Conectar-se
Os membros mais ativos do mês
6 Mensagens - 21%
6 Mensagens - 21%
3 Mensagens - 11%
3 Mensagens - 11%
2 Mensagens - 7%
2 Mensagens - 7%
2 Mensagens - 7%
2 Mensagens - 7%
1 Mensagem - 4%
1 Mensagem - 4%
Votação
Qual a técnica que você utiliza para ficar lúcido?
Teste de Realidade
45% / 15
Totem
15% / 5
Incubação
12% / 4
Gatilho
6% / 2
Gravador de Voz ou Sons Binaurais
6% / 2
Outros
15% / 5
Parceiros
 sonhos=
 sonhos=
 animes=

Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2341
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Ter Dez 31, 2013 4:03 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
SONHO LUCIDO [28/12/2013] - INSERINDO-SE NO SONHO

Deitado no sofa, esprando a luta principal do UFC, mais com a mente voltada para os sonhos lucidos, comecei a questionar o porque eu esperava a luta ao invez de fazer algo que me dava mais prazer, algo mais pessoal. Entao eu me levantei, e mentalmente passei a vontade de assistir a luta para a vontade de ter um SL. Pensei o seguinte: -E melhor ter um SL do que assistir TV, vai estar igual um virus no youtube amanha, e mesmo assim nem sei se vou querer ver. Ao invez de ir com a massa, vou olhar um pouco pra mim mesmo.
Pensei e fiz, me levante e fui pra cama, num soco mental na minha propria cara.


Metodo: MEILD

Comecei e tentar manter o pensamento constante para manter cada imagem que se passava na minha mente, porem o sono era muito. Logo entrei no sonho, mais nao era lucido. Adormeci. Tive 1 sonhos antes de despertar a consciência por meio do desejo implantado dentro do subconsciente que devia estar se debatendo para despertar a consciência.

Depois do primeiro sonho, que não foi lúcido, minha consciência foi despertada dentro de uma piscina, e tinha outras pessoas por ali tomando banho. Eu dei uma olhada de 360 graus observando e assimilando o máximo a minha volta. Depois focalizei nas pessoas, e estava tudo muito real. Peguei uma das mulheres, que tinha provavelmente uns 29 anos e beijei. Ai a coisa ficou quente e me segurei, sai da piscina e minha sunga ficou la kkkkkkkkkkkkk, dai olhei pro pessoa e tava todo mundo envergonhado, alguns com raiva outros boquiabertos. Então eu disse: -Ah... fala serio, isso aqui e um sonho. E dei uma risada.
Dai um cara diz, -Ok que e um sonho, mais pelo menos coloque sua sunga. Enquanto eu colocava de volta minha sunga, pensava. -Mais como podem agirem assim por conta própria, sendo que nao estou nada preocupado com isso. Conversei um pouco mais com o pessoal e voltei minha cabeça para o céu. Tudo estava ficando claro e opaco... A claridade chegava a meu corpo físico e eu estava concordando, alguns segundos depois eu despertei.

Como pode, as vezes parece tão fácil você manipular o cenário, assim como qualquer outro objeto onírico. E as vezes parece que eles tem vida própria... Neste caso, mesmo tentando usar algum gatilho para iniciar uma situação para enganar o subconsciente fica difícil. Muitas das vezes alguns de meus feitos se basearam em algum fundamento, mesmo que esta não tenha explicação na realidade, para serem executados. Assim como construi uma calcada usando cálculos de computador que se materializavam traves do código dos elementos da tabelas e coordenadas geométrica, como ligar cada átomo para ir criando um material. Eu posso enjoar de algumas coisas, mais a cada sonho meus fascínio pela área apenas aumenta.


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
avatar
Mensagens : 297
Pontos : 1776
Honra : 90
Data de inscrição : 03/10/2013
Idade : 21
Localização : pernambuco
Sonhos Lúcidos :
26 / 99926 / 999
Sonhos Comuns :
29 / 99929 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Ter Dez 31, 2013 5:34 pm
entendo bem você Hiriu, depois de alguns sls comecei a dar outro valor aos sonhos lúcidos, não só como forma de diversão mas sim como algo mais profundo que merece ser estudado. ^^


NÃO É ILUSÃO SIM EU VOLTEI O LORDES DAS TREVAS HAHAHAHAHA. #lol#
avatar
Mensagens : 286
Pontos : 1674
Honra : 102
Data de inscrição : 29/11/2013
Idade : 24
Sonhos Lúcidos :
999 / 999999 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Ter Dez 31, 2013 5:39 pm
Dualidade.. Voce e seu subconsciente!!

Eu tenho vontade de matar algumas pessoas oníricas que aparecem me tirando pra loco nos sonhos kkkkkk

mas e ae só beijou ela HIRIU?? kkk


Se há silêncio, deixe-o aumentar...algo surgirá
Se há tempestade, deixe-a rugir, ela acalmara!
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2341
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Ter Dez 31, 2013 8:36 pm
Metal Garurumon escreveu:Dualidade.. Voce e seu subconsciente!!

Eu tenho vontade de matar algumas pessoas oníricas que aparecem me tirando pra loco nos sonhos kkkkkk

mas e ae só beijou ela HIRIU?? kkk

Nao... fizemos sexo mesmo.

Maycon Mr.x escreveu:entendo bem você Hiriu, depois de alguns sls comecei a dar outro valor aos sonhos lúcidos, não só como forma de diversão mas sim como algo mais profundo que merece ser estudado. ^^

De alguma forma da pra trabalhar com o subconsciente, mais tem que ser de maneira mais sutil.


Última edição por Hiriu em Qua Jan 01, 2014 7:42 pm, editado 1 vez(es)


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
avatar
Mensagens : 286
Pontos : 1674
Honra : 102
Data de inscrição : 29/11/2013
Idade : 24
Sonhos Lúcidos :
999 / 999999 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qua Jan 01, 2014 2:27 pm
o seu subconsciente ja te avisou, se quér trabalhar com ele que esteje usando ROUPA kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


Se há silêncio, deixe-o aumentar...algo surgirá
Se há tempestade, deixe-a rugir, ela acalmara!
avatar
Mensagens : 1178
Pontos : 3869
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 22
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qui Jan 02, 2014 1:18 pm
Parabéns pela ideia aqui apresentada Hiriu. Sim os personagens oníricos não são apenas objetos oníricos, mas não sei é boa ideia falar muito sobre isso aqui. Foi engraçada a cena do cara... Hei... Coloque a sunga... há há há.
Abraços.
Mensagens : 1017
Pontos : 3326
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qui Jan 02, 2014 5:43 pm
Gostei da atitude, excelente forma de interpretação! piscar

"-Ah... fala serio, isso aqui e um sonho. E dei uma risada".

Hiriu é nessa hora que você se transforma em Super Sayadin 4 e destrói a humanidade iori não há razão para discutir com alguns corpos de sonhos iori

Mas é fato que tem certos corpos de sonhos que demonstram um temperamento muito enigmático!

Ainda lembra o que conversou com o pessoal após a cena?

Metal escreveu:mas e ae só beijou ela HIRIU?? kkk

Hiriu escreveu:Nao... fizemos sexo mesmo.

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk meu deus só tem pervert nesse fórum, pior que não posso nem me justificar faço parte desse clã iori

Ótimo relato! certo
avatar
Mensagens : 146
Pontos : 1706
Honra : 86
Data de inscrição : 16/06/2013
Idade : 23
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qui Jan 02, 2014 10:08 pm
Até seu subconsciente está te repreendendo por atentado ao pudor Hiriu kkkkkkk
Esses garotos não aguentam ver uma mulher em sonho gente, que é isso kkkkk


avatar
Mensagens : 361
Pontos : 1772
Honra : 100
Data de inscrição : 18/12/2013
Idade : 21
Localização : ES
Sonhos Lúcidos :
35 / 99935 / 999
Sonhos Comuns :
62 / 99962 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sex Jan 03, 2014 10:28 am
Hiriu só sei que seu subconciente ta te censurando legal rsrsrsrrs
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2341
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sex Jan 03, 2014 7:50 pm
Reputação da mensagem: 100% (2 votos)
SONHO LUCIDO [15/12/2010] - SANTO DAIME #1


O relato abaixo e uma das experiências que tive com o uso do Santo Daime. Ele foi oferecido a mim por um amigo, e o ambiente foi preparado. Após meia hora os efeitos começaram. Deitei em um colchonete no chão e comecei a meditar.



Fique vagando no espaço escuro mental, deitado ali, e a medita que relaxava, sentia meu corpo cada vez mais leve, como se estivesse tornando gás. Algumas imagens passaram diante meus olhos pelas cores escuras que se transformam em formas quando os olhos estão fechados.

De repetente comecei a ter uma sensação estranha, eu estava voando num espaço escuro dentro da minha própria mente.  Era uma sensação de liberdade, de infinito, mais eu não sabia quanto tempo havia se passado, então decidi me levantar… Sem êxito, eu estava em uma paralisia do sono, lúcido. Vaguei um pouco mais e algo me agarrou e me levou para mostrar uma coisa. Eu tentei dizer que não queria ver nada, talvez por pensar que se tratasse de algo ruim era exatamente isso que me mostraram. Tudo ficou como uma folha preta rabiscada em vermelho, e era como se os rabiscos fossem parte de coisas ruins que acontecem no mundo, coisas as quais eu sempre fechei os olhos. Mentira, raiva, traição, sentimentos ruins ligados ao ser humano.

Senti as lágrimas caindo no meu rosto físico, e dava para escutar meu corpo físico gemendo como resultado de esforço que eu fazia para acordar. Vieram alguns seres, um deles era um cachorro gigante com o focinho bem longo, e ficou olhando para mim como se estivesse pedindo para eu me acalmar, outro uma arvore enorme, tão grande que ao olhar de baixo para cima não dava para enxergar o topo. Soltou galhos e raízes que se ramificaram pelos meus ombros, e nessa hora senti como um bebe no colo da mãe. Quase dormir dentro da experiência.



Após mais ou menos quarenta minutos, consegui acordar e me levantar. Tinha marcado a hora no celular. Fiquei em pé por algum tempo analisando minha condição, pois parecia que eu estava controlando meu corpo como um ventríloquo controla um boneco. O mais interessante e que eu podia ver meu corpo físico a partir de qualquer ponto do cômodo. Então fui “empurrando” o corpo ate o outro quarto, quando passei por um espelho e  vi algumas estrelas. Aquelas estrelas eram estrelas que brilham a noite, aquelas de se colar na parede, e estavam realmente na parede atrás de mim. Não seria tão interessante se eu tivesse vendo apenas a parede atrás de mim, e não meu próprio rosto. Era como se eu fosse invisível. Cada espelho no cômodo tinha um mundo, e eu sai virando todos com medo de ver algumas coisa estranha.



Fui ao banheiro, voltei e me deitei novamente. Dessa vez evitei meditar por conta do risco de paralisia. Quando fechei os olhos me vi num local em frente a um beco. Ali próximo uma mulher loira descia de uma espécie de helicóptero, ela tinha uma sombrinha nas mãos, e não sei por que motivo, pois estava sol. Ela era loira de olhos azuis, e me falava a respeito de coisas que sequer posso explicar.

A mulher pediu para eu a seguir, e nem tive escolha, fui apenas levado como o vendo leva uma sacola de supermercado. Logo ela havia me deitado em frente a um home gordo, sob um andaime de madeira.  Ele tinha um facão em uma das mãos, e usava para tirar as viceras de suínos, em seguida os jogava em um monte de carde ao lado. Ele fazia aqui como se fosse um serviço que fizesse a tempo, de forma quase que automática.

A mulher apareceu novamente e me levou ate um portão estranho.  Era um caminhão em frente a um muro, e a capota dele era o portão. Em ambos os lados do caminhão que estava de frente para mim caia tinta colorida, de todas as cores que se possa imagina. Ele era um caminhão e ao mesmo tempo um portão gigante, não tinha como entrar naquele lugar senão passar por ali.

Antes  que eu pudesse assimilar tudo aquilo, a mulher me levou de volta para o ponto de inicio onde havia me arrastado. Disse algumas palavras que eu não entendi, subiu numa espécie helicóptero e foi embora. Então a partir dai não lembro o que aconteceu.


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
avatar
Mensagens : 1178
Pontos : 3869
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 22
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sex Jan 03, 2014 8:39 pm
hahahaha, muito show cara. Fiquei a imaginar cada coisa mais alucinante que outra. Notei que é bem fã do Santo Daime. Muito bem Hiriu, você parece ter muita facilidade para a meditação. Essa entidade com cabeça de cão já vi também. Tem um relato sobre em meu diário de lúcidos. Agora a de arvore lembrou-me os Ents do Senhor dos Anéis. Enfim, ótimo relato, abraços.
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2341
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sex Jan 03, 2014 8:51 pm
EmersonPawoski escreveu:hahahaha, muito show cara. Fiquei a imaginar cada coisa mais alucinante que outra. Notei que é bem fã do Santo Daime. Muito bem Hiriu, você parece ter muita facilidade para a meditação. Essa entidade com cabeça de cão já vi também. Tem um relato sobre em meu diário de lúcidos. Agora a de arvore lembrou-me os Ents do Senhor dos Anéis. Enfim, ótimo relato, abraços.

E sabe que a arvore me lembrava mesmo esses seres. Gosto de participar de todas as religioes e vou tendo experiencias dentro das mesmas. Essa foi minha primeira esperiencia com o Santo Daime.  leitura 


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
Mensagens : 1017
Pontos : 3326
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sex Jan 03, 2014 9:14 pm
Caramba, você já tinha me contado essa sua experiência Hiriu, mas como te disse no chat lendo aqui cada detalhe é surpreendente brother, de pensar que com quarenta minutos já tinha sido a maior brisa, fiquei imaginando 8 horas de duração, nussa ehuHUEHu iori

Esse sonho foi magnifico, a cena dos gigantes, gostei do desenho até a passagem dos espelhos achei que a mulher que apareceu mais abaixo simbolizava muito mais do que os outros personagens pela forma que adentrou e deixou o sonho, bem legal mesmo.

O gordão matador me deixou encucado também apesar de que não entendi o verdadeiro papel dele no sonho e como você mencionou também não compreendeu muito bem, bem estranho...

Super sonho lúcido! certo
avatar
Mensagens : 286
Pontos : 1674
Honra : 102
Data de inscrição : 29/11/2013
Idade : 24
Sonhos Lúcidos :
999 / 999999 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sab Jan 04, 2014 1:44 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Que ótima experiencia em cara....

Me diz uma coisa.. alguém que toma o Daime e que não possui conhecimentos em sonho muito menos como controlar... ela sabera se comportar com a paralisia e todas essas sensações?? como é sera?


Se há silêncio, deixe-o aumentar...algo surgirá
Se há tempestade, deixe-a rugir, ela acalmara!
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2341
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sab Jan 04, 2014 3:09 am
Reizen Endler escreveu:
Caramba, você já tinha me contado essa sua experiência Hiriu, mas como te disse no chat lendo aqui cada detalhe é surpreendente brother, de pensar que com quarenta minutos já tinha sido a maior brisa, fiquei imaginando 8 horas de duração, nussa ehuHUEHu iori

Esse sonho foi magnifico, a cena dos gigantes, gostei do desenho até a passagem dos espelhos achei que a mulher que apareceu mais abaixo simbolizava muito mais do que os outros personagens pela forma que adentrou e deixou o sonho, bem legal mesmo.

O gordão matador me deixou encucado também apesar de que não entendi o verdadeiro papel dele no sonho e como você mencionou também não compreendeu muito bem, bem estranho...

Super sonho lúcido! certo

Realmente, eu gostaria de descobri o que aquilo significava. Eu me analisei, mais isso e dificil. Um dinha com mais maturidade tenho algum flashback e acabo sabendo do que se tratava.


Metal Garurumon escreveu:Que ótima experiencia em cara....

Me diz uma coisa.. alguém que toma o Daime e que não possui conhecimentos em sonho muito menos como controlar... ela sabera se comportar com a paralisia e todas essas sensações?? como é sera?

O Daime e oferecido sob ambiente normalmente supervisionado, porem voce pode receber tambem. Mais geralmente e algum centro religioso.

Todos costumam falar que o Daime apenas da conhecimento, independente de voce suportar ou nao a experiencias, por isso ha outras pessoas na religiao.


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
Mensagens : 1017
Pontos : 3326
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Sab Jan 04, 2014 3:12 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Boa pergunta Metal já estava abrindo um post aqui para perguntar sobre isso também, de fato deve ser interessante para uma pessoa que não está acostumada com estados alterados de consciência. certo
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5552
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Ter Jan 07, 2014 3:10 am
Hiriu:

Hiriu escreveu:SONHO LUCIDO [15/12/2010] - SANTO DAIME #1


O relato abaixo e uma das experiências que tive com o uso do Santo Daime. Ele foi oferecido a mim por um amigo, e o ambiente foi preparado. Após meia hora os efeitos começaram. Deitei em um colchonete no chão e comecei a meditar.



Fique vagando no espaço escuro mental, deitado ali, e a medita que relaxava, sentia meu corpo cada vez mais leve, como se estivesse tornando gás. Algumas imagens passaram diante meus olhos pelas cores escuras que se transformam em formas quando os olhos estão fechados.

De repetente comecei a ter uma sensação estranha, eu estava voando num espaço escuro dentro da minha própria mente.  Era uma sensação de liberdade, de infinito, mais eu não sabia quanto tempo havia se passado, então decidi me levantar… Sem êxito, eu estava em uma paralisia do sono, lúcido. Vaguei um pouco mais e algo me agarrou e me levou para mostrar uma coisa. Eu tentei dizer que não queria ver nada, talvez por pensar que se tratasse de algo ruim era exatamente isso que me mostraram. Tudo ficou como uma folha preta rabiscada em vermelho, e era como se os rabiscos fossem parte de coisas ruins que acontecem no mundo, coisas as quais eu sempre fechei os olhos. Mentira, raiva, traição, sentimentos ruins ligados ao ser humano.

Senti as lágrimas caindo no meu rosto físico, e dava para escutar meu corpo físico gemendo como resultado de esforço que eu fazia para acordar. Vieram alguns seres, um deles era um cachorro gigante com o focinho bem longo, e ficou olhando para mim como se estivesse pedindo para eu me acalmar, outro uma arvore enorme, tão grande que ao olhar de baixo para cima não dava para enxergar o topo. Soltou galhos e raízes que se ramificaram pelos meus ombros, e nessa hora senti como um bebe no colo da mãe. Quase dormir dentro da experiência.



Após mais ou menos quarenta minutos, consegui acordar e me levantar. Tinha marcado a hora no celular. Fiquei em pé por algum tempo analisando minha condição, pois parecia que eu estava controlando meu corpo como um ventríloquo controla um boneco. O mais interessante e que eu podia ver meu corpo físico a partir de qualquer ponto do cômodo. Então fui “empurrando” o corpo ate o outro quarto, quando passei por um espelho e  vi algumas estrelas. Aquelas estrelas eram estrelas que brilham a noite, aquelas de se colar na parede, e estavam realmente na parede atrás de mim. Não seria tão interessante se eu tivesse vendo apenas a parede atrás de mim, e não meu próprio rosto. Era como se eu fosse invisível. Cada espelho no cômodo tinha um mundo, e eu sai virando todos com medo de ver algumas coisa estranha.



Fui ao banheiro, voltei e me deitei novamente. Dessa vez evitei meditar por conta do risco de paralisia. Quando fechei os olhos me vi num local em frente a um beco. Ali próximo uma mulher loira descia de uma espécie de helicóptero, ela tinha uma sombrinha nas mãos, e não sei por que motivo, pois estava sol. Ela era loira de olhos azuis, e me falava a respeito de coisas que sequer posso explicar.

A mulher pediu para eu a seguir, e nem tive escolha, fui apenas levado como o vendo leva uma sacola de supermercado. Logo ela havia me deitado em frente a um home gordo, sob um andaime de madeira.  Ele tinha um facão em uma das mãos, e usava para tirar as viceras de suínos, em seguida os jogava em um monte de carde ao lado. Ele fazia aqui como se fosse um serviço que fizesse a tempo, de forma quase que automática.

A mulher apareceu novamente e me levou ate um portão estranho.  Era um caminhão em frente a um muro, e a capota dele era o portão. Em ambos os lados do caminhão que estava de frente para mim caia tinta colorida, de todas as cores que se possa imagina. Ele era um caminhão e ao mesmo tempo um portão gigante, não tinha como entrar naquele lugar senão passar por ali.

Antes  que eu pudesse assimilar tudo aquilo, a mulher me levou de volta para o ponto de inicio onde havia me arrastado. Disse algumas palavras que eu não entendi, subiu numa espécie helicóptero e foi embora. Então a partir dai não lembro o que aconteceu.
Lembro de uma conversa que tive com você no xat e você me contou essa história. Realmente, foi um relato muito interessante. certo 

Já tive vários convites para experimentar o Daime. Mas, sempre aparece algum imprevisto. Um dia eu ainda vou experimentar o daime só pra ver como é a experiência.  gargalhada 
avatar
Mensagens : 118
Pontos : 1464
Honra : 22
Data de inscrição : 30/11/2013
Idade : 17
Localização : Campo Grande Mato grosso do sul
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Ter Jan 07, 2014 4:03 am
Uau Hiriu que mulher loca acho que ela queria te raptar HUEHUEHUE lingua 


Spoiler:



"Apenas não olhe pra trás"


avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2341
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qui Jan 09, 2014 10:20 pm
Crono escreveu:Uau Hiriu que mulher loca acho que ela queria te raptar  HUEHUEHUE lingua 

Acho bastante possivel kkkkkkkkk


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2341
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Dom Jan 19, 2014 2:11 pm
Reputação da mensagem: 100% (2 votos)
SONHO LUCIDO [19/01/2014] - FIM DO MUNDO #4

Eu estava com muito sono, apos assistir o filme RIDDICK 3, que foi tao chato que quando acabou acabou quase me projetei kkkkkkkkkkkkkkkkk gargalhada Deitei no cantinho da cama ao lado da minha filha, que estava com os braços abertos parecendo uma estrela do mar, ocupando toda a cama.
Comecei a meditar, para segurar o sono ate onde tava e entrar direto no sonho, porem não entrei diretamente Lúcido.


Sentado no sofá de casa, reparei algo estranho no céu, quando sai pela porta para ver o que era, um meteoro cai fazendo um estrondo enorme. Minhas irmãs também vieram ver o que estava acontecendo, e repararam que o chão começava a rachar, e dele saia um luz que vinha do magma.
Levei minhas irmãs ate um porão, para ficarem a salvo dos meteoros. Mas as fendas no chão aumentaram e tudo ali foi engolido pela lava. Enquanto isso eu olhava para o horizonte tudo desmoronando, ficando vermelho, e o fogo tomando conta.

Algum blocos ficaram flutuando sob a lava, e fui pulando de um em um ate chegar a um local mais seguro... Por pouco tempo, pois não tinha saída. Acabei ficando Lúcido, mais sequer pensei em evitar o fim do mundo, além disso, alterar um cenário de catástrofe global provavelmente me acordaria. Então subi ate o alto de um prédio, perto do lugar onde tinha chegado. Escalei janela por janela ate chegar na borda do topo, e tentava puxar meu corpo para lá, eu ainda não estava com a consciência do estado de vigília, e digamos uns 70% de consciência se comparada.

No alto do prédio tinha duas pessoas, assistindo ao fim de tudo. Um deles um menino de aparentemente uns 12 anos, que me ajudou a subir puxando meu braço na borda. Eu vi também algumas tralhas abandonadas, e de lá peguei um cobertor meio rasgado, segurei nas extremidades, e lá se foi o Hiriu com um paraquedas improvisado, flutuando, passando por cima de uma lagoa ate chegar a borda de um ponto de gasolina. A lagoa petrificava o magma que saia do chão e deixava aquele lugar protegido.

Quando cheguei ali fiz o questionamento mental de estar sonhando, devido a troca de cenário. Fiquei lúcido como no estado de vigília. Tentei lembrar de algum objetivo para fazer dentro do sonho, mais a única coisa que pude me lembrar foi de que a memoria falha dentro dos sonhos, o que me fez dar risada. (Deveria ter incubado algo). Então vi ali próximo uma mulher conversando com a filha dela. Ela era loira dos olhos azuis. Usei minha consciência pra fazer uma possessão minha para o corpo dela, e lá se foi eu flutuando rápido e quando vi estava controlando o corpo dela. Fiquei olhando para meu corpo examinando, tinha uma espécie de conexão, e isso fez duplicar minha consciência.

Fiquei por ali, fiz alguns experimentos, conversei com umas pessoas e acordei.


OBS: Estou pegando pesado nos RC, esta fazendo muito efeito. Minha consciência esta melhor ate no estado de vigília, e não faço as coisas de forma tão robótica durante a rotina diário, além de observar melhor os detalhes de tudo que me rodeia.


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
avatar
Mensagens : 1178
Pontos : 3869
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 22
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Dom Jan 19, 2014 3:15 pm
Ótimo relato Hiriu, vejo que está melhor do que nunca. Não sabia que era pai, que surpresa agradável. O amor fraterno é com certeza um dos mais bonitos no mundo. Bacana o relato, o cenário e tu ter planado com cobertor hehe. Boa ideia se possuir a mulher, bem onírico mesmo... Abraços.
avatar
Mensagens : 361
Pontos : 1772
Honra : 100
Data de inscrição : 18/12/2013
Idade : 21
Localização : ES
Sonhos Lúcidos :
35 / 99935 / 999
Sonhos Comuns :
62 / 99962 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qua Fev 12, 2014 9:17 pm

Parabens Bro muitos anos de vida pela frente e SLs aos montes

Boa sorte.
avatar
Mensagens : 667
Pontos : 3154
Honra : 235
Data de inscrição : 25/02/2013
Idade : 18
Localização : Não sei, pergunta para o Zoro :V
Sonhos Lúcidos :
13 / 99913 / 999
Sonhos Comuns :
26 / 99926 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qua Fev 12, 2014 9:45 pm
PARABÊNSSSSSSSSSSSSS PRAAAAAAAAAAA VOCÊEEEEEEEEEE
Mestre Hiriu completando mais 1 ano de vida.




avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2902
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qui Fev 13, 2014 1:06 pm
Putz cara, nem sabia que ontem era seu aniversário...
Parabéns por mais um ano de vida brother! vivagrupo
Mensagens : 1017
Pontos : 3326
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

em Qui Fev 13, 2014 8:23 pm
Sonhando com o fim do mundo hein háh! Cara, seus relatos são sempre sensacionais e a cena da possessão da mulher foi extraordinária tá aí algo que ainda não tentei colocar em pratica, bom sonhar sendo outra pessoa creio que seja algo comum para todos agora atingir dois níveis de consciência possuindo um corpo já é outra história, ótima experiência! certo
Conteúdo patrocinado

Re: Diário dos Sonhos Lúcidos do Hiriu

Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum