Conectar-se
Os membros mais ativos do mês
8 Mensagens - 35%
6 Mensagens - 26%
4 Mensagens - 17%
3 Mensagens - 13%
1 Mensagem - 4%
1 Mensagem - 4%
Votação
Qual a técnica que você utiliza para ficar lúcido?
Teste de Realidade
45% / 15
Totem
15% / 5
Incubação
12% / 4
Gatilho
6% / 2
Gravador de Voz ou Sons Binaurais
6% / 2
Outros
15% / 5
Parceiros
 sonhos=
 sonhos=
 animes=

Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Sab Maio 05, 2012 8:07 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Ô pessoal, seguindo a tendência bacana de organização dos tópicos, estou criando um local de registros dos meus futuros SLs.
Para ficar certinho, vou copiar uma mensagem que já mandei anteriormente.Sobre o meu primeiro momento de lucidez em sonhos.^^
feliz

1º RELATO

"Blz?
Sou Renato, estudante, com uma rotina corrida de faculdade, o que me fazia dormir pouco e exagerar no café.Pesquisei sonhos lúcidos, e estou iniciando na jornada onírica!Parei de tomar café a noite e estou dormindo mais...
O que eu tenho feito? Comecei a 35 dias a tentar anotar meus sonhos num caderninho.Inicialmente eram relatos como" pão, bola, azul dã".Mas já melhoraram
Hoje uso um gravador de voz ao acordar, e anoto no caderno mais tarde(sou lento e minha letra é sofrível)
Falho ainda em fazer reality checks durante o dia.Como me disciplinar nisso??Hahaha

Ontem tive minha quase primeira experiência de sonho lúcido.Só depois que acordei me dei conta do que ocorreu.Eu estava num sonho e lá no sonho eu me deitei.E uns flashes foram aparecendo.Tudo desfocado, e mais tela preta do que imagem.Entretanto, foi a primeira vez que eu pensei, "É um sonho!Faça alguma coisa".Tentei esfregar as mãos e forçar a estar na selva tipo o Tarzan(hahaha, nao pensei em nada melhor).Só vi um a imagem fixa de desenho animado de um macaco(estilo George o curioso) e tudo ficou preto de novo.Acordei num sofá, apesar de esfregar as mãos.Só que, depois de um tempo, decepcionado no sofá 1h15 da manhã, meu despertador tocou.O DESPERTADOR de verdade.Acordei no meu quarto.Ou seja, foi tipo um falso despertar.Mente sacana,hahaha.

Primeiro sonho lúcido, de verdade.

Hoje, foi meu primeiro, oficialmente.Não foi nada de mais.E durou pouco.O que aconteceu?
Eu estava com meu irmão numa calçada, de uma avenida grande, de uma cidade bem grande e moderna, com o trânsito bem movimentado, mas nem estava barulhento, apesar disso.Conversei com meu irmao, e não lembro por que, falei pra ele que aquilo era um sonho.(serio, nao lembro o pq, se lembrasse poderia usar isso nos futuros sonhos, =(
Tá.Falei que era um sonho.Nisso, a cidade ficou mais nítida.SERIO.Como se eu trocasse uma TV velha por ums Full HD.Imagem limpa, colorida daquele transito.Até ouvi um barulho baixinho de carros e até senti uma brisa!!!Parecia que eu estava acordado ,as sabia que era um sonho.I GET IT!!!Deu certo, mas e aí?
Meu irmao era o cético do sonho, e eu falava e ele não acreditava que era um sonho.Tentei provar."Daqui 5 segundos um ônibus vai vir para cá e nós vamos entrar, pra viajar ou sei lá".Não deu outra.Olhei para a esquina e estava vindo um onibus.
Cérebro sacana, me trouxe um onibus velho, estilo aqueles rurais...Fazer o que?hahaha
Entramos, e o motorista e os passageiros eram estilo mexicanos, e falavam fino com voz engraçada.Eu e meu irmão riamos, acho que ele acreditou no sonho.Eu imitei os "mexicanos rurais" fazendo a voz deles.Façei para meu irmao que íamos viajar no tempo, para o futuro.
Acho que pensei alto.A imagem ficou escura, veio a tela preta, e comecei a sentir a cama.
Pensei "Não, não, ainda não, foi muito curto o sonho" E esfreguei as mãos, joguei a cabeça para trás(nem sei se isso é técnica).Parei de sentir a cama, mas estava tudo escuro ainda, sem imagens.
Até que me vi na cama do meu quarto...
Fiquei feliz, e pensei nos detalhes do sonho antes de pegar meu gravador.
Peguei o gravador e comecei a falar do sonho, muito animado,por sinal.
Tinha uma musica de fundo, mas estava sem fones de ouvido no meu Gravador.Pensei: "Vou desligar essa musica"
Depois não lembro, mas voltei a deitar.
Aí abro os olhos, estou na minha cama, ouvi meu despertador...
Uai, eu já acordei!
Olhei meu gravador, não tinha nada referente ao dia 21/04.
DE NOVO, um despertar falso.
Como resolvo isso?

De qualquer forma, estou muito animado para conseguir outros sonhos lúcidos.Até é um estímulo a eu fazer os reality checks direitinho.Alguém tem um plano definido de reality checks durante o dia?
Abraço a todos!"



---***----


Depois disso tudo, fiquei bem animado, mas cometi meio que um erro de ficar ansioso por mais SLs, e por muits noites seguintes a essa, simplesmente, nem conseguia me recordar dos sonhos.




Depois voltei aos eixos.
Comecei a realizar os Reality Checks de olhar as mãos e meu relógio de pulso durante os dias com grande frequencia, além de questionar se estava sonhando ou não.E a poucos dias, já seguindo a dica de alguns onironautas aqui do forum, comecei a fechar meu nariz quando sentia que estava acordando na cama: medida profilática aos falsos depertares,hahaha

avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

2º Registro

em Sab Maio 05, 2012 8:53 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Felizmente, a maré de amnésias acabou, voltei a lembrar dos sonhos , e já estava animado por mais uma experiencia como a do dia 21 de Abril, do primeiro momento de lucidez. :cheers:


Como antecedente, fui dormir tranquilo, e desta vez coloquei o despertador para mais tarde.Minha intenção era acordar antes dele tocar.
Também estou testando um aplicativo, o Dream:ON, comentado no site sonhoslucidos, que toericamente monitora os movimentos a noite e nos momentos que ficamos parados, do sono REM, ele tocaria uns sons baixos de temas como, a cidade, ou sons de campo, para acrescentar nos sonhos.Ainda estou testando, qualquer coisa, se funcionar comigo,eu comento aqui.=D

2º RELATO

Eu estava tendo um sonho muito estranho ,mas era um sonho legal e parece que durou muito tempo.Lembro que eu estava com um amigo de infância(ele estava com aparência de cirança) e eu andava pos um colegio que estudei, só que numa versão moderna, tinha até praça de alimentação e Burger King, hahaha.
Num corredor avistamos uma professora, e el estava procurando uma sala para nós termos aula.Ela foi repreendiada pelo inspetor, pq ela era acusada de colar em provas(a Professora!,hahah).Ela negava e tal, mas com a insistencia da acusação, ela se revoltou a ficou encenando numa carteira técnicas de colar na prova, com contorcionismos bizarros e muito engraçados.
Depois, eu estava tipo num acampamento como esse meu amigo de infancia, estavamos num local com arvores, uma floresta.E foi interessante, lembrei de antigamente.Apesar de grande, eu agia com curisidade de criança, vasculhando pedaços de madeira no chão por exemplo.Num momento eu disse algo que fez os outros rirem(tinha mais um nesse momento).
Aí foi o ponto que estranhei, eu estava adulto, e meu amigo, da mesma idade hj, estava criança, foi o click.
Olhei para as mãos pela primeira vez num sonho(nunca tinha feito isso num sonho).Estava tudo meio borrado, e olha que minha miopia não é tão grande assim , né.
Nem dei bola pra mão esquerda.Só prestei atenção que faltava o dedo mínimo da mão direita, e mais, na mão direita dois dedos saiam do mesmo ponto.UHul, deu certo.Na animação de reality checks fechei o nariz com os dedos, e realmente consegui respirar.
Foi muita animação na hora.Mas antes que eu sequer observasse o ambiente, comecei a sentir a cama e acordar.Foi tipo assim, ao fazer o reality check, a visão ficou escura até tudo ficar preto. :(
***
Na cama fiz o RC do nariz(profilático aos falsos depertares), e realmente estava na minha cama.
De qualquer forma, foi um sonho legal, e gostei de ter feito os testes da mão e nariz.
Tentei decorar o sonho ainda deitado, quieto, na tentativa de voltar a sonhar.

***
Aí recebi um telefonema de madrugada, e comecei a conversar com aquela voz morrendo de sono.A voz com quem conversei parecia a minha, de quando eu era pequeno(eita saudade de ser criança de novo,hahaha), e também estava voz de sono."pq esta liagando essa hora?" vc sabe que não é legal ligar nessa hora da noite, tem que dormir", foi o que eu falei,hahaha.Foi um sonho, mas que não percebi ser um sonho não...

***
Depois estava para ser atendido num consultorio médico, estava na sala de espera. A atendente falou que eu não ia tomar chá de cadeira naquele dia, mas que tbm não ia ser rápido o atendimento.Tbm não percebi ser sonho...

***

Depois comecei a sentir que estava na minha cama.Puts, de novo acordando?Aí fechei o nariz com os dedos, e respirava!!! :cheers:
Era um sonho ainda!
Mas continuei de olhos fechados, nao sei pq.Minha intenção era cair num tobogã de agua(não sei pq pensei nisso, esta meio frio ainda né),hahahah.Aí lembro da cama se inclinar.Mas uma mão minha não soltava a cama, e nao sei pq.
Aí a cama ia balançando e senti uma turbulencia, um vento, um tobogã de vento, e eu de olho fechado.
Foi muito legal ainda assim, sentia fazer as curvas do "tobogã"e eu era jogado de um lado para o outro, até na beirada da cama(pensei que fosse cair).Eu ainda queria ir pra piscina, mas não rolou.Levantei da cama(abri os olhos finalmente!!!)
E a gravidade estava estranha(influencia do tobogã?).Apoiei meus braços na mesa do quarto e elevei as duas pernas sentando no ar na posição de meditação.A gravidade estava loucona!
Aí, nessa posição vi o quarto de perspectiva diferente.Sai dessa posição e coloquei o pé na parede do armário.A parede do armário era o novo chão.Durou muito pouco tudo isso.Dá aquela contade de fazer de tudo, mas na hora fico sem ideia, ou minhas intenções não funcionam(eu desperto muito facil dos sonhos).


***
Acordei na cama, e testei...estava acordado.
Até pensei em cochilar de novo, mas ouvi o transito lá fora, barulho de passaros e pensei que seria melhor acordar, pra estudar(prova segunda!!!)Minha surpresa foi acordar 6h25min
Meus depertador costuma tocar 6h30min!
Fiquei muito satisfeito e acordei muito disposto. =)

É isso aí! muito feliz
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

dia 21/05/12 Terceiro Momento de Lucidez

em Seg Maio 21, 2012 7:52 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)

Tive um sonho estranho, sem a lucidez.Era bem bizarra a história.Em resumo, meu calcanhar direito estava machucado, fiz cirurgia.Doia pra caramba( uma das maiores dores, de verdade).E preisaria de prótese de calcanhar...

Bizarrices de lado, eu estava numa sala, sentado no sofá.Parecia a sala da casa onde morei quando criança.Janela, tv, dois sofas, chão branco/cinza.Um embaixo da janela, outro em frente à tv.Os sofás eram macios e pretos, tipo de couro, parecia.Era o da minha infância.Tive quase certeza.O ambiente estava escurecido, mas definitivamente estava de dia ainda.A sala estava mal iluminada.
Pensei, o sofá de quando criança tinham dois sulcos, formando os três lugares pra se sentar.
Pensei nisso, sem intenção de nada, olhando pra janela.Quando olhei para o sofá, lá estavam os sulcos.
"Então isso é um sonho?"
Olhei para a parede e usando as mãos fiz o gesto fingindo estar modelando dois riscos elevados perpendiculares ao sulco.
Voltei ao sofá, e além dos sulcos cada terço do sofá tinham duas linhas elevadas do couro (tipo enfeite, modelo do sofá...)
Lembrei de tentar ficar calmo no SL para não acordar.
Olhei para o ambiente.Ainda escuro e não tão "FullHD".
Quando olhava distraído pra tudo, eu via normal.Quando focava em algo, para ver detalhes, o sonho escurecia nas beiradas.
Esfreguei as mãos.Voltou, mas ainda não havia clareza...
De novo foquei...Esfreguei as mãos...Minha intenção era levantar e rodopiar, algo do tipo.Nem sai do sofá, sentia que estava sentado, e num relance senti estar na minha cama.Acordei.


Acho muito estranho tudo isso.Mesmo ficando calmo, o sonho não durou.Não fiz nada além de perceber que era sonho e alterar o sofá.Foi tão pouca coisa.O que será que preciso fazer.Dormir melhor?Já estou dormindo melhor.
Bem, é isso.
Até mais.
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Qui Maio 24, 2012 4:05 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Hmm, quase...hahaha

Pla primeira vez senti conscientemente o processo de paralisia do sono, indo em direção a um sonho.

Estava cochilando aqui de tarde hoje.Num momento fiquei bem parado, até desliguei a música nos fones.
Depois senti um formigamento que começou nas pernas e barriga e começei a ouvir um zumbido.Eu sabia o que estava acontecendo.Fiquei quieto.
O formigamento aumentou, o zumbido também, já nao percebia o quarto direito.Senti meu corpo rolando para o lado esquerdo, e cheguei a ver vultos.Ia me locomover nesse "novo local", mas acordei.

Tentei repetir ficar quieto.
Até senti que o corpo estava formigando de novo, mas não foi, hahaha, falta de paciência.

Achei interessante. surpreso
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

4º Registro de lucidez

em Sab Jun 02, 2012 10:01 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Hoje acordei sem despertador 4h da manhã, e registrei meu 4º momento de lucidez no meu gravador de voz.

É o seguinte.Estava sonhando que estava numa casa, de uma família de classe média bem típica, mas que não era a minha.Ou seja, era uma outra mãe, um outro pai.
A casa era bem iluminada, bem legal, meio estilo casas de decadas anteriores( meio de época)
O Pai ficticio estava vendo TV(era aquela de tubo , nada de telas planas ainda,hahah), e eu comecei a mexer com a lingua num dente que estava mole. Não gostei da sensação de que um dente meu poderia cair.Quanto mais eu não queria mexer no dente, mais eu mexia e mais ele ficava cambaleando.
Até que um fragmento do dente se desprendeu e cuspi num prato, na sala desa casa.
De repente, muitos fragmentos de dentes foram se soltando da minha boca.Não senti perder dentes, era meio geração espontanea de pedaço de dente, mas aquilo me incomodou muito, aqueles barulhinhos de dente caindo num prato de metal, sensação ruim.
Alias sensação quase que de pesadelo.E , como já foi falado pelo site ou pelo forum, o significado dos sonhos é algo muito peculiar de cada pessoa.No meu caso, tinha muitos pesadelos quando criança, e um deles(repetia) era sobre cair dentes(na época caiam dentes inteiros).
Felizmente, o click para a lucidez foi raciocinar isso durante o sonho.
"Caindo dentes?Mas estou sentindo eles ainda!"
E mais.
"Já sonhei com coisas assim quando criança"
"É um sonho!!!" lol
Para testar, no momento tenti atravessar meu dedo indicador direito pela palma da mão esquerda.
Deu certo, atravessou a mão toda.

Aí aconteceu o inesperado(que já me ocorreu antes).Ao ficar lucido, o efeito foi que tudo ficou meio breu, escuro.

Era como se tivessem fechado as janelas da casa.Eu enxergava a sala, mas estava bem mais escura que antes.Estava borrada.
Fluttuei até o teto.Minha cabeça não se mexia.Meu corpo tinha movimentos limitados.Queria sair dali, ir atravessar portas, girar, sei lá.Queria me mexer livremente e "acender a luz".Não deu.O que consegui fazer foi esfregar as mãos.Não funcionou.
Minhha cabeça estava imóvel apoiada em algo.Consegui mexer um pouco.Até que senti a minha cama e acordei. :(
Aí fui pro gravador registrar.

Voltei a dormir, era muito cedo.

Ainda tive outro sonho depois, sem momento de lucidez.Era algo assim, estava no apê que morei quando adolescente com minha mãe, pai(agora de verdade) e uma irmã( no sonho meu irmao mudou ,hahahha).Pela janela da varanda, vimos varios focos de incendio.Vimos alguns caras serem presos pela policia.Lembro de fecharmos todas as janelas e a sacada, com medo de bandidos entrarem.Acordei com despertador.Foi pesadelo também, só na ansiedade.


Bem, não posso reclamar.Estou a passos de tartaruga esclerosada, mas deve haver algum progresso: perceber que é sonho com algo situacional.

É isso, agradeço a paciencia de quem lê.Espero contribuir com os relatos.
Descobrindo, por exemplo o motivo desses apagões da claridade, hahaha. :affraid:
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Método que estou usando

em Sab Jun 02, 2012 10:10 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Então, acho que ainda não escrevi.

Uso o método Tholey.
Questiono sobre estar sonhando ou não, faço reality check de olhar para as mãos.
Tenho um diário de sonhos.Tento registrar todos os dias.
Uso um gravador, pois quando acordo nao consigo escrever.Falando, lembro de mais detalhes.Aí depois passo a limpo.
Ás vezes, quando acordo no meio da noite, ou quando coloco pra despertar 3h ou 4h da manhã, uso WILD (alias, eu tento, pq nao tive sucesso ainda, tive uns momentos só que registrei acima com o uso dessa técnica).

Não sei se é a hora de tentar outros métodos.
Será que ajudaria nos problemas de escuridão e dissolução dos sonhos lucidos?

Bem ,é isso.Agradeço desde já.
Bons sonhos a todos.
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Dom Jun 03, 2012 11:23 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Hoje acordei meio cedo, nem lembrei de sonho algum.Tomei café da manhã, fui estudar(prova segunda).Entretanto, estava tão cansado, que resolvi dar um cochilo pela manhã de hoje.
Desta vez fui dormir ouvindo binaural beats( tem 50min de duração), e fiquei parado, bem parado.

Foi tudo muito rápido.

Estranhei o som da musica ter desaparecido dos meus fones, abri os olhos, senti o corpo estranho e vi minha mão esquerda muito borrada.
Click! "Será que estava por vir um SL?"
Por medo de acordar, fechei os olhos, e tentei relaxar.Meu corpo se debatia, mas nao saia do lugar, queria entrar num sonho...
Senti meu corpo ir girando pela cama.Pensei: ótimo.Quero cair da cama.Não deu(é como de eu girasse no mesmo eixo, sem sair do lugar.Senti o corpo girar mais, queria mexer, ficar em pé, qualquer coisa.
Devagar, senti a sensibilidade da minha pele voltar, e acordei de verdade.


Voltei a ouvir o binaural beat: estava em quase 40min de som.
Pelo menos acordei disposto, bora estudo que a prova tá chegando..hahahah
Até. :cheers:
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Seg Jun 18, 2012 7:07 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Então née,hahahaahaha ...simplesmente ligar a luz... mas ela não tá errada se for ver...
Uma forma que vi num video explicando SLs, é que, no momento que perceber que está sonhando, esfregar as mãos e falar "Estou sonhando"; "Meu sonho é vívido"; "Claridade agora!!"
Estou ensaiando isso faz alguns dias.
Estou numa seca de sonhos, os não lúcidos mesmo...Minha memória esta atrapalhada por eu ter saído dos horarios fixos de dormir e acordar...
Quem sabe nos dias de férias de Julhos saia algo né..Fim de semestre é uma tristeza...
Bons sonhos aee
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

woww

em Sab Jun 23, 2012 8:38 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
"Como fazer Paralisa do Sono virar Sonho Lúcido?"
Esse é o título do post de 21 de Junho do site sonhoslucidos.com

Então, eu estou com o sono zoadão, e parei de anotar os sonhos e fazer relaity checks, esse fim de semestre mata qlqr um.
Mesmo assim, nos cochilos que tiro, ainda tento alguma coisa de WILD...
Hoje de manhã, cochilando e sem me mexer, estava ouvindo musica.Chegou numa Musica que era binaural beat (de duração de 50 min)
Ouvindo o som, passei por um momento de multiplas vezes sentindo meu corpo tremer e ensaiar "sair da vigilia".

Hoje de tardezinha, em outro cochilo, foi ainda mais interessante.
Estava com protetor auditivo(usava pra estudar), e fui cochilar com ele.
Fiquei quieto, numa posição só.Até sentir o corpo engraçado, e até formigando.Tinha muitos pensamentos aleatorios...
Me apegava a algum pensamento e me imaginava interagindo no ambiente imaginado.Exemplo, pensei numa casa grande...e eu estava dentro, andando.Inclusive imaginava fazendo relaity check!Por exemplo, num dos pensamentos eu era medico de uma senhora, e o leito dela estava na moradia estudantil.Aí pensei, "ela deveria estar no hospital, isso é um sonho".Só exercitava pensamentos, eu andando, conversando e tal...
Num certo momento, senti o corpo tentando "sair da vigilia", e ainda nesse momento, senti o corpo cambaleando, me mexendo, rolando, essas coisas que já me ocorreram.Mas aí, eu senti o corpo caindo, e eu forcei pensar que estava caindo.Senti acelerar a "queda".Me imaginei rodando o corpo para cair de barriga pra baixo.Eu virei!!E até senti vento no cabelo...Voei, cego ainda, só nas sensações tácteis!Foi muito legal, voei só um pouco e a imagem estava escura ainda(sabia que estava na cama e num momento de paralisia do sono).Aí, como se estivesse sintonizando uma TV com imagem estática, foi se criando uma imagem, de uma sala de uma casa...E eu estava ali, quase entrando no ambiente.Os moveis e a parede mostraram -se com detalhes.Aí falhei eu tentar abrir o olho(eu deveria ter imaginado abrir o olho, e não forçar de verdade- esse é a dificuldade de tentar passar do acordado para o SL de uma vez).Ficou tudo preto.
Estava na cama, mas num estado intermediario.Então imaginei que estava deitado de costas(bem conveniente, era a posição de dormir).Aí me imaginei deitado numa piscina, flutuando deitado de costas, com os ouvidos sob a agua.Aí, da imagem preta, foi se formando um tom azulado, e até vi aquele balanço de agua formado pela luz do sol acima de meus olhos.
Aí de novo a imagem ficou preta.E me senti na cama com o corpo quente, acelerado.Ia ser dificil ficar no estado propicio para tentar mais alguma coisa, entao levantei da cama.

Não sei se as tentativas foram falhas por falha técnica minha(um fator forte), ou se tinha o fator de falha do sono REM.Ou seja, talvez eu precisasse dormir 6 horas, acordar, e tentar fazer o WILD).

Só um adendo, esta mto facil tirar cochilos, estou com restrição de sono esses dias.
Nas ferias vou cansar, correndo, e tal.Isso é mto importante para dormir fácil, pelo jeito.

Isso ae, valeu.
Bons sonhos a todos =)


Quase isso, hahaha (exagero)
Convidad
Convidado

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Sab Jun 23, 2012 9:25 pm
Cara, uma vez eu tava viajando nakeles videos que passam quando agente começa a dormir e de repente eu percebi que tava começando a dormir, mas eu tava dormindo sosinho em casa e fiquei com medo das alucinações, ai fui me mexer e meu corpo começou a se tremer todo, mas eu não tava paralisado.
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

ah muleke!!!!! 5º momento de lucidez

em Dom Jun 24, 2012 2:25 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Tirei um cochilo longo agora na hora do almoço.
Condições: protetor auditivo(abafando 30db do ambiente e me fazendo concentrar no silencio), deitei na cama, coloquei um travesseiro de forma a bloquear a luz nos meus olhos, fiiquei embaixo das cobertas).Virei uma múmia...hahahahah.Fiquei quieto e esperei, sem me mexer, algo parecido com ontem.

Mesma história, fiquei quieto, estava relaxado e com vontade de dormir...Fiquei quieto, quieto.
Demorou desta vez, mas logo percebi, depois de uns "quase" movimentos, senti a perna esquerda se elevando e se movimentando rápido, sabia que estava deitado, e me sentia na cama ainda.A perna cambaleou no ar rápido, e eu quase abri os olhos(ainda bem que estava o travesseiro tapando o olho).
Putz, cheguei onde queria.
Será que sairia um SL dali por WILD?

Tentei controlar esse cambalear aleatorio da perna, e ela começou a se mexer devagar.Pensei, "droga, certeza que vou acordar de vez".
Mas aí fiquei parado na cama, quieto.E via tudo escuro(olho fechado né).Tentei imaginar uma cena, eu fazendo algo, um amigo chamando, algum objetivo qualquer.Pensei numa sala.E se formou turvamente um esboço, escuro e quase sem cor...
E a perspectiva de visão mudava, e tudo embaçado.Não sai da "obsessão", e continuava pensando "estou na sala, o ambiente se formará!!!".Esfreguei as maõs e pensei "claridade, é o que falta".Devagar, estava quase me sentindo em pé.E cada vez mais sentia menos minhas cobertas da cama pra nao sentir nada.
Estava ficando em pé e aí PÁ!!! O ambiente se criou, e eu entrei nele.Ficou colorido e bonito, cheio de detalhes, mas não tinha som.
Não era uma sala, era um saguão muito da hora de um hotel a beira mar, chão de madeira, cadeiras, plantas de enfeite, espelhos gigantes na parede...
Olhei para o lado e me vi no espelho.Nada distorcido, mas sorri mostrando os dentes, e a imagem do espelho continuou com sorriso de boca fechada.
Aliás estava bem na fita.Mais forte, como se tivesse feito academia.Me sentia otimo e em paz naquele lugar construido pela mente.
Desvirei do espelho e fui em direção ao balcão de recepção, enorme balcão de madeira, brilhosa pelo sol.


Era mais claro e mais vivido que isso, serião

Sim, ao lado do balcão, netei a portona aberta e vi a claridade lá de fora, o céu azul(mas nao me ative a detalhes aí, nao vi mais nada).Me virei pro balcão, e vi uma conhecida minha de costas, encostada nesse balcão.

Nem pensei em nada melhor.
SL, bonito, colorido, com claridade....
Peguei nas nadegas dela com as duas mãos! hahahahaahahahah PÁ!
Ela se virou, e virou o rosto tbm.Ela não parecia brava, e estava com sorriso de boca fechada.
Peguei no braço dela e dei um selinho nela(infelizmente não tinha sensação de tato labial, só me vi a imagem beijando,hahahah)
Tudo escureceu, e acordei na cama, hahahahahah


Cara, para mim, foi ótimo.Precisaria me estabilizar no ambiente antes de agir num sonho e tal...mas não deu, e não quis.
Mesma coisa de alguém que começa a ganhar dinheiro.O que vc faz com a primeiro salario, ou com a primeira bolsa estudantil? Gasta do jeito que quer!! hahahahah

Nossa, até me senti revigorado.E estou estimulado na aventura onirica como nunca estive. muito feliz
Convidad
Convidado

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Dom Jun 24, 2012 2:45 pm
Que legal, vc ta conseuindo entra direto num sonho lúcido sem passar pela paralisia.
Meu quarto sempre ta claro, vou tentar fazer essa coisa do travisseiro no rosto tbm hehe.

Me tira um duvida, vc fica quanto tempo em média na cama pra conseguir ?
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Dom Jun 24, 2012 2:58 pm
Então, acho que foi mais de uma hora mais ou menos.
Da outra vez ouvia um binaural beat e ele tinha 50 minutos...
Mas com o cansaço e conforto na cama, não pareceu que demorou mais que 30min.Estava cochilando e o tempo passa ráipido.

Vou insistir mais nessa combinação: escuridão total, protetor de ouvido , edredon, e cansaço, hahaaha
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

6º momento de lucidez

em Qui Jul 12, 2012 6:03 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Estou meio desanimado, e tentei poucas vezes as tecnicas, os Reality checks e as anotações.Tentei poucas vezes o WILD em sonecas, com grande insucesso.

Só hoje que numa soneca a tarde, tentando WILD, tive uns esboços, bem curtos.

Passarela
Estava próximo de uma passarela e estava de noite, e para que chegasse a mesma, precisava subir uns lances de escada.Olhei para a passarela, e vi uma pessoa andando lá em cima, com roupa de academia, com fones de ouvido. Olhei para as mãos e estavam confusas e me convenci de que era um sonho e tudo escureceu.Ah, esse escurecimento...
Fiquei concentrado e falei, estou lá, e me imaginei andando pela passarela. Depois vi que estava lá em cima da passarela.Olhei e parecia nao ter ninguem.Olhei para baixo, e agora quem estava abaixo nas escadas era a tal pessoa.Chamei para subir e fui andando.Ao olhar para o outro lado da passarela uma criança de boné e skate.Não sei se me distrai, mas o sonho acabou.

Escuridão
Na cama, ainda estava relaxado, mas não paralizado.Relaxei mais e imaginei que estaria na rua da casa que morei na infancia(esse é um objetivo meu nas tentativas de WILD).Senti o corpo se inclinar para ficar em pé, e me imaginei andando.Estava andando num ambiente totalmente escuro e eu só enxergava um halo preto bem fraco na minha visão.O interessante é que eu imaginava uma música nesse momento, e no tal ambiente ouvi uma musica grave instrumental, bem grave e baixinha.Acabou o sonho escuro.

Quando o Reality Check falhou
Eu estava num corredor, que parecia de um hospital.Vi dois colegas de turma, e cadeira de rodas, elevador de hospital, portas, etc.Ainda pensei na possiilidade de ser um sonho.Eu estava de cueca e sai correndo no corredor do hospital.Parei na frente de um elevador e quando abriu fiquei flado frases de louco, sem sentido.Sai correndo pro outro lado do corredor.Meus amigos riam e falaam pra eu parar.Ou falavam "Ficou louco mesmo".Estava me convencendo de que poderia não ser um sonho!Entretanto continuei 'louco' e desafiei meu amigo a fazer algo bizarro, acho que era pra ele ficar de ponta cabeça.E ele ficou.Nossa, eu corri pelo corredor do hospital de cueca gritando frases nonsense, e estava com medo de não ser sonho.Olhei para as MÃOS e elas estavAm NÍTIDAS e perfeitas.
Fiquei com vergonha da situação toda que passei e aí, o sonho acabou...
Uai!O reality check falhou...


Ainda tentei mais, relaxando mais.Não deu.Estava muito descansado da soneca.
É isso.
Preciso me animar mais, para continuar desenvolendo as tecnicas, e não involuir.
Convidad
Convidado

Começando essa experiência

em Seg Jul 16, 2012 10:58 pm
Eae? Como vai?
Eu já queria ter sonhos lúcidos ha um tempo atras, já que dois dos meus amigos tem, mas eu nunca consegui quando eles sugeriram o método FILD, oq depois de um tempo eu comecei a chama-lo de bosta, e frustada parei.
Mês passado voltei confiante e falei, que iria ter pq queria muuuuito. (se vontade bastava já teria SLs há um tempo) e sem tecnicas de acordar a noite ou mexer os dedos ¬¬ eu começei a fazer Reality Checks o dia inteiro e escrever o diário dos sonhos, toda vez que lembrava tampava o nariz, olhava as horas, olhava pra minha mão e tlz. Mas apenas pntem eu consegui perceber que estava sonhando, eu estava em um hospital e a imaginal super longe e pouco colorida, meu amigo de sala estava indo pro hospital e eu tava nele foi ai que virei o rosto e vi um borrão, e ai pensei: opa! Isso pode ser um sonhos e olhei pra minha mão, a DESGRAÇADA estava intacta, normal, e então eu pensei: Bom, não é um sonho e acordei morrendo de raiva, pqp! Na tarde do mesmo dia eu dormi praticamente toda hora, tá muito frio e eu com sono, e novamente me vi em um sonho, foi muito fácil distingui-lo da realidade, eu comecei a sonhar e ja vi que estava em um sonho, eu então pensei: Aeee cara! vou logo me divertir e pulei em uma espécie de lançador de flechas e segurei nelas com as duas mãos foi ai que eu acordei na minha cama com as duas mão pra cima (mas encostadas na cama) e os punhos fechados ¬¬'' Dahora a vida
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Um SUPERSONHO LÚCIDO

em Dom Ago 26, 2012 8:31 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
dia 26/08/2012

Já estava a muito tempo desanimado, e tinha parado de anotar no caderno de sonhos.Só umas vezes tentei forçar a memória dos sonhos da noite com a cabeça mesmo.Nada de mais.E estava planejando voltar a ser um assíduo registrador de sonhos.

Com esse enorme hiato de sonhos lúcidos, fiquei desanimado.Entretanto, essa noite ocorreu algo supreendente, algo muito além do que já fiz no assunto.Foi um supersonho lúcido.O de melhor qualidade, em termos de lucidez.E como foi?


Fui dormir cedo ontem,e fiquei lá na cama.
Em um momento, acordei no meio da noite, estava deitado de lado, e tudo escuro.Não me movi.
Achei que estava muito confortável, e estranhei.Queria prender a respiração com os dedos, só por desencargo de consciencia.O braço não foi.Tentei de novo, e fui bem deveagar, para não estragar o conforto.
RESPIREI com o nariz fechado.
Opa.Era um sonho lúcido?
Como sair da cama sem acordar?
Lembrei da dica dos onironautas, de tentar oscilar o corpo.Senti medo de cair da cama.Mas fui indo e até que...

Sim, levantei, o quarto deixou de ser escuro, e ficou bem alto.E eu estava sentado num banco de tipo"montanha russa pessoal".
Aproveitar né.Era só uma descida e subida em loop infinito.Sentia todo o vento e o frio na barriga.
Dei uma volta, duas, três..uai, não vou acordar? meus sonhos lúcidos normais acabariam ali...
Dei umas 4 voltas, gritei "AAaah", me diverti, de verdade.
Ao descer do brinquedo.Fiquei fazendo testes de segurar em algum objeto pelas mãos e flutuar o resto do corpo.Era demais a sensação.Fiquei de ponta cabeça e dei umas duas cambalhotas.
Saí de casa, fui a varanda, e fui descendo o corredor para a saída.(O ambiente era exatamente a casa da cidade dos meus pais, onde estava dormindo nesse fds).Era muito real.Fui vendo os vasos de plantas, andando calmamente.
Posso mudar de roupa, não posso?
Me vi de terno, e ao sair de casa, falei um bom dia discreto aos vizinhos na calçada com uma voz de James Bond.
Lembrei de uma intenção que tinha, de ser o Máskara.(sim, o de cara verde)
Olhei para meus braços e pernas e lá estava, meu terno amarelo.
Olhei para os lados, "E aí, agora acordo, né?"
Não acordei.Então beleza.Fui descando a rua até chegar ao Parque com represa que tem em frente de casa.
Estava tão feliz do sonho lúcido estar estável, que comecei a dançar, dando pulos ao estilo de "Singing in the rain"
Não estava chovendo, mas dancei, feliz da vida de estar tendo um sonho lúcido.E comecei a cantar, com uma voz afinada, obviamente que não era minha.hahaha Algo do tipo "Da montanha russa até de maskara fiquei".Tipo, foi bem bobo.Repeti umas tres vezes o verso, até chegar ao lado da represa.
Vi uma mocinha, e desafiei ela de atravessar a represa a nado.Tipo, era uma corrida.
Meu plano era atravessar a represa andando sobre a água.Falei 'JÁ", e corri...Quando fiz isso. Tudo ficou escuro.
Paradinho na cama, confortável de novo.Fiz o teste do nariz de novo.O RC funcionou.Era um falso despertar.

Saí da cama de novo.Fui até o quintal.E lá estava meu irmão.
Engraçado que ele normalmente é o que desconfia de que tudo seja um sonho.E eu fiquei lá me exibindo, pegando maçanetas pela mão e flutuando o resto do corpo.Dei umas cambalhotas também.E eu contei sobre a montanha russa, sobre ter sido o Máskara.E ele estava meio sério.Falando algo do tipo "Não faça isso".Não intendi, e ignorei a frase, e continuei andando pelo quintal, cheio de detalhes.E fui andando e passei na frente do corredor da casa vizinha.Meu plano era invadir um dos quartos dessa casa.Ao segurar o parapeito e fazer força para subir.Vi um dos moradores escrevendo sobre uma escrivaninha.E eu fui entrar, quando ficou tudo escuro.

Outro falso despertar.Respiro, relaxo, e vem luz!
Aí volto para o mesmo sonho, ainda.O mesmo sonho lúcido!!!
E começou a parte mais viajada.Um roteiro se criou e a história fluiu, e eu não acordava!!!A cada "***", foi uma mudança de cena repentina ou foi um falso depertar, que quando voltei, voltei a historia.

***
Eu procuro por uma porta.Estou numa esquina e olho para todos os lados e comtemplo todo o local.Estou andando na rua e procuro uma porta qualquer, para poder mudar de ambiente e chegar até o quarto que queria "invadir".Mas ao olhar pelos lados só vejo casa feia, com muros quebrados, aparentemente uma area deserta.Nenhuma porta viável.Eu precisava de uma porta em bom estado.Fui descendo a rua e nada.as casas foram sumindo, acho que estava indo para área rural.Vi tratores e máquinas de obras.Daqui para frente nenhuma porta....
Tinha que voltar.Olhei para trás e a imagem ficou turva.Parei de andar.Fiquei só olhando o ambiente.E a imagem ficou perfeita de novo, estável.
Tinha que voltar logo dessa rua, mas o sonho podia acabar.Então deito no chão de peito e estou num carinho de rolimã motorizado!



E fui subindo a rua com esse carrinho.E foi acelerando.Eu queria que acelerasse mais, e o negócio não parava de acelerar.
Senti o vento.E estava muito legal, fiquei com um outro "AAAAAHHhh" de diversão(será que no íntimo quero ir a um parque de diversões?hahahha).
De novo apagou.Eram flashes, como de filme.Não era linear a história, pois sequentemente ao rolimã acelerado, veio uma cena diferente da história.

***
Estava eu, um amigo japonês da faculdade, e uma mulher séria.Estávamos envolvidos na investigação policial de uma coisa que aconteceu após um carainvadir uma casa.O que será que ele tinha feito?Ou melhor o que EU tinha feito?Não sabia!
Nessa cena eu era um dos policiais, e conversava com os outros.Xavequei a moça, e pedi um beijo.Ela ficou toda tímida, fazendo charme.Aí acabou essa cena.

***
Estava num pátio?De uma casa, acho.E sim, queria invadir o tal quarto.Eu era o badguy de novo.Fui andando pelo pátio da casa, vendo a varanda, as cadeiras.Vi um arranjo de flores na parede, bem grande,E fui lá testar meu olfato.
Cheirei umas 3 flores, e só no fim que veio um cheiro forte.Obviamente nem era daquela flor.O cheiro veio, com um certo delay.

***
Estou dentro da casa.Entrei sorrateiramente na cozinha.Tem um balcão nela.Estou nervoso, e com medo de ser pego.Mas era um sonho lúcido e tudo ia dar certo.Começo a ouvir barulho, e vejo a mulher e o cara que moravam na casa andando por lá perto.Abaixei por baixo da balcão para que não me vissem.
E fui ouvindo passos.Depois de um tempo, um dos passos começou a vir em minha direção.Eu, seguro da lucidez, pensei" ele não vai chegar aqui".E não é que funcionou?Os passos chegaram perto, e fiuqei quieto de olhos fechados.Os passsos sumiram, e logo depois de uns 3 segundo os passos foram indo embora, ficando com um som mais baixo.

***
Estou com o inspetor de polícia.Eu era o mocinho de novo.Estavamos em frente a casa, na garagem.
Conversávamos sobre a invasão na casa.E ele me mostrou que existiam uma cartas, que poderia estar relacionadas com o episódio, eram inúmeras cartas escritas ao filho dos donos da casa.Mas elas nunca chegaram ao destinatário, por terem sido confiscadas pela polícia.No chão vejo inúmeros pacotes de papel azul amarrados com borachinha de dinheiro. Olho para elas e pego uma das cartas.
Abro-a e vejo, leio por cima, o assunto era trivial, e ,ao fim da carta, a assinatura do remetente.Era meu nome e sobrenome...Olhei para o inspetor, era como se ele soubesse de algo...
Aí caiu a ficha, eu era o invasor.Não eram dois personagens.Eu era o invasor e o que estava ajudando na investigação!

***
Estava numa casa, e tinha como objetivo entrar num quarto.Estava na cozinha, e acabara de despitar os moradores.Fui andando devagar, estava perto do quarto...
Foi quando fui num corredor da casa e fiquei comtemplando de novo o ambiente de sonho.Tudo tão real.
Quis olhar para o meu relógio de pulso.Ele estava diferente.
Olhei uma vez.O ponteiro dos segundos estava gordão e só tremia, não corria o tempo.
Olhei outra vez. Os números do relógio nadavam dando voltas como se estivessem mergulhados em água.
Olhei de novo. Os ponteiros sumiram
Olhei para as paredes e tinha um relógio digital.As luzes do mostrador não faziam sentido, tinham números e letras.
Olhei de novo ao relógio de pulso.Estava com números e letras oscliantes.
Eu me diverti demais com as mudanças do relógio.Foi bem do tipo" Nunca tive um sonho assim, deixa eu testar,hahahah"

***
Estava na cama de novo, mas senti que estava diferente.Fiquei quieto.Peguei e segurei o nariz.Não respirava.
Acordei do megasonho!Era 4h30min da manhã, me levantei e corri atrás de uma caneta, para anotar o esqueleto de tudo o que ocorreu.Eu lembro de ter durado muito tempo.Muito mesmo.Se lembrei de uns 30 minutos, o sonho deve ter tido muito mais....

CONSIDERAÇÕES

Então, o que eu tinha feito nesse dia dia e não fazia a tempos era ter corrido no parque da represa com meu irmão.Isso me deixou bem cansado.
Eu considero que foi um sonho lúcido muito satisfatório.Acordei animado.
Surpreendi-me com o enredo.E afinal, o que ocorreu naquela casa??? hahaha
Montanha russa e rolimã já me ganharam como situações mais legais em sonhos.
Tive MUITOS falsos depertar.Considerei que foi um sonho UNICO.Tinha a mesma história e tinha memória sobre tudo lá, tudo mesmo.Perdi um pouco de história, quando acordei de verdade.
Estou muito afim de ter outro sonho assim.hahaha.
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Tempo de recesso

em Sab Out 27, 2012 3:55 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Depois de um grande tempo sem treinar para se conseguir SLs, hoje consegui um pequeno, espontaneo
A motivação para voltar às técnicas!

Estava cochilando, ouvindo música, e já tinha cochilado demais...
Sabia a música que estava ouvindo, só estava sonolento, e com esse calor, mais sonolento ainda.

Senti o corpo flutuar, e estava de olhos fechados.
Ainda ouvia a música nos fones.E o receio da proxima musica da playlist ser pesadona e me acordar de vez?
Fiz, à toa, o teste de querer estar num lugar.
Praia, Guarujá-SP.

Nada e nada...
Praia, praia...
Eu vi uma imagem do tipo quando estamos de olhos fechados num local muito iluminado.
Estava tudo preto, praticamente.
Ouvi borbulhos de água, bem baixos.
E ainda ouvia a música.

Praia, estou na praia de Guarujá, estou na praia...
Ao fundo comecei a ouvir barulhos de ondas, bem baixinho
Praia, estou na praia!!!
Persisti.
E de repente, num fade out de imagem, ela se criou nitidamente.
Uma imagem de areia, areia molhada, ondas, e a imagem ia se afastando
Areia, ondas, coqueiros, barulho de mar...e a música.
Nítido e bonito, melhor que qualquer cartão postal.
Caminhei uns poucos passos, sem sentir meu corpo...estava muito instável
Ao virar a cabeça para a esquerda,vi-me na cama, olhando para o teto.

è isso, gente, nada demais, registrei aqui para nao perder o costume de registrar qdo dá certo
Vou ver se me motivo, pra escrever de novo e tal, e seguir as técnicas
Preciso voltar a treinar

Até mais
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Sab Out 27, 2012 5:42 pm
Alguém tem alguma sugestão de algum filme além dos que estão no site sonhoslucidos.com,ou livro, motivadores para SLs?
Até mais!!
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Sex Nov 23, 2012 12:30 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Pouco a pouco estou voltando aos hábitos de escrver no caderno de sonhos, e de fazer os reality checks durante o dia, e RC quando abro os olhos na cama(uso o do fechar o nariz)
Mais 2 semanas e meia e estarei de férias, pronto para fazer tudo de acordo.

Assisiti a vários filmes, e estou me lembrando dos sonhos

Tive alguns episodios de mini lucidez
Ao realizar o RC do nariz tampado, concentrei-me em uma praia, e fiquei por lá por 2 segundos, hahahah

Numa noite aí tive dois episodios de SLs numa mesma noite, e achei bem interessantes, e servem como puxão de orelha, para minha preguiça de manter hábitos de um onironauta exemplar( tô longe disso, hahaah)



Estava em minha cama, respirei com o nariz tampado pela minha mão.Fiquei parado e finalmente pensei num plano de sonho que tinha a tempos. Voltar a casa de quando era criança, e...virar criança.Uma época boa e tranquila.
Se construiu o ambiente de uma casa, não a de infancia, e também não consegui virar uma criança.
Fiquei andando pelo corredor da sala, falando afirmamente que estav tudo nitido, mas estava tudo pacato.
Aí passou minha mãe com pressa, falando que tinh que ir ao centro da cidade, resolver problemas e eu precisava ir.
De primeira quis ignorá-la, e fazer outra coisa, hahaha..Estava lúcido nao estava?
Mas ai lembrei daquela historia de seguir o enredo, pro sonho durar mais, segui ela, mas andei pouco pelas ruas da cidade, o sonho se desfez, eu nao sabia o que fazer...
Uai, esqueci dos planos?Que armadilha da minha mente, hein,hahaha, fiquei sem ideias e acordei.Peguei o lapis e o caderno e fui me lembrando do sonho.Ai acordei mesmo, era falso despertar.



Fiquei esperto para a historia do falso despertar.Fiz o teste do nariz tampado.Era sonho.Imaginei estar numa cidade.Estava lá e queria voar.Não consegui.Ficava que nem bobo tentando voar, ao estilo Peter Parker no "vai teia".O ambiente desse sonho era estranho.O céu era tom amarelo escuro, velho.E os predios e outros objetos eram azulados, escuros.
Consegui flutuar um pouco, até subir num predio, foi rapido.Aí fiquei como andarilho, o que eu faço? "o que eu faço?"
E os planos?
Vi uma escadaria de saida de incendio no lado de fora de sse apartamento.Era 10º andar pela altura.
Sai correndo que nem louco e dei impulso na "sacada do predio" com o pé.Queria voar.
Ihh, nem deu.
Comecei a cair.Sensação real de queda livre.Durou muito tempo.
Cai no chao como se tivesse pulado uma sargeta de altura apenas.
Ai senti uma ardencia, de tipo um corte grande no braço direito.
Não olhei e falei, "nao tem nada", aí sumiu.Estava com receio de perder o controle e sentir dor mesmo, e a coisa virar pesadelo.

***

Ok, preciso planejar melhor o que fazer no SL.
Minha motivação aumentou.hahahaha. Precisamos de motivação no aprimoramento em SLs.Quando leio sonhos fantasticos, cheios de detalhes e situações interessantes dos outros onironautas, sinto-me bem.De saber que ainda será possivel realizar tudo isso.Estou no inicio da jornada, mas estou vendo progressos, pouco a pouco.As ferias estao aí, vamos aproveitar e nos divertir muito na vida real e aproveitar para nos divertir muito nos SLs também, época boa pra treinar com disciplina os métodos de indução de forma correta.
Abraços e bons sonhos a todos
avatar
Mensagens : 11
Pontos : 1863
Honra : 0
Data de inscrição : 01/09/2012
Idade : 22
Localização : Santa Rosa de Viterbo - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Sex Nov 23, 2012 5:31 pm
Muito legal o seu relato em Renato! :bball:. Bastante inspirador também, hehe. Ansioso também pelas férias :cheers: .
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Sex Nov 23, 2012 10:46 pm
Valeu, cara.
Mal posso esperar pelas férias! :cheers:

Provas de fim de ano só atrapalham o sono :affraid:



"Donnie: How can you do that?
(...)
Frank: I can do anything I want. And so can you."

Donnie Darko
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Dom Dez 09, 2012 1:35 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Incrível, fiquei pensativo, viu.

Só para fazer uma introdução rápida.Já estou de férias , dormi 12 horas, depois das últimas provas da faculdade e resolvi recomeçar hoje a praticar as técnicas de indução de sonhos lúcidos.Escrevi numa folha os passos de Tholey e Mild, para colar na parede.Só isso.
E como nessa noite só dormi 5h, não sei por que, resolvi ,próximo da hora do almoço, dar uma cochilada.Quem sabe dá pra sonhar um pouco?Então coloquei uma máscara para dormir adaptada(por causa da claridade), e coloquei nos fones de ouvido um Binaural Beat de "Meditation".

Vou contar linearmente o que ocorreu, apesar de as lembranças terem sido totalmente fora de ordem.


Estava na casa dos meus pais, vendo uma prateleira com peças de coisas da minha infancia, tipo, uns potes de bala ou chiclete, com formatos estranhos, um pote era roxo e tinha o formato de um "Gelouco", e eu ficava olhando a data de validade desses doces.Minha casa estava com um ar sombrio.E eu ficava indo até a cozinha e tentava acender as luzes.Não estava pegando.Acabou a energia?
Voltava à sala, e olhava a prateleira, vi meu irmão, e ele perguntou se eu não estava mascando chiclete vencido.E de fato estava mascando chiclete, e era de uva( parecia os que comia quando criança).Bati o pé que não era vencido.Tentei acender as luzes novamente.O interruptor não funcionava...

Meu irmão me acordou.E ele perguntou "De novo tentando saber que está num sonho?"
"É, e estava sonhando com coisas sem noção.Estava tudo estranho e eu nem fiz um teste de realidade"
Meu irmão ficava me olhando rindo, com cara de 'Sai dessa, vamos acordar e jogar bola..."
Eu disse "Nossa, deveria ter feito um teste de realidade"
Ele"É?"
Eu, "Sim podia ter feito o do nariz.."Tapei o nariz, fiz por fazer, tinha certeza de ter acordado... e RESPIRAVA
Falei alto pra ele " É um sonho, estou respirando!!!O que você quer fazer?"

Tudo ficou negro.
Começou a primeira parte de lucidez.
Eu estava flutuando, estava bem no alto, e atrás de mim tinha um prédio.Era como se tivesse pulado, mas o tempo tinha parado, ou ficado devagar ao ponto de me ver parado no ar, e via uma piscina embaixo e pontinhos de pessoas.

Vi minhas pernas, mas não queria que desse o gatilho de narração, para sentir uma queda livre.Não queria isso.
Ouvia pessoas " O que você vai fazer?"
Aí vi a figura de um homem, já na metade do caminho, caindo até o chão.Assustador.
Não queria cair, e por isso, fiquei lá parado no ar.
O homem começou a voltar, de forma acelerada.Como numa rebobinada de fita.E outras pessoas surgiram.
Eu pensei que teriamos que dançar.E aí começou a tocr uma música, bem alto. Gangnam Style.
Me vi girar e ouvir um trecho, aí a escuridão tomou de novo conta.
Tudo preto.
Ia acordar?
Era muito cedo.Me concentrei em alguma coisa, e apareciam sons esparsos.Aí ouvi vozes, uma feminina.Uma mulher estava conversando, rindo, como se estivesse de papo num barzinho.Entretanto, não cheguei até esse ambiente(bem que eu podia né...).Estava tudo preto ainda.Aí lembrei de querer estar num metro.
Forcei imaginar um metro, o som do trem, as pessoas.
Estava dificil formar uma imagem.Comecei a ouvir nitidamente o trem chegando numa estação, e aquele barulho de pessoas saindo.Quando sai do trem, a imagem daquele ambiente se formou e ficou nítida.

Tentei me acalmar.
Fiquei andando e olhando aquela estação de metro.Tão real.Eu já fui lá? Parecia uma de São Paulo.Era linha vermelha?
Vi várias pessoas desconhecidas.Algumas me encaravam.Uma mulher gorda e velha, com até pelos na face ficou me encarando ao passar perto de mim.(era mais gorda, mas tinha bigode,hahaha)
Esfregava as mãos e ia andando, vendo as coisas.
E aí não queria piscar.
Queria me encontrar com alguma amiga, e sei lá, fazer alguma coisa no sonho, estava pacato demais.
Fiquei olhando para os lados para ver se ela surgiria espontaneamente.Não aconteceu..
Falei"Onde está a Flávia?"
Minha voz saiu tão abafada e distorcida, que estranhei tudo, e tudo escureceu novamente.
Talvez estivesse desconfortável, pois estava calor quando acordei de verdade.
É isso, acabou ali.



Como recomecei hoje a fazer as técnicas, estou destreinado em fazer reality checks, que são essenciais para qualquer técnica de indução.O único que lembro é o do nariz.É o que me dá mais "certeza".
Por isso mesmo, ultimamente, quando percebo que estou sonhando, acaba ocorrendo em falsos depertares.E quando isso ocorre, a imagem fica preta, para eu poder ir a um ambiente diferente.
Eu quero muito fazer RCs durante sonhos bem estáveis, e seguir um pouco da narrativa, e inserir alguns planos meus.
Quando eu estou lúcido e começo do zero a imaginar um ambiente, ele até se forma, e acho isso muito legal, mas na maioria das vezes é muito instável, muito mesmo.

Eu achei legal o fato de meu irmão me fazer lembrar de fazer eality check, engraçado viu.E lembrei da primeira vez que tive um sonho lúcido, devidamente anotado aqui em meus registros, quando estava com meu irmão e ele duvidou de mim quanto o fato de estarmos em um sonho.

É isso, abraço!


"Donnie: How can you do that?
(...)
Frank: I can do anything I want. And so can you."

Donnie Darko
avatar
Mensagens : 23
Pontos : 2023
Honra : 16
Data de inscrição : 21/04/2012
Idade : 27
Localização : Ribeirão Preto - SP
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Sex Nov 29, 2013 10:57 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Hoje decidi que vou voltar a ser um onironauta "de verdade".Fiquei meses sem me dedicar ao assunto por motivos vários, mas hj eu tive um SL e voltei a me impressionar...
Na verdade é o primeiro SL com diversos falsos despertares em que eu realmente queria acordar.

Antes dos falsos despertares, algo estranho no ar

Estava cochilando hj a tarde, e estava tudo muito silencioso por aqui, estava ouvindo música.Estava com um travesseiro sobre os olhos, por conta da luminosidade do quarto.
Estava tudo tarqnuiilo, até demais.O que estaria acontecendo?
Aí começaram alguns eventos, que inicalmente não me dei conta que eram coisas da cabeça.
Ouvi um barulho muito estridente nos ouvidos e uma sensação que a cabeça ia explodir, depois ouvi vozes cochichando coisas sem significado.Assustei pra k@¨4l¨@.
E não conseguia me mexer----> paralisia do sono...Aquela onda de terror fazia sentido.
Então lembrei, 'uau, acho que posso entrar num sonho, mas estou enferrujado'.Tentei levantar, mas não deu.
Ouvi de novo o barulho estridente e as vozes, mas comecei a flutuar, depois girei o corpo e me imaginei pulando de um pára-quedas.A imagem se formou fosca, sem graça, mas estava lá.E comecei a sentir a queda livre do sonho.


Acordei

Acordei e fiquei feliz de ter tido um momento de lucidez, depois de tanto tempo, tinha me esquecido de como era interessante.
Não conseguia me mexer!!!!
Olhei para a parede, e vi um dragão passando, e o clima era de escuridão e terror novamente.
Puts, falso despertar. "mas agora eu quero acordar", já que não consigo fazer nada, só fico vendo o terror acontecer.

Acordei


Eu vi uma moça branquela, de cabelo preto muito liso que tampava seus olhos.Ela era pálida e suas mãos tinham dedos curtos.Senti medo, e ela me pegou pelo braço e eu não consegui me mexer.O susto me fez acordar.susto 


Acordei

Estava lá, agora estava até mais nítido, mas não conseguia me mexer direito, nao saia da cama.E tinha uma gata preta, um animal mesmo.Uma gata preta magrela, com um olhar maligno e que me fitava meio que sorrindo.Vei..bizarro...senti muito medo e falei " não quero vc aqui pra me pegar".
e a gata respondeu com uma voz ao estilo de bruxa mesmo, estridente e de velha. "Eu vou te pegar sim, vc querendo ou não!" cada pata dianteira da gata estava sobre cada uma das minhas mãos.
As garras dela sairam e ela segurou minhas maõs apertando e perfurando.
Fazendo isso, ela se aproximava e sorria mais, mostrando os dentes de gata dela.
Manooo, eu tremi na base.Comecei a sentir dor..queria acordar, mas estava com medo de ficar nessa de não acordar.medo 
Eu sabia que era sonho, mas não tinha noção do controle, eu estava subjugado ao terror no momento.


Acordei de verdade com o susto e a dor!viva 

Considerações
Excluindo-se o fato que teria que me benzer, hahaha, achei a experiencia interessante quando acabou.
Na verdade, durante todo o momento, experimentei um estado de consciência inédito para mim...
Enquanto tudo ocorria, eu sabia o que aconteceria a cada momento.Eu sabia que a gata iria soltar as garras e me machucar.Ao memso tempo que eu sabia de tudo, eu não tinha o impeto de mudar o que eu sabia que iria ocorrer.O cérebro foi sacana..mas eu fiquei intrigado com a possibilidade do cérebro funcionar assim na vigília...Já viajando na maionese, quem sabe nosso estado de consciencia acordado tbm experimenta sensações que nao podemos interpretar e que não podemos alterar...Era como se eu fosse expectador de mim mesmo.
Será que já vivemos essa vida? Estamos só assistindo o filme de novo?olhos girando 

Até mais, bons SL, galere:lol!:


"Donnie: How can you do that?
(...)
Frank: I can do anything I want. And so can you."

Donnie Darko
Mensagens : 1017
Pontos : 3415
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

em Seg Dez 02, 2013 5:54 pm
"Vei..bizarro...senti muito medo e falei " não quero vc aqui pra me pegar".
e a gata respondeu com uma voz ao estilo de bruxa mesmo, estridente e de velha. "Eu vou te pegar sim, vc querendo ou não!" cada pata dianteira da gata estava sobre cada uma das minhas mãos."


Lendo aqui tudo parece muito engraçado, mas to ligado que o negócio foi tenso! sim maligno 
hauehuehauheuaheuaheuhaeuhauehuaheuahe iori


Excelente relato caramba se deve ter assistido uns terror da pesada antes de pegar no sono, continue postando! certo
Conteúdo patrocinado

Re: Registro dos Sonhos Lúcidos do Renato

Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum