Conectar-se
Os membros mais ativos do mês
3 Mensagens - 75%
1 Mensagem - 25%
Votação
Qual a técnica que você utiliza para ficar lúcido?
Teste de Realidade
45% / 15
Totem
15% / 5
Incubação
12% / 4
Gatilho
6% / 2
Gravador de Voz ou Sons Binaurais
6% / 2
Outros
15% / 5
Parceiros
 sonhos=
 sonhos=
 animes=

Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
Mensagens : 3
Pontos : 1470
Honra : 3
Data de inscrição : 19/11/2013
Sonhos Lúcidos :
2 / 9992 / 999
Sonhos Comuns :
1 / 9991 / 999
Ver perfil do usuário

Diário dos Sonhos Lúcidos de SirNightmare

em Sab Dez 07, 2013 12:34 am
Reputação da mensagem: 100% (3 votos)
Olá a todos. Eu nunca postei nada(e nem vi nada para falar a verdade) no fórum, acompanho o site a algum tempo. Eu sou uma pessoa bem cética, geralmente essas coisas não me interessam, mas, eu tive um sonho lúcido aos meus 14 anos, sem nem saber que isso era possível.

Eu estava lendo coisas sobre Freud e eu tentava me recordar de todos os sonhos possíveis que eu tive, para eu me auto-analisar(prefiro ser julgado como uma brincadeira para testar os conhecimentos e etc). Inclusive os que eu tive ao longo da minha vida. Eu tenho uma excelente memória. Eu não sei bem se posso chamá-la de fotográfica, pois isso é bem pessoal. Não sei se é disso que falam. E também, nem sempre funciona. Enfim, recordei sonhos até de quando tinha 6 anos, com bons detalhes e consegui uma frequência muito boa de sonhos semanais. Tinha dias que conseguia me lembrar de 3 sonhos. Minha média acho que deve ter sido uns 15. Eu forçava o sono somente para sonhar e me analisar. Bem, uma hora acabou chegando o sonho lúcido, que depois eu conto...




Essa fase de sonhos acabou por acabar, uma hora perdi o interesse, fora que arrumei uma rotina mais corrida(comecei a fazer curso técnico todas as tardes e tanto este como o ensino médio eram em outra cidade) na adolescência(pra mim é dos 15~17, o resto é pré-adolescência), e o sono não era de qualidade. Acabou o curso(era um ano e meio) e comecei a ter uma vida mais calma. Já me acostumei com a correria de acordar cedo.


Então, descobri o site em um tópico off de um fórum de musculação. Li várias páginas do site, e acabei voltando ao exercício de relembrar dos sonhos. Não consegui atingir aquela frequência prodigiosa, já que o sono ainda é de pior qualidade. Testei o método FILD que me parecia o mais simples, porém, não conseguia formar a imagem do piano enquanto estava semi-acordado. Acabei ficando com o método Tholey, me pareceu o mais eficaz. A ideia é usar o método de associação para se fazer consciente no sonho.

1ª Tentativa
Eu estava conversando com uns amigos num local que parecia ser o pátio da escola. Eles sumiram de algum jeito e fui atrás dele. A sala era um dormitório de paredes negras(há um bom tempo, teve uma proposta de grêmio em que consistia fazer um dormitório). Tinha algumas bananas debaixo de uma cama(recentemente, a escola começou a receber uma merenda provisório alternando bananas e maçãs semanalmente, antes ela não oferecia nada, agora ano que vem já vai dar almoço para os alunos) e fui pegar para comer, daí fiquei deitado e já percebi que estava sonhando. Durante um segundo, eu não senti nada, apenas a consciência de existir, daí a visão passou para o meu corpo, flutuando sobre o espaço(me imaginei na cama) e tinha alguns efeitos psicodélicos neste espaço. Bem, não consegui segurar e acabei acordando.


Depois de algum tempo, percebi uma certa constância em sonhos normais, geralmente uma mina que eu gostava muito aparecia. Ela é descendente de japonesas, extremamente bonita, mas tinha um problema, era testemunha de jeová. Não me levem a mal, mas com certeza é difícil a convivência com pessoas de outras religiões, inclusive com um ateu. Eu fiquei um pouco angustiado, eu não gostaria de sonhar com ela. Até tentei criar um relacionamento(nunca peguei ela), mas nada deu certo e o ano acabou, nunca mais nos veremos(era o 3° ano) e fiz com que ela não quisesse sentir tanta falta de mim. Acabei deixando esse negócio de sonho de lado, mas...


O novo sonho lúcido
Antes de ter o sonho lúcido, estava tendo um sonho normal. Era um dia chuvoso e me imaginei na escola, mas ela estava bem alterada. Tinha uns corrimões bem altos e me imaginei fazendo uns parkours(tinha visto um vídeo de um ginasta/dançarino/"parkourzista" hoje de manhã, curto treino de ginasta, mas é outra história). Tinha me visto com um amigo meu, mas não me lembro do que conversamos. Eu também havia conversado com ele hoje(no facebook, na vida real), da inscrição de um teste de futebol americano e ele me contou que uma das provas é fazer o máximo de flexões em um minuto(percebem algumas associações?).

Bem, depois, fui dar um rolê pela cidade, típico de um parkour, fui passando por alguns lugares que não me recordo, até chegar em um avenida, de noite, que até pensei no sonho "esse lugar se parece com a praça da minha cidade com características de outra", mas sem saber que estava sonhando exatamente, tinha até mesmo um lanche no meio da avenida e algumas pessoas comendo. Enfim, apesar da arquitetura ter ficado estranha, todo o conjunto acabou ficando mais semelhante com a praça da minha cidade mesmo. E, a imagem de algumas pessoas foram o meio da praça, eram 3 e uma das pessoas, era a mina que eu curtia, ela estava com uma blusa rosa(que se aproximava um pouco do bege) que ela usava nos dias dos frios. Na hora comecei a ter consciência e controle do sono e a mina foi destacada estando em um banco e iluminada. Estava vendo de costas, a blusa rosa mudou de estilo, ficou mais agarrada e ficou um pouco mais tom rosa-choque. Dava para ver suas costas(essa imagem aconteceu no passado, uma vez que estava secando a tal mina e a camisa dela se levantou) e a bunda se destacou. Tinha virado outra mina e associei ela realmente a outra pessoa. Na hora em pensei em sexo, uma vez estando no "controle". Imaginei o corpo dela e o meu em um espaço, mas mesmo imaginando a penetração, não senti nada, nem mesmo excitação. Forcei esse desejo, comecei a pensar em outras imagens com sexo, inclusive em orgias com minas dando tapas na bunda de outras.. E minha mente ficava variando entre acordar ou não.

Imaginei meu corpo e senti a tal paralisia. Vi um desenho do meu corpo, com ondas elétricas no meu lado esquerdo(tive uma lesão no antebraço e ás vezes sentia cãibra). Senti que estava encolhido e queria ficar com o corpo reto na cama. Senti algo cair do meu lado direito, não consegui perceber o que era e minha mente começou a visualizar uma espécie de lagoa em que havia ondas variando entre braco, cinza e negro. Depois ainda, imaginei uma máquina registradora de ondas desenhando uma coisa. Era uma imagem de computador, uma espécie de wallpaper. Era uma estrela laranja e tinha algumas partes em cinza. No fundo, tinha furinhos. Não consigo descrever bem, mas eu vi essa imagem com uma precisão tão incrível que parecia mais real do que olhando. Fiz um teste de matemática e pensei rapidamente em uma conta como(não me lembro exatamente os números) 21*raíz de 2/74+ raíz de 3= 54*raíz de 2. Já pensei "droga, pensava que sonhando iria melhorar a minha matemática kkk). Minha "voz" estava dizendo lá no fundo "se concentre em algo e sonhe". Tentei voltar a ver imagens de sexo, até me imaginei masturbando na minha cama. O meu corpo era uma mistura das ondas elétricas que via antes, com as cores das ondas mecânicas do lago. Voltando a masturbação, pensei ter apertado e machucado meu pênis. Tentei visualizar o sexo com uma loirinha que eu tinha estudado... Por fim, sonhei(e pensei que era mesmo) meu pai chegando no quarto para me acordar. Decidi acordar para não ser pego no flagra. No final das contas, só estava esticado, nada do que imaginei no meu corpo tinha acontecido.

Comentário rápido: cacete, como descrever é grande... Por isso prefiro lembrar de cabeça o sonho do que anotar. Esse sonho foi muito alucinante, até me senti cansado depois dele. Espero conseguir controlar melhor e ver imagens mais "humanas". E espero que tenham gostado. Vou postar todos os sonhos lúcidos e descobertas que tiver daqui para frente. Ficou bem grande, mas tentei dar o máximo de detalhes. E outro detalhe que esqueci de comentar, mas nem sei onde se encaixa rsrs... Eu estive escutando minha respiração durante toda a lucidez(ou eu acho que era real, sei lá). Era uma respiração funda, a que eu costumo fazer(tenho alguns problemas como rinite e desvio de septo).

Primeiro sonho lúcido(ou quase) antes

Foi bem rápido, estava sonhando normal, porém, já era hora de acordar, então teve essa coincidência. Enfim, sonhei que estava fazendo sexo com a mãe de um amigo(com 14 anos, é o que havia), mas não foi desse jeito "selvagem". Pensei que era com amor e quando tive a consciência do sono, não consegui me manter muito acordado e ela se desfez nas minhas mãos, virou o esboço de uma pintura, até terminar em um pedaço de papelão nas minhas mãos.
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5703
Honra : 1044
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos de SirNightmare

em Sab Dez 07, 2013 6:51 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Olá, SirNightmare! Seja bem-vindo ao fórum.certo 

Muito interessante suas experiências. Tem partes que lembra uma "Projeção Astral". E outras, uma mescla de sonhos não-lúcidos com sonho lúcido. Você teve algumas alucinações hipnagógicas também, que é bem típica na paralisia do sono. É nessa fase que o onironauta pode entrar lúcido no sonho, se na hora, ele estiver consciente de que já está sonhando.

Continua postando suas experiências aqui no diário.certo
Convidado
Convidado

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos de SirNightmare

em Seg Dez 09, 2013 5:46 pm
Bela experiencia!
Mensagens : 3
Pontos : 1470
Honra : 3
Data de inscrição : 19/11/2013
Sonhos Lúcidos :
2 / 9992 / 999
Sonhos Comuns :
1 / 9991 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos de SirNightmare

em Ter Dez 10, 2013 11:31 pm
Obrigado aos dois, acompanhem sim haha

Eu não postei mais pois não tive mais sonhos lúcidos, não tenho muita paciência para postar sonhos normais. Mas vou adicionar uma coisa que percebi aqui. Aquele reality check da menina não funcionou mais. Não sei se isso é normal ou se a mente já atualiza seus mecanismos para manter a pessoa sonhando. Os sonhos também estão bem longos(outro motivo para evitar postar sonhos normais rsrs)
Convidado
Convidado

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos de SirNightmare

em Qua Dez 11, 2013 2:44 pm
seus sonhos sao legais! posta mais quando tiver^^
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2491
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos de SirNightmare

em Qui Dez 12, 2013 1:03 am
Sr SirNightmare, em sonhos caso queira alguma forma de diversao sem correr o risco de perder a lucidez, e bom interagir com os objetos oniricos que ja estao presente no cenario do sonho, evitando assim criar situacoes para nao forcar a mente. Contudo ainda e necessario usar a forca do pensamento dentro do sonho para projetar algumas coisass, e se isso exigir um pouco de voce, algumas coisas podem ser feitas para voce nao perder a lucidez, como por exemploo:

º Fixar a visao num bojeto.
º Entregar-se mais aos eventos (coisa pessoal que faco para fixar o sonho).
º Observar detalhes para manter e fortalecer a conscinencia de que esta sonhando.
º Fazer RC, olhar para as maos ou girar em torno de si memso.

Mas quando for executar alguma tarefa dentro do sonho, procure estabelecer um fundamento para aquilo que deseja fazer, por exemplo, para fazer uma planta crescer rapido, voce nao imagina ela simplesmente crescendo, mas cria todo um processo da sintede de nutrientes necessarios para isso acontecer a partir de uma visao externa do evento. Sendo assim isso se torna facil de fazer.

Forcar a mente dentro do sonho pode levar voce a paralisia, mais digo isso por experiencias propria. Me desculpe, tudo que disse a cima ja deve saber. Um otimo sonho, parece que voe se divertiu bastante kkkkkkkkk


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
Conteúdo patrocinado

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos de SirNightmare

Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum