrasto não teve tempo de frear, então virou o carro, mas tinha um casal com 2 crianças passando fora da faixa de pedestres. Meu padrasto acabou atropelando o homem e aparentemente uma das crianças. O V* (meu padrasto) já saiu do carro chorando pra ver os atropelados e prestar ajuda caso estivessem vivos. Porém, só havia o homem atropelado, e ele estava morto, então, eu chorei também.
Mas então o sonho mudou para uma batalha de criaturas sobrenaturais a noite, e eu era uma outra pessoa (não lembro quem eu era), e estava chorando também, porque vários dos meus aliados haviam perecido na batalha, então eu deitei no chão e pedi para morrer.
Então eu voltei a ser eu mesmo, mas ainda estava tendo a batalha, e eu estava no meio dela, e havia um lobisomem que era amigo meu, mas cujo nome não lembro, e ele protegia a mim e à minha família.
Então, eu estava na sala da casa da minha tia R*, a batalha ainda acontecia. Estávamos eu, tia R*, tio I*, N*, R* e mais algumas pessoas que não me lembro. A única fonte de luz acesa era a televisão da sala, que não me lembro se passava o programa do Sílvio Santos ou algum filme. As janelas ficavam abertas, mas só as dos cômodos onde havia gente, pois estava calor e também para ficar mais fácil caso o nosso amigo lobisomem viesse até nós.
Havia um rádio na casa da minha tia, e dizia no rádio que haviam confirmado que só havia um lobisomem vivo, torcíamos para que esse lobisomem fosse o nosso amigo. E então, a estúdio da rádio foi invadido e o invasor disse que havia um novo tipo de lobisomem. Então o rádio mostrou uma imagem holográfica em 3D do invasor e ele se transformava em lobisomem, mas seus olhos ficavam verdes em vez de amarelos.
E do nada, eu estava em minha casa, ainda era noite e a batalha ainda ocorria, mas meu pai estava de boas em casa. Ele pegou o Chico (nosso gato) para dar banho. Quando a água encostou no Chico, ele começou a miar reclamando. Aí eu disse:
— Gato safado! Banho não quer, mas vive pegando chuva.
— É mesmo. — respondeu meu pai que passava detergente no gato ao invés do sabonete líquido, e ele fazia isso com o Chico em cima do fogão, e a Chica (nossa gata), ficava do lado de fora da casa querendo beijar o Chico na boca.
Meu pai, após ensaboar o Chico, saiu de perto para pegar algo, e o Chico, se aproveitando disso, fugiu para o meu quarto. Corri atrás dele e achei um terceiro gato na minha casa (só tenho o Chico e a Chica). Meu pai queria botar os gatos pra fora, mas eu não queria deixar, pois a batalha ainda acontecia e eu não queria que nossos gatos virassem comida de lobisomem de olho verde.
Então, acordei


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 167
Pontos : 1141
Honra : 80
Data de inscrição : 29/07/2015
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Set 30, 2015 8:38 pm
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Tinha uma batalha acontecendo na frente de vocês (voce e seu pai e seus tios/tias)
e vocês decidem ir dar banho no gato? kkkkkkkkkk
Voce ficou com crise de personalidade nesses sonhos? kkkk


"SO PRA DEIXAR CLARO , EU SOU INICIANTE
ENTÃO EU SO COMENTO PRA FALAR MINHA
OPNIÃO SOBRE OS SONHO(ESPERO QUE
NAO SE IMPORTE) :3"


"O sonho é a porta de entrada para o universo interior que existe dentro de nós."
Ramon
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qui Out 01, 2015 12:28 am
InexperientDreamer escreveu:kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Tinha uma batalha acontecendo na frente de vocês (voce e seu pai e seus tios/tias)
e vocês decidem ir dar banho no gato? kkkkkkkkkk
Voce ficou com crise de personalidade nesses sonhos? kkkk
[color=#0099ff]

Meus sonhos são meio sem lógica assim mesmo, primeiro eu estava com meu padrasto, depois eu não era eu e queria morrer, e depois voltei a ser eu, e do nada eu estava na casa do meu tio e depois fui parar na minha casa. Quanto a crise de personalidade, cara, meu subconsciente exagera de vez em quando, eu choro muito mais sonhando que acordado, acho que tem um pouco de distorção nisso.


InexperientDreamer escreveu:"SO PRA DEIXAR CLARO , EU SOU INICIANTE
ENTÃO EU SO COMENTO PRA FALAR MINHA
OPNIÃO SOBRE OS SONHO(ESPERO QUE
NAO SE IMPORTE) :3"

Sem problemas Dreamer, eu também vivo fazendo isso, é raro eu conseguir interpretar mais ou menos o sonho dos outros. Bem vindo ao meu esquisito diário.



[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5724
Honra : 1044
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qui Out 01, 2015 1:48 pm
Licantropo escreveu:
142º Dia

25/09/2015 HORÁRIO INDEFINIDO

Lembro-me de sair cedo de casa com a intenção de resolver alguma coisa no banco. Eu andava por Arcadia (a cidade recorrente dos meus sonhos), mas vi que os banco ainda estavam fechados. Olhei as horas no meu celular e vi que ainda não era nem 9 horas da manhã.
Muitas lojas também estavam "fechadas", pois mesmo estando fechadas, as portas estavam destrancadas. Então eu entrei numa loja vazia (não lembro o que ela vendia), mas saí da loja assim que notei que estava descalço, sem camisa e sem dinheiro.
Quando eu saí da loja, do nada, eu estava numa praça do centro da minha cidade, e do nada também, eu estava de camisa, tênis e com dinheiro. Havia um pessoal mal encarada na rua e esse pessoal estava ameaçando fazer arrastão, mas estava claro ainda. Então, acabou a energia elétrica, tudo ficou escuro, e por causa disso, o arrastão começou. Eu corria pela rua dando porrada em qualquer um no meio do caminho pra chegar no ponto do meu ônibus. Depois disso, não me lembro de mais nada.
Nunca vi um arrastão de perto, só pela TV. Mas, o tal do arrastão deve ser uma coisa assustadora. medo

Licantropo escreveu:
143º Dia

30/09/2015 08:00 a 10:00

Eu andava de carro com meu padrasto pelas estradas do ES quando um caminhão fechou a passagem, e o meu padrasto não teve tempo de frear, então virou o carro, mas tinha um casal com 2 crianças passando fora da faixa de pedestres. Meu padrasto acabou atropelando o homem e aparentemente uma das crianças. O V* (meu padrasto) já saiu do carro chorando pra ver os atropelados e prestar ajuda caso estivessem vivos. Porém, só havia o homem atropelado, e ele estava morto, então, eu chorei também.
Mas então o sonho mudou para uma batalha de criaturas sobrenaturais a noite, e eu era uma outra pessoa (não lembro quem eu era), e estava chorando também, porque vários dos meus aliados haviam perecido na batalha, então eu deitei no chão e pedi para morrer.
Então eu voltei a ser eu mesmo, mas ainda estava tendo a batalha, e eu estava no meio dela, e havia um lobisomem que era amigo meu, mas cujo nome não lembro, e ele protegia a mim e à minha família.
Então, eu estava na sala da casa da minha tia R*, a batalha ainda acontecia. Estávamos eu, tia R*, tio I*, N*, R* e mais algumas pessoas que não me lembro. A única fonte de luz acesa era a televisão da sala, que não me lembro se passava o programa do Sílvio Santos ou algum filme. As janelas ficavam abertas, mas só as dos cômodos onde havia gente, pois estava calor e também para ficar mais fácil caso o nosso amigo lobisomem viesse até nós.
Havia um rádio na casa da minha tia, e dizia no rádio que haviam confirmado que só havia um lobisomem vivo, torcíamos para que esse lobisomem fosse o nosso amigo. E então, a estúdio da rádio foi invadido e o invasor disse que havia um novo tipo de lobisomem. Então o rádio mostrou uma imagem holográfica em 3D do invasor e ele se transformava em lobisomem, mas seus olhos ficavam verdes em vez de amarelos.
E do nada, eu estava em minha casa, ainda era noite e a batalha ainda ocorria, mas meu pai estava de boas em casa. Ele pegou o Chico (nosso gato) para dar banho. Quando a água encostou no Chico, ele começou a miar reclamando. Aí eu disse:
— Gato safado! Banho não quer, mas vive pegando chuva.
— É mesmo. — respondeu meu pai que passava detergente no gato ao invés do sabonete líquido, e ele fazia isso com o Chico em cima do fogão, e a Chica (nossa gata), ficava do lado de fora da casa querendo beijar o Chico na boca.
Meu pai, após ensaboar o Chico, saiu de perto para pegar algo, e o Chico, se aproveitando disso, fugiu para o meu quarto. Corri atrás dele e achei um terceiro gato na minha casa (só tenho o Chico e a Chica). Meu pai queria botar os gatos pra fora, mas eu não queria deixar, pois a batalha ainda acontecia e eu não queria que nossos gatos virassem comida de lobisomem de olho verde.
Então, acordei
Você costuma dar banho nos seus gatos de estimação ou foi só no sonho mesmo? Porque o gato, geralmente, é um bicho que não gosta muito de entrar na água. gargalhada
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qui Out 01, 2015 2:40 pm
Ramon escreveu:Nunca vi um arrastão de perto, só pela TV. Mas, o tal do arrastão deve ser uma coisa assustadora. medo

Nem eu, só pela TV, mas já levei tiro em tentativa de assalto, e vira e mexe quando tem bandido no meu sonho, eu saio descendo a porrada sem nem ver em quem.

Ramon escreveu:Você costuma dar banho nos seus gatos de estimação ou foi só no sonho mesmo? Porque o gato, geralmente, é um bicho que não gosta muito de entrar na água. gargalhada

Aqui em casa a gente adotou o seguinte sistema:
"Cuida quem pega"
E como foi meu pai que pegou os dois, ele é quem dá banho, limpa a caixa de areia, comprar comida. Eu só boto comida e faço uns carinhos neles, mas a responsabilidade toda é do meu pai.
Esses gatos são muito filhos da p*, quando é pra tomar banho, fogem, parecem que tem alergia a água, mas quando está chovendo, ficam passeando pra lá e pra cá na chuva, indo pra casa do vizinho e depois vem se esfregar em mim.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5724
Honra : 1044
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qui Out 01, 2015 4:54 pm
Licantropo escreveu:
Licantropo escreveu:
Ramon escreveu:Nunca vi um arrastão de perto, só pela TV. Mas, o tal do arrastão deve ser uma coisa assustadora. medo

Nem eu, só pela TV, mas já levei tiro em tentativa de assalto, e vira e mexe quando tem bandido no meu sonho, eu saio descendo a porrada sem nem ver em quem.
Lembro que um dia você falou sobre o tiro que você levou. Levar um tiro, com certeza, é assustador. Mas, graças a Deus você conseguiu sobreviver.

Mas, a polícia prendeu o assaltante que atirou em você?

Licantropo escreveu:
Ramon escreveu:Você costuma dar banho nos seus gatos de estimação ou foi só no sonho mesmo? Porque o gato, geralmente, é um bicho que não gosta muito de entrar na água. gargalhada

Aqui em casa a gente adotou o seguinte sistema:
"Cuida quem pega"
E como foi meu pai que pegou os dois, ele é quem dá banho, limpa a caixa de areia, comprar comida. Eu só boto comida e faço uns carinhos neles, mas a responsabilidade toda é do meu pai.
Esses gatos são muito filhos da p*, quando é pra tomar banho, fogem, parecem que tem alergia a água, mas quando está chovendo, ficam passeando pra lá e pra cá na chuva, indo pra casa do vizinho e depois vem se esfregar em mim.
Os gatos tem o hábito de se lamberem todo, isso pra eles é que é o banho de verdade. Kkkk
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Sex Out 02, 2015 12:22 am
Ramon escreveu:
Lembro que um dia você falou sobre o tiro que você levou. Levar um tiro, com certeza, é assustador. Mas, graças a Deus você conseguiu sobreviver.

Mas, a polícia prendeu o assaltante que atirou em você?

Cara, quase 1 ano depois é que eu fui chamado na delegacia pra prestar depoimento, e lá me mostraram um álbum de fotos de presos e pediram para ver se eu reconhecia algum como o cara que me deu os tiros (levei 2). Creio que não encontraram, mas ouvi dizer que os bandidos daqui de perto ficaram revoltados com o fato de um adolescente de 16 anos, trabalhador, que não é metido com coisa errada ser baleado assim na covardia, disseram que a bandidagem aqui tava caçando-o.
O f*d* foi que na delegacia, na hora que me passaram o álbum dos presos, eu reconheci gente que brincava comigo quando eu era criança, gente que cresceu aqui na rua onde eu moro. É triste ver que alguns amigos meus da infância recorreram a esse tipo de vida.

Ramon escreveu:Os gatos tem o hábito de se lamberem todo, isso pra eles é que é o banho de verdade. Kkkk

Meus gatos vivem se lambendo, tanto a si próprios como um ao outro.
+18:
Vira e mexe pego o Chico fazendo um sexo oral na Chica e vice-versa. Os dois vivem nesse "amor".


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5724
Honra : 1044
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Dom Out 04, 2015 5:42 pm
Licantropo escreveu:

Licantropo escreveu:
Ramon escreveu:
Lembro que um dia você falou sobre o tiro que você levou. Levar um tiro, com certeza, é assustador. Mas, graças a Deus você conseguiu sobreviver.

Mas, a polícia prendeu o assaltante que atirou em você?

Cara, quase 1 ano depois é que eu fui chamado na delegacia pra prestar depoimento, e lá me mostraram um álbum de fotos de presos e pediram para ver se eu reconhecia algum como o cara que me deu os tiros (levei 2). Creio que não encontraram, mas ouvi dizer que os bandidos daqui de perto ficaram revoltados com o fato de um adolescente de 16 anos, trabalhador, que não é metido com coisa errada ser baleado assim na covardia, disseram que a bandidagem aqui tava caçando-o.
O f*d* foi que na delegacia, na hora que me passaram o álbum dos presos, eu reconheci gente que brincava comigo quando eu era criança, gente que cresceu aqui na rua onde eu moro. É triste ver que alguns amigos meus da infância recorreram a esse tipo de vida.
Infelizmente, isso que você falou das fotos é muito triste mesmo. E o pior de tudo é não saber se o bandido que atirou em você foi preso ou tá solto. Mas, pelo menos, graças a Deus você conseguiu sobreviver os 2 tiros e está aí firme e forte pra conta a história.  viva

Licantropo escreveu:

Ramon escreveu:Os gatos tem o hábito de se lamberem todo, isso pra eles é que é o banho de verdade. Kkkk

Meus gatos vivem se lambendo, tanto a si próprios como um ao outro.
+18:
Vira e mexe pego o Chico fazendo um sexo oral na Chica e vice-versa. Os dois vivem nesse "amor".
O Chico e a Chiga são irmãos?

Os gatos costumam se lamberem e lamber o(a) parceiro(a) também. Mas, eu acredito que o Chico faz isso, pra limpar a piriquita da Chica. gargalhada


Última edição por Ramon em Seg Out 05, 2015 1:39 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Mensagens : 1191
Pontos : 4053
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 23
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Seg Out 05, 2015 8:44 am
142

Engraçado esse sonho do arrastão, também tive um sonho com isso nas semanas anteriores. Eu estava em casa e vinha um pessoal na rua invadindo e roubando, também tive de me defender. Muito curioso acontecer com você também.

143

Assim que eu chegar em casa, leio esse outro sonho. Infelizmente agora não há tempo. Abraços.
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Out 21, 2015 4:20 am
Emerson escreveu:142

Engraçado esse sonho do arrastão, também tive um sonho com isso nas semanas anteriores. Eu estava em casa e vinha um pessoal na rua invadindo e roubando, também tive de me defender. Muito curioso acontecer com você também.

Normalmente, nos meus sonhos, quando tem bandido, arrastão, gente querendo me fazer algum mal, minha primeira reação é sair metendo a porrada sem ver em quem estou batendo, parece que alguma coisa me cega e eu só quero chegar no meu objetivo. Bem engraçado mesmo o fato de termos sonhos parecidos num intervalo de tempo bem curto.

Emerson escreveu:143

Assim que eu chegar em casa, leio esse outro sonho. Infelizmente agora não há tempo. Abraços.

Sem problemas Emerson. Abraços para você também alguns muitos dias depois.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Out 21, 2015 4:21 am
Meu Deus, já é 21 de outubro e ainda não tive uma lembrança significativa de algum sonho esse mês, cruz credo.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5724
Honra : 1044
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Out 21, 2015 6:10 am
Licantropo escreveu:Meu Deus, já é 21 de outubro e ainda não tive uma lembrança significativa de algum sonho esse mês, cruz credo.
Também estava assim. Mas, de uns dias pra cá, voltei a me lembrar dos sonhos. viva
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Out 21, 2015 5:05 pm
Hoje aconteceu algo curioso. Pouco antes de eu acordar, teve uma queda de energia elétrica aqui em casa, e no sonho, tenho a lembrança de que aconteceu algo chocante, pois todo mundo ficou parado e com os olhos arregalados e poucos segundo depois, eu acordei e notei que tinha acabado a energia elétrica.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5724
Honra : 1044
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Out 21, 2015 10:16 pm
Licantropo escreveu:Hoje aconteceu algo curioso. Pouco antes de eu acordar, teve uma queda de energia elétrica aqui em casa, e no sonho, tenho a lembrança de que aconteceu algo chocante, pois todo mundo ficou parado e com os olhos arregalados e poucos segundo depois, eu acordei e notei que tinha acabado a energia elétrica.
Quando falta energia na casa é ruim demais. Se eu estiver dormindo e na hora faltar energia e o ventilador desligar, eu percebo o calor e acordo pouco tempo depois.

avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qua Out 21, 2015 11:59 pm
Eu acordo automaticamente, é instantâneo, o barulhinho do ventilador para, pronto, acordei.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5724
Honra : 1044
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Qui Out 22, 2015 12:14 am
Licantropo escreveu:Eu acordo automaticamente, é instantâneo, o barulhinho do ventilador para, pronto, acordei.
Kkkk

Isso também acontece comigo. E eu sou meio calorento, só gosto de dormir com o ventilador ligado perto de mim. Se o ventilador desligar, acordo na hora, por causa do calor.
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Sab Out 24, 2015 6:08 pm
Ramon escreveu:
Licantropo escreveu:Eu acordo automaticamente, é instantâneo, o barulhinho do ventilador para, pronto, acordei.
Kkkk

Isso também acontece comigo. E eu sou meio calorento, só gosto de dormir com o ventilador ligado perto de mim. Se o ventilador desligar, acordo na hora, por causa do calor.

Meu corpo é meio extremista com temperaturas, se tá calor, eu sinto um calor brabo, se tá frio, eu me enrolo no edredom. Mas eu ligo o ventilador mesmo no frio, pois não consigo dormir no silêncio puro, preciso do barulhinho do ventilador pra dormir, se ele desliga e eu estou no sono REM, é fácil eu acordar.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

144º Dia

24/10/2015 07:00 a 10:56

1 - Lembro-me de estar numa rodoviária que é recorrente em meus sonhos. Eu estava no embarque esperando meu ônibus chegar, o Rio-Vitória da Kaissara. Então eu lembrei que havia saído de casa com a minha mala e vi que ela não estava comigo no embarque. Eu fiquei desesperado e saí do embarque para procurar minha mala dentro da rodoviária.
Dentro da rodoviária, haviam algumas pessoas fantasiadas e personagens do Frozen, e esse pessoal começou a cantar Let It Go.
Do nada, eu estava descendo uma esteira rolante dentro da rodoviária quando encontrei minha madrinha de crisma. Ela me olhava com uma cara como se fosse me dar uma bronca por ter sumido da igreja, e começamos a conversar. Não me lembro do que falamos, mas no final da conversa, ela me perguntou algo e eu disse:
— Eu sou viajar hoje.
— Boa viagem, e quando voltar, vê se volta a ir à igreja, estamos com saudades. — Ela disse.
Nos despedimos e, do nada, eu estava no embarque de novo, e dessa vez com a minha mala. Saía de uma baia próxima a mim, um ônibus de uma empresa inexistente, e logo após, entrou outro ônibus, que externamente tinha um formato muito estranho, se parecia muito com um carro-casa voador que eu desenhava na 3ª série, a 11 anos atrás. Depois disso, não me lembro de mais nada.

2 - Eu andava de cueca por uma estrada que cortava uma cidade de interior, e uma voz narrava o sonho, dizendo que aquilo era o futuro, muitos anos à frente, e que aquela civilização pegou algumas formas da nossa e modificou a função delas.
Enquanto a voz falava, eu vi 2 igrejinhas (ó eu sonhando com igreja de novo) de arquitetura neorromânica, uma verde claro e outra amarela. Entrei na verde, e fiquei surpreso ao ver que não era uma igreja, e sim um dormitório. Andei por dentro do dormitório e tentei abrir algumas portas, sem sucesso, pois estavam trancadas. Vi um molho de chaves perto da porta principal, mas não quis usá-las.
Saí do dormitório e continuei a andar de cueca pela cidade. Então apareceu um carro, e quem o dirigia era o meu padrasto. Ele me perguntou:
— Daniel, por que você está de cueca?
— Sei lá. — respondi.
Aí do nada eu estava numa rua do meu bairro conversando com a minha mãe. Ela me perguntou algo que não lembro e eu respondi que estava sonhando, mas nem eu acreditava nisso, pois instantes depois eu estava correndo com um filhote de panda atrás de mim. Logo após isso, acordei, mas continuei de olhos fechados, tendo devaneios com A Batalha do Apocalipse e tentando adivinhas que horas eram.


Última edição por Licantropo em Sex Out 30, 2015 12:28 pm, editado 2 vez(es)


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 220
Pontos : 1149
Honra : 90
Data de inscrição : 08/10/2015
Idade : 41
Localização : Brasil
Sonhos Lúcidos :
3 / 9993 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Sab Out 24, 2015 6:49 pm
Vai ver é esse calor maldito por isso vc estava andando de cuecas pelas ruas kkk está tão quente que estou considerando seriamente fazer isso no mundo real huahua

Curioso como o sonho alterna de estados instantaneamente não?!


Uma força misteriosa que funciona apenas com gatos:
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Sab Out 24, 2015 8:08 pm
Lynx escreveu:Vai ver é esse calor maldito por isso vc estava andando de cuecas pelas ruas kkk está tão quente que estou considerando seriamente fazer isso no mundo real huahua

Curioso como o sonho alterna de estados instantaneamente não?!

É bem comum eu sonhar que ando na rua de cueca ou pelado, mas realmente, o calor estava de matar, teve semana de dar 45° C em termômetros de rua aqui no Rio, mas depois daquele dia, começou a esfriar e já tem 1 semana que está fresco.
Lynx, eu não sei se essa alteração nos sonhos é o sonho pulando mesmo ou se sou eu esquecendo o que acontece entre um momento e outro.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Sab Out 24, 2015 10:28 pm
Trecho do sonho:
Do nada, eu estava descendo uma esteira rolante dentro da rodoviária quando encontrei minha madrinha de crisma. Ela me olhava com uma cara como se fosse me dar uma bronca por ter sumido da igreja, e começamos a conversar. Não me lembro do que falamos, mas no final da conversa, ela me perguntou algo e eu disse:
— Eu sou viajar hoje.
— Boa viagem, e quando voltar, vê se volta a ir à igreja, estamos com saudades. — Ela disse.

Mais um vez meus poderes de clarividência se manifestam. Tive esse sonho de manhã e quando é agora de noite, minha madrinha comenta numa foto que compartilhei no meu facebook que está com saudades.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Seg Out 26, 2015 2:09 pm
145º Dia

26/10/2015 11:00 a 12:33

Eu estava dentro do jogo Half-Life e havia acabado de provocar a Resonance Cascade. Os caminhos pelos quais eu passava estavam diferentes do jogo, mas eu ainda continuava em Black Mesa.
Havia muitos houndeye espalhados, eles são um tipo de alien que parece cachorro e soltam ondas sônicas que ferem. Eu andava pelos corredores e via um monte deles.



Cheguei numa sala, e havia nela um senhor junto com um monte de houndeyes. Eles soltanvam suas ondas sônicas, mas o senhor era imune, pois usava uma armadura peitoral tecnológica por baixo do jaleco (bom, isso é o que eu deduzi. O senhor tinha mais ou menos essa aparência.



Eu atirava nos houndeyes quando eles começavam a acumular energia para disparar suas ondas sônicas, e depois comecei a correr com alguns houndeyes na minha cola. Eu queria continuar o jogo, mas o sonho acabou me guiando para a entrada/saída da Black Mesa, que contrariando minha expectativa (e o jogo real), era possível abrir. Saí do centro de pesquisas, fechei a porta, e fui para a plataforma esperar o trem de Black Mesa, porém o trilho estava quebrado. Eu olhava o cenário lá embaixo, e em fez do vazio, como é no jogo, eu via vários caminhões e a execução de um plano de evacuação.
Enquanto eu olhava para baixo, surgiram várias pessoas na plataforma, como se estivessem numa estação de trem da Supervia ou da CPTM. Um garoto, que não devia ter mais que 12 anos, pulou para o trilho quebrado, que agora havia vários. Ele fazia parkour pelos trilhos quebrados, e eu queria fazer aquilo também, mas eu não fiz porque sou muito cagão.
Então sentei no chão e fechei os olhos, e tive aquela impressão de enxergar com os olhos fechados na hora de dormir. Eu via minha mão esquerda dobrando um papel com vários furos. E então acordei.


Última edição por Licantropo em Qui Out 29, 2015 2:03 am, editado 1 vez(es)


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

avatar
Mensagens : 220
Pontos : 1149
Honra : 90
Data de inscrição : 08/10/2015
Idade : 41
Localização : Brasil
Sonhos Lúcidos :
3 / 9993 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Seg Out 26, 2015 2:57 pm
Que sonho doido! Um outro dia sonhei com um tipo de jogo tb kkkk e esse cachorro aí, que sinistro! Parece uma criatura de Silent Hill! medo


Uma força misteriosa que funciona apenas com gatos:
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 2022
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

em Seg Out 26, 2015 6:30 pm
Lynx escreveu:Que sonho doido! Um outro dia sonhei com um tipo de jogo tb kkkk e esse cachorro aí, que sinistro! Parece uma criatura de Silent Hill! medo

O engraçado disso tudo é que eu nunca joguei Half Life. Mas ficava vendo enquanto meu pai jogava e ajudava-o pesquisando sobre as fases do jogo quando ele não sabia mais para onde ir.
Um cachorro, de três pernas e um monte de olhos, e que solta umas ondas sônicas pra se defender, nada a temer hahahahahahaha


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

Conteúdo patrocinado

Re: Diário dos Sonhos de Licantropo

Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum