Conectar-se
Os membros mais ativos do mês
9 Mensagens - 50%
4 Mensagens - 22%
2 Mensagens - 11%
1 Mensagem - 6%
1 Mensagem - 6%
1 Mensagem - 6%
Votação
Qual a técnica que você utiliza para ficar lúcido?
Teste de Realidade
45% / 15
Totem
15% / 5
Incubação
12% / 4
Gatilho
6% / 2
Gravador de Voz ou Sons Binaurais
6% / 2
Outros
15% / 5
Parceiros
 sonhos=
 sonhos=
 animes=

Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Seg Jun 02, 2014 11:25 am
Reputação da mensagem: 100% (2 votos)
Master:
The Master escreveu:  Kkkkkkkkkk.  Alguns desse sonhos foram lúcidos. xD

  HHHUUUUUUMMMMMMMMM, Tava vendo a Sasha Grey né??  52 52 Por sorte esse aí foi um sonho. xD

Ô louco, que filme será que eles queriam assistir? :gargalhada:De repente era a Sasha Grey novamente! iori

 Nuss, achei interessante esse sexto fragmento.  Me lembrou de um sonho que tive em que devia fazer decisões se não sentia dor. O_O
Nossa achei que já tinha respondido seu post kkkk
Sim, ainda bem que era só um sonho, se fossa na vida real eu tava ferrado...
Olha, eu não duvido nada que o filme que eles quisessem ver fosse realmente da sasha grey kkkkk Serio mesmo, os guris nem tem barba ainda e já vem coisas mais pesadas que eu  perplexo 
Interessante, que sonho foi esse?


===================================================
108ª ENTRADA:
Sonhei que eu era um líder guerrilheiro que montava um acampamento do meio da mata e recrutava homens e mulheres dispostos a lutar pra derrubar uma ditadura!
No começo eu já tinha uma tropa pequena de pessoas que estavam em um acampamento provisório, nós tínhamos poucas armas, poucos suprimentos e 1 cavalo. Eu disse pra todos que ia entrar mais na mata, explorar o local pra descobrir algum lugar onde pudéssemos nos estabelecer definitivamente... nosso headquarter.
Peguei o cavalo e comecei a seguir uma trilha até que achei uma fazendo totalmente abandonada e decidi que era lá que ficaríamos... dai de repente, assim do nada mesmo todo mundo que tava no acampamento apareceu e já estava se instalando na fazenda... e sem mais nem menos eu deixei de ser o personagem principal do sonho e comecei a só observar a história... o líder revolucionário, que não era mais eu motivava seus soldados e os incentivava a luta, até que ele virou, Bart Simpson e dizer que sabia fazer contas de cabeça.
avatar
Mensagens : 1989
Pontos : 5606
Honra : 575
Data de inscrição : 10/03/2013
Idade : 17
Localização : Nippon, Namimori.
Sonhos Lúcidos :
50 / 99950 / 999
Sonhos Comuns :
300 / 999300 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Ter Jun 03, 2014 10:49 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Rasputin escreveu:Nossa achei que já tinha respondido seu post kkkk
Sim, ainda bem que era só um sonho, se fossa na vida real eu tava ferrado...
Olha, eu não duvido nada que o filme que eles quisessem ver fosse realmente da sasha grey kkkkk Serio mesmo, os guris nem tem barba ainda e já vem coisas mais pesadas que eu  perplexo 
Interessante, que sonho foi esse?

KKKKKKKKKKKKK Os garotos são hardcore. xD

Foi o sonho de número 108 da página 32. O engraçado que o Sonho que você teve também é de número 108. O_O Kkkk

===================================================
Rasputin escreveu:108ª ENTRADA:
Sonhei que eu era um líder guerrilheiro que montava um acampamento do meio da mata e recrutava homens e mulheres dispostos a lutar pra derrubar uma ditadura!
No começo eu já tinha uma tropa pequena de pessoas que estavam em um acampamento provisório, nós tínhamos poucas armas, poucos suprimentos e 1 cavalo. Eu disse pra todos que ia entrar mais na mata, explorar o local pra descobrir algum lugar onde pudéssemos nos estabelecer definitivamente... nosso headquarter.
Peguei o cavalo e comecei a seguir uma trilha até que achei uma fazendo totalmente abandonada e decidi que era lá que ficaríamos... dai de repente, assim do nada mesmo todo mundo que tava no acampamento apareceu e já estava se instalando na fazenda... e sem mais nem menos eu deixei de ser o personagem principal do sonho e comecei a só observar a história... o líder revolucionário, que não era mais eu motivava seus soldados e os incentivava a luta, até que ele virou, Bart Simpson e dizer que sabia fazer contas de cabeça.

KKKKKKKKKKKKK Que virada bizarra no final. iori Bem coisa de sonho mesmo! Ri aqui. 56

Mas deve ser daóra sonhar que é um guerrilheiro. 63 
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Ter Jun 03, 2014 10:57 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Master:
The Master escreveu:
Rasputin escreveu:Nossa achei que já tinha respondido seu post kkkk
Sim, ainda bem que era só um sonho, se fossa na vida real eu tava ferrado...
Olha, eu não duvido nada que o filme que eles quisessem ver fosse realmente da sasha grey kkkkk Serio mesmo, os guris nem tem barba ainda e já vem coisas mais pesadas que eu  perplexo 
Interessante, que sonho foi esse?

 KKKKKKKKKKKKK Os garotos são hardcore. xD

 Foi o sonho de número 108 da página 32. O engraçado que o Sonho que você teve também é de número 108. O_O Kkkk

===================================================
Rasputin escreveu:108ª ENTRADA:
Sonhei que eu era um líder guerrilheiro que montava um acampamento do meio da mata e recrutava homens e mulheres dispostos a lutar pra derrubar uma ditadura!
No começo eu já tinha uma tropa pequena de pessoas que estavam em um acampamento provisório, nós tínhamos poucas armas, poucos suprimentos e 1 cavalo. Eu disse pra todos que ia entrar mais na mata, explorar o local pra descobrir algum lugar onde pudéssemos nos estabelecer definitivamente... nosso headquarter.
Peguei o cavalo e comecei a seguir uma trilha até que achei uma fazendo totalmente abandonada e decidi que era lá que ficaríamos... dai de repente, assim do nada mesmo todo mundo que tava no acampamento apareceu e já estava se instalando na fazenda... e sem mais nem menos eu deixei de ser o personagem principal do sonho e comecei a só observar a história... o líder revolucionário, que não era mais eu motivava seus soldados e os incentivava a luta, até que ele virou, Bart Simpson e dizer que sabia fazer contas de cabeça.

  KKKKKKKKKKKKK Que virada bizarra no final. :KKK:Bem coisa de sonho mesmo! Ri aqui. 56

   Mas deve ser daóra sonhar que é um guerrilheiro. 63 
Coincidência? suspeito kkkk Vou procurar esse sonho no seu diário  muito feliz 
Pois é, foi bem legal sonhar que era guerrilheiro, só uma pena que não tava lúcido pra iniciar um tiroteio com os soldados inimigos!
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Ter Jun 03, 2014 11:29 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
109ª ENTRADA:
Fazia tempo que eu não conseguia lembrar de tantos detalhes de um mesmo sonho... ou que algum seguisse uma historia levemente "coerente", sem mudanças inexplicáveis no meio...
No sonho eu era um guerreiro viking lutando em uma montanha de neve contra criaturas selvagens que me atacavam, enquanto eu tentava alcançar um castelo que ficava no topo dela. A medida que eu avançava cada vez mais bestas me atacavam tentando parar minha marcha, mas eu abria caminho com meu machado de guerra e meu escudo.
Após um tempo subindo o monte avistei uma enorme mansão. Me aproximei o fui recebido na porta por um homem, na casa dos 40 anos, com vestes romanas... me recebeu com hospitalidade e eu desconfiei disso!
O homem conversou um pouco comigo e eu não lembro sobre o que falamos, mas me lembro que na minha parte de falar eu tinha sempre 3 ou 4 opções de frases a dizer, tipo como se fosse o jogo Skyrim.
De repente o homem me disse que eu poderia ser rei... que ele poderia me fazer rei! Nesse momento eu soube que algo estava errado! Aquilo que ele estava me propondo era um pacto... ele era um demônio em forma humana. Na verdade todos os habitantes daquela casa eram demônios em forma humana esperando por visitantes desavisados pra comprar suas almas em troca de glória terrena, cada um com sua especialidade e cada um pronto e me dar sua bênção, caso eu aceitasse os servir... lógico eles ainda não tinham me dito isso, mas de alguma forma eu sabia... e do nada um grande guerreiro entrou na casa, um famoso guerreiro e no sonho eu sabia quem ele era! Perguntei pasmo como ele não tinha morrido na ultima grande guerra (que grande guerra, isso eu não sei)... haviam rumores que ele tinha sido ferido de morte... e antes que o guerreiro pudesse responder, o homem romano disse que ele era assim mesmo, nada o podia ferir, como se fosse... imortal. Eu sabia que aquilo fazia parte da proposta dele de um pacto, mas não disse nada.
Eu nunca iria aceitar um pacto com um demônio, não importa o que ele oferecesse pois eu era um viking e quando morresse meu lugar deveria no salão dos mortos de Odin, o Valhalla!
Andei pela casa e vi uma mulher, também em roupas romanas, linda, pintando um quadro, e eu sabia que ela tmb era um demônio e me ofereceria um pacto, e estava preparado pra recusa-lo, não importa o que fosse.
Acordei


Wyrd bið ful aræd
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5606
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Ter Jun 03, 2014 3:34 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Rasputin escreveu:

Rasputin escreveu:108ª ENTRADA:
Sonhei que eu era um líder guerrilheiro que montava um acampamento do meio da mata e recrutava homens e mulheres dispostos a lutar pra derrubar uma ditadura!
No começo eu já tinha uma tropa pequena de pessoas que estavam em um acampamento provisório, nós tínhamos poucas armas, poucos suprimentos e 1 cavalo. Eu disse pra todos que ia entrar mais na mata, explorar o local pra descobrir algum lugar onde pudéssemos nos estabelecer definitivamente... nosso headquarter.
Peguei o cavalo e comecei a seguir uma trilha até que achei uma fazendo totalmente abandonada e decidi que era lá que ficaríamos... dai de repente, assim do nada mesmo todo mundo que tava no acampamento apareceu e já estava se instalando na fazenda... e sem mais nem menos eu deixei de ser o personagem principal do sonho e comecei a só observar a história... o líder revolucionário, que não era mais eu motivava seus soldados e os incentivava a luta, até que ele virou, Bart Simpson e dizer que sabia fazer contas de cabeça.
O líder guerrilheiro era o Bart Simpson?  gargalhada  Agora eu ri viu. iori 

Rasputin escreveu:

Rasputin escreveu:109ª ENTRADA:
Fazia tempo que eu não conseguia lembrar de tantos detalhes de um mesmo sonho... ou que algum seguisse uma historia levemente "coerente", sem mudanças inexplicáveis no meio...
No sonho eu era um guerreiro viking lutando em uma montanha de neve contra criaturas selvagens que me atacavam, enquanto eu tentava alcançar um castelo que ficava no topo dela. A medida que eu avançava cada vez mais bestas me atacavam tentando parar minha marcha, mas eu abria caminho com meu machado de guerra e meu escudo.
Após um tempo subindo o monte avistei uma enorme mansão. Me aproximei o fui recebido na porta por um homem, na casa dos 40 anos, com vestes romanas... me recebeu com hospitalidade e eu desconfiei disso!
O homem conversou um pouco comigo e eu não lembro sobre o que falamos, mas me lembro que na minha parte de falar eu tinha sempre 3 ou 4 opções de frases a dizer, tipo como se fosse o jogo Skyrim.
De repente o homem me disse que eu poderia ser rei... que ele poderia me fazer rei! Nesse momento eu soube que algo estava errado! Aquilo que ele estava me propondo era um pacto... ele era um demônio em forma humana. Na verdade todos os habitantes daquela casa eram demônios em forma humana esperando por visitantes desavisados pra comprar suas almas em troca de glória terrena, cada um com sua especialidade e cada um pronto e me dar sua bênção, caso eu aceitasse os servir... lógico eles ainda não tinham me dito isso, mas de alguma forma eu sabia... e do nada um grande guerreiro entrou na casa, um famoso guerreiro e no sonho eu sabia quem ele era! Perguntei pasmo como ele não tinha morrido na ultima grande guerra (que grande guerra, isso eu não sei)... haviam rumores que ele tinha sido ferido de morte... e antes que o guerreiro pudesse responder, o homem romano disse que ele era assim mesmo, nada o podia ferir, como se fosse... imortal. Eu sabia que aquilo fazia parte da proposta dele de um pacto, mas não disse nada.
Eu nunca iria aceitar um pacto com um demônio, não importa o que ele oferecesse pois eu era um viking e quando morresse meu lugar deveria no salão dos mortos de Odin, o Valhalla!
Andei pela casa e vi uma mulher, também em roupas romanas, linda, pintando um quadro, e eu sabia que ela tmb era um demônio e me ofereceria um pacto, e estava preparado pra recusa-lo, não importa o que fosse. 
Acordei 
Engraçado, sempre achei que o viking quando morria, seu corpo era colocado numa pequena embarcação junto com suas armas e seus pertences. Depois, a embarcação era empurrada pra alto mar, longe da praia. E um arqueiro, em terra firme, atirava uma flecha pegando fogo que atingia a embarcação fúnebre, fazendo ela pegar fogo até afundar nas águas do mar. Eu pensava que era assim. Por que eu vi os vikings fazendo esse ritual em algum filme, se eu não me engano. certo
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 04, 2014 10:35 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Ramon escreveu:
Rasputin escreveu:

Rasputin escreveu:108ª ENTRADA:
Sonhei que eu era um líder guerrilheiro que montava um acampamento do meio da mata e recrutava homens e mulheres dispostos a lutar pra derrubar uma ditadura!
No começo eu já tinha uma tropa pequena de pessoas que estavam em um acampamento provisório, nós tínhamos poucas armas, poucos suprimentos e 1 cavalo. Eu disse pra todos que ia entrar mais na mata, explorar o local pra descobrir algum lugar onde pudéssemos nos estabelecer definitivamente... nosso headquarter.
Peguei o cavalo e comecei a seguir uma trilha até que achei uma fazendo totalmente abandonada e decidi que era lá que ficaríamos... dai de repente, assim do nada mesmo todo mundo que tava no acampamento apareceu e já estava se instalando na fazenda... e sem mais nem menos eu deixei de ser o personagem principal do sonho e comecei a só observar a história... o líder revolucionário, que não era mais eu motivava seus soldados e os incentivava a luta, até que ele virou, Bart Simpson e dizer que sabia fazer contas de cabeça.
O líder guerrilheiro era o Bart Simpson?  gargalhada  Agora eu ri viu. iori 

Rasputin escreveu:

Rasputin escreveu:109ª ENTRADA:
Fazia tempo que eu não conseguia lembrar de tantos detalhes de um mesmo sonho... ou que algum seguisse uma historia levemente "coerente", sem mudanças inexplicáveis no meio...
No sonho eu era um guerreiro viking lutando em uma montanha de neve contra criaturas selvagens que me atacavam, enquanto eu tentava alcançar um castelo que ficava no topo dela. A medida que eu avançava cada vez mais bestas me atacavam tentando parar minha marcha, mas eu abria caminho com meu machado de guerra e meu escudo.
Após um tempo subindo o monte avistei uma enorme mansão. Me aproximei o fui recebido na porta por um homem, na casa dos 40 anos, com vestes romanas... me recebeu com hospitalidade e eu desconfiei disso!
O homem conversou um pouco comigo e eu não lembro sobre o que falamos, mas me lembro que na minha parte de falar eu tinha sempre 3 ou 4 opções de frases a dizer, tipo como se fosse o jogo Skyrim.
De repente o homem me disse que eu poderia ser rei... que ele poderia me fazer rei! Nesse momento eu soube que algo estava errado! Aquilo que ele estava me propondo era um pacto... ele era um demônio em forma humana. Na verdade todos os habitantes daquela casa eram demônios em forma humana esperando por visitantes desavisados pra comprar suas almas em troca de glória terrena, cada um com sua especialidade e cada um pronto e me dar sua bênção, caso eu aceitasse os servir... lógico eles ainda não tinham me dito isso, mas de alguma forma eu sabia... e do nada um grande guerreiro entrou na casa, um famoso guerreiro e no sonho eu sabia quem ele era! Perguntei pasmo como ele não tinha morrido na ultima grande guerra (que grande guerra, isso eu não sei)... haviam rumores que ele tinha sido ferido de morte... e antes que o guerreiro pudesse responder, o homem romano disse que ele era assim mesmo, nada o podia ferir, como se fosse... imortal. Eu sabia que aquilo fazia parte da proposta dele de um pacto, mas não disse nada.
Eu nunca iria aceitar um pacto com um demônio, não importa o que ele oferecesse pois eu era um viking e quando morresse meu lugar deveria no salão dos mortos de Odin, o Valhalla!
Andei pela casa e vi uma mulher, também em roupas romanas, linda, pintando um quadro, e eu sabia que ela tmb era um demônio e me ofereceria um pacto, e estava preparado pra recusa-lo, não importa o que fosse. 
Acordei 
Engraçado, sempre achei que o viking quando morria, seu corpo era colocado numa pequena embarcação junto com suas armas e seus pertences. Depois, a embarcação era empurrada pra alto mar, longe da praia. E um arqueiro, em terra firme, atirava uma flecha pegando fogo que atingia a embarcação fúnebre, fazendo ela pegar fogo até afundar nas águas do mar. Eu pensava que era assim. Por que eu vi os vikings fazendo esse ritual em algum filme, se eu não me engano. certo
Sim, os vikings faziam mesmo esse ritual de colocar o corpo num barco e incendiá-lo... isso que eu falei de ir pro salão dos mortos, o Valhalla, é uma crença que eles tinham sobre a "vida após a morte", na qual se dizia que quando um guerreiro morria bravamente em batalha, uma valquíria (ser mitológico) o levaria pro Valhalla, onde ele se juntaria ao exército de Odin, festejando e bebendo todas as noites e treinando pra grande batalha final (ragnarök, uma tipo um "fim do mundo" nórdico) todos os dias!
avatar
Mensagens : 1989
Pontos : 5606
Honra : 575
Data de inscrição : 10/03/2013
Idade : 17
Localização : Nippon, Namimori.
Sonhos Lúcidos :
50 / 99950 / 999
Sonhos Comuns :
300 / 999300 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 04, 2014 11:14 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Nuss, que sonho fod*.  43 Você anda estudando a época medieval essas coisas? Porque cê vem sonhando com Guerrilheiros, Vikings. xD

Esse sonho me lembrou bem os sonhos do Emerson. Parece um pequeno conto. xD

Ramon escreveu:Engraçado, sempre achei que o viking quando morria, seu corpo era colocado numa pequena embarcação junto com suas armas e seus pertences. Depois, a embarcação era empurrada pra alto mar, longe da praia. E um arqueiro, em terra firme, atirava uma flecha pegando fogo que atingia a embarcação fúnebre, fazendo ela pegar fogo até afundar nas águas do mar. Eu pensava que era assim. Por que eu vi os vikings fazendo esse ritual em algum filme, se eu não me engano.

Nossa, que daóra. Aprendi uma coisa nova. :3
avatar
Mensagens : 1178
Pontos : 3923
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 22
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 04, 2014 10:42 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
108- por alguma razão esse sonho me lembrou a guerra civil americana. Gostei de ver, o pessoal, a situação, sempre te achei meio revolucionário, agora ainda mais... Menos a parte do Bart, essa não é de revolução.  gargalhada 

109- sonhar que foi um guerreiro, isso pode ter uma simbologia bem bacana para o inconsciente. Talvez uma memória de outra idade, em que algo não estava bem, mas, você lutava para se dar bem o quanto podia. Sobre os pactos, não sei dizer, talvez tenham sido as facilidades da vida, que você não optou por ter e preferiu ter um caminho mais difícil, porém certo. Sei lá. Mas o enredo, como conto, está bem bacana. Abraços.
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qui Jun 05, 2014 10:38 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Master:
The Master escreveu:  Nuss, que sonho fod*.  43 Você anda estudando a época medieval essas coisas? Porque cê vem sonhando com Guerrilheiros, Vikings. xD

   Esse sonho me lembrou bem os sonhos do Emerson. Parece um pequeno conto. xD

Ramon escreveu:Engraçado, sempre achei que o viking quando morria, seu corpo era colocado numa pequena embarcação junto com suas armas e seus pertences. Depois, a embarcação era empurrada pra alto mar, longe da praia. E um arqueiro, em terra firme, atirava uma flecha pegando fogo que atingia a embarcação fúnebre, fazendo ela pegar fogo até afundar nas águas do mar. Eu pensava que era assim. Por que eu vi os vikings fazendo esse ritual em algum filme, se eu não me engano.

 Nossa, que daóra. Aprendi uma coisa nova. :3
Sim, eu gosto de pesquisar este assunto, principalmente quando se trata dos vikings... eu acho a história e as crenças deles muito interessantes!

Emerson:
EmersonPawoski escreveu:108- por alguma razão esse sonho me lembrou a guerra civil americana. Gostei de ver, o pessoal, a situação, sempre te achei meio revolucionário, agora ainda mais... Menos a parte do Bart, essa não é de revolução.  gargalhada 

109- sonhar que foi um guerreiro, isso pode ter uma simbologia bem bacana para o inconsciente. Talvez uma memória de outra idade, em que algo não estava bem, mas, você lutava para se dar bem o quanto podia. Sobre os pactos, não sei dizer, talvez tenham sido as facilidades da vida, que você não optou por ter e preferiu ter um caminho mais difícil, porém certo. Sei lá. Mas o enredo, como conto, está bem bacana. Abraços.
Realmente, a parte do Bart estragou o clima de revolução  lingua 
Interessante, acho que essa interpretação faz sentido... Vc manja desse assunto, de fazer interpretação dos sonhos? Onde vc aprendeu?
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5606
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qui Jun 05, 2014 9:53 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Rasputin escreveu:

Rasputin escreveu:
Ramon escreveu:
Rasputin escreveu:

Rasputin escreveu:108ª ENTRADA:
Sonhei que eu era um líder guerrilheiro que montava um acampamento do meio da mata e recrutava homens e mulheres dispostos a lutar pra derrubar uma ditadura!
No começo eu já tinha uma tropa pequena de pessoas que estavam em um acampamento provisório, nós tínhamos poucas armas, poucos suprimentos e 1 cavalo. Eu disse pra todos que ia entrar mais na mata, explorar o local pra descobrir algum lugar onde pudéssemos nos estabelecer definitivamente... nosso headquarter.
Peguei o cavalo e comecei a seguir uma trilha até que achei uma fazendo totalmente abandonada e decidi que era lá que ficaríamos... dai de repente, assim do nada mesmo todo mundo que tava no acampamento apareceu e já estava se instalando na fazenda... e sem mais nem menos eu deixei de ser o personagem principal do sonho e comecei a só observar a história... o líder revolucionário, que não era mais eu motivava seus soldados e os incentivava a luta, até que ele virou, Bart Simpson e dizer que sabia fazer contas de cabeça.
O líder guerrilheiro era o Bart Simpson?  gargalhada  Agora eu ri viu. iori 

Rasputin escreveu:

Rasputin escreveu:109ª ENTRADA:
Fazia tempo que eu não conseguia lembrar de tantos detalhes de um mesmo sonho... ou que algum seguisse uma historia levemente "coerente", sem mudanças inexplicáveis no meio...
No sonho eu era um guerreiro viking lutando em uma montanha de neve contra criaturas selvagens que me atacavam, enquanto eu tentava alcançar um castelo que ficava no topo dela. A medida que eu avançava cada vez mais bestas me atacavam tentando parar minha marcha, mas eu abria caminho com meu machado de guerra e meu escudo.
Após um tempo subindo o monte avistei uma enorme mansão. Me aproximei o fui recebido na porta por um homem, na casa dos 40 anos, com vestes romanas... me recebeu com hospitalidade e eu desconfiei disso!
O homem conversou um pouco comigo e eu não lembro sobre o que falamos, mas me lembro que na minha parte de falar eu tinha sempre 3 ou 4 opções de frases a dizer, tipo como se fosse o jogo Skyrim.
De repente o homem me disse que eu poderia ser rei... que ele poderia me fazer rei! Nesse momento eu soube que algo estava errado! Aquilo que ele estava me propondo era um pacto... ele era um demônio em forma humana. Na verdade todos os habitantes daquela casa eram demônios em forma humana esperando por visitantes desavisados pra comprar suas almas em troca de glória terrena, cada um com sua especialidade e cada um pronto e me dar sua bênção, caso eu aceitasse os servir... lógico eles ainda não tinham me dito isso, mas de alguma forma eu sabia... e do nada um grande guerreiro entrou na casa, um famoso guerreiro e no sonho eu sabia quem ele era! Perguntei pasmo como ele não tinha morrido na ultima grande guerra (que grande guerra, isso eu não sei)... haviam rumores que ele tinha sido ferido de morte... e antes que o guerreiro pudesse responder, o homem romano disse que ele era assim mesmo, nada o podia ferir, como se fosse... imortal. Eu sabia que aquilo fazia parte da proposta dele de um pacto, mas não disse nada.
Eu nunca iria aceitar um pacto com um demônio, não importa o que ele oferecesse pois eu era um viking e quando morresse meu lugar deveria no salão dos mortos de Odin, o Valhalla!
Andei pela casa e vi uma mulher, também em roupas romanas, linda, pintando um quadro, e eu sabia que ela tmb era um demônio e me ofereceria um pacto, e estava preparado pra recusa-lo, não importa o que fosse. 
Acordei 
Engraçado, sempre achei que o viking quando morria, seu corpo era colocado numa pequena embarcação junto com suas armas e seus pertences. Depois, a embarcação era empurrada pra alto mar, longe da praia. E um arqueiro, em terra firme, atirava uma flecha pegando fogo que atingia a embarcação fúnebre, fazendo ela pegar fogo até afundar nas águas do mar. Eu pensava que era assim. Por que eu vi os vikings fazendo esse ritual em algum filme, se eu não me engano. certo
Sim, os vikings faziam mesmo esse ritual de colocar o corpo num barco e incendiá-lo... isso que eu falei de ir pro salão dos mortos, o Valhalla, é uma crença que eles tinham sobre a "vida após a morte", na qual se dizia que quando um guerreiro morria bravamente em batalha, uma valquíria (ser mitológico) o levaria pro Valhalla, onde ele se juntaria ao exército de Odin, festejando e bebendo todas as noites e treinando pra grande batalha final (ragnarök, uma tipo um "fim do mundo" nórdico) todos os dias!
Interessante isso aí. Não sabia não. Conheço pouco da história dos vikings. Mas eu gosto desse tipo de história e adoro mitologia também. certo
avatar
Mensagens : 1989
Pontos : 5606
Honra : 575
Data de inscrição : 10/03/2013
Idade : 17
Localização : Nippon, Namimori.
Sonhos Lúcidos :
50 / 99950 / 999
Sonhos Comuns :
300 / 999300 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Sex Jun 06, 2014 12:04 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Rasputin escreveu:Sim, eu gosto de pesquisar este assunto, principalmente quando se trata dos vikings... eu acho a história e as crenças deles muito interessantes!

Só espero não ter que estuda-los na escola. iori Não que eu não goste dos Vikings, porque na verdade, eu odeio qualquer coisa que haja trabalho. gargalhada
avatar
Mensagens : 1178
Pontos : 3923
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 22
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Sab Jun 07, 2014 9:38 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
hahaha Não aprendi, foi com experiências, ou se quiser dizer que aprendi... Aprendi com a vida. Mas não é sempre que acerto, têm um pessoal aqui do fórum que é bem melhor que eu. Abraços.
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 18, 2014 1:04 pm
The Master escreveu:
Rasputin escreveu:Sim, eu gosto de pesquisar este assunto, principalmente quando se trata dos vikings... eu acho a história e as crenças deles muito interessantes!

 Só espero não ter que estuda-los na escola. iori Não que eu não goste dos Vikings, porque na verdade, eu odeio qualquer coisa que haja trabalho. gargalhada
Acho que na escola não se aprende quase nada sobre eles, eu pelo menos não lembro de ter tido nenhuma aula sobre eles  Crying or Very sad 

EmersonPawoski escreveu:hahaha Não aprendi, foi com experiências, ou se quiser dizer que aprendi... Aprendi com a vida. Mas não é sempre que acerto, têm um pessoal aqui do fórum que é bem melhor que eu. Abraços.
Que legal, acho que aprender pela experiência tmb vale bastante!
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 18, 2014 2:02 pm
Reputação da mensagem: 100% (2 votos)
110ª ENTRADA:
Sonho 1: No sonho eu era um arqueiro e andava em uma cidade... Suas casas eram feitas de madeira ou de pedra, e ela tinha um formato circular. No centro havia um belo jardim, tmb em formato circular, alguns metros abaixo do nível da cidade, de modo que seus moradores podiam ver todo o jardim de cima. Me aproximei da borda para vê-lo, e acabei caindo lá embaixo!
Lá embaixo vi que, haviam duas cavernas no jardim, uma de frente pra outra... de cada caverna saiu um gigante, e eles começaram a tentar matar um ao outro. Como eu sabia que quando um deles vencesse, viria atrás de mim, e não havia como eu escapar do jardim a tempo, peguei meu arco e comecei mandar flechas em ambos os gigantes. Nessa hora vi a barra de vida deles, que não perdeu quase nada de HP... quando vi que minhas flechas não estavam nem fazendo cócegas neles, vi que havia me fod... não sei como, quando me dei por mim estava de volta na cidade, vendo o jardim de cima e conversando com uma garota que me explicavam que os gigantes comandavam a cidade e bolávamos um plano pra retira-los de seu poder tirânico, que incluía provar a relação deles com o trafico de drogas (observação pessoal: WAT?)

Sonho2: Estou em um shopping center, em um elevador panorâmico junto com 2 amigas da época de escola, e de algum modo sabemos que o mundo vai acabar... uma delas me abraça, com medo, e eu retribuo de maneira protetora... descemos até o estacionamento, que é estranhamente grande. Não lembro o que ocorreu depois disso. Este shopping não existe na vida real, mas eu acho que já sonhei com ele antes... mais de uma vez.

sonho3:Este foi meio confuso... eu estava em uma ilha, que era governada por praticantes de magia negra, e tinha uma mulher que assim como eu estava simplesmente tentando sobreviver naquela situação.
Não sei como, adentramos em uma caverna onde os eram realizados os sacrifícios e começamos a lutar contra necromantes enfurecidos. Matamos quase todos, e só sobrava um... ou melhor uma, a líder do grupo, que vestia trajes extremamente sensuais! Ela disse que se nós os deixássemos em paz, eles tmb parariam de tentar nos matar, e quando eu iria abria a boca pra responder a mulher que me ajudava, perguntou: E o que nós ganhamos com isso? Dai...quando dei por mim as duas estavam nuas, peladas, sem roupa, como vieram ao mundo, se beijando na minha frente...a necromante faz a mulher que me ajuda sentar-se no chão e elas começam... bom crianças, para não entrar em detalhes digamos que elas começaram a "brigar"... e eu me vi na obrigação de "intervir"! 33 
Mas quando eu me aproximei para "separar a briga", a cena mudou  nao3 nao3 nao3 nao3 nao3 nao3 nao3 
Agora nós estávamos, de novo lutando contra necromantes, só que dessa vez tínhamos armas de fogo (a minha era uma espingarda calibre 12). Quando matamos todos os necromantes alguém bota uma arma em minha nuca e falar pra eu largar a arma, me viro e vejo que tem duas pessoas, vestidas de modo muito estranho atrás de mim, ambos de vermelho, com uma roupa que cobre todo o corpo e um capacete tmb vermelho com visor totalmente preto, são um homem e uma mulher (ela que aponta a arma pra mim), e ela diz que nos deixara em paz se eu não me transformar em lobisomem perto deles (eu nem sabia que era lobisomem!), eu falo que tudo bem! De repente a cena muda de novo e estamos os quatro (eu, a mulher que tem me ajudado desde o começo, e os dois de vermelho) em volta de uma fogueira, a noite! Agora os dois de vermelho não estão mais com aqueles roupas estranhas e posso ver seus rostos. O homem é moreno, tem olhos escuros e senti que dava pra confiar nele. A mulher era loira, de olhos azuis e pelo que parecia, muito lasciva e sensual.
Nós nos preparávamos para um ataque (conta quem?) e loirinha se trocava na nossa frente, como se querendo (conseguindo) provocar "animação"... lembro que ela usava calcinha branca...
após isso ela colocou de novo a roupa vermelha estranha... quando vi todos ja estavam prontos... peguei minha calibre 12 e acordei.


Wyrd bið ful aræd
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5606
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 18, 2014 8:16 pm
Sonho 1:
Rasputin escreveu:110ª ENTRADA:
Sonho 1: No sonho eu era um arqueiro e andava em uma cidade... Suas casas eram feitas de madeira ou de pedra, e ela tinha um formato circular. No centro havia um belo jardim, tmb em formato circular, alguns metros abaixo do nível da cidade, de modo que seus moradores podiam ver todo o jardim de cima. Me aproximei da borda para vê-lo, e acabei caindo lá embaixo!
Lá embaixo vi que, haviam duas cavernas no jardim, uma de frente pra outra... de cada caverna saiu um gigante, e eles começaram a tentar matar um ao outro. Como eu sabia que quando um deles vencesse, viria atrás de mim, e não havia como eu escapar do jardim a tempo, peguei meu arco e comecei mandar flechas em ambos os gigantes. Nessa hora vi a barra de vida deles, que não perdeu quase nada de HP... quando vi que minhas flechas não estavam nem fazendo cócegas neles, vi que havia me fod... não sei como, quando me dei por mim estava de volta na cidade, vendo o jardim de cima e conversando com uma garota que me explicavam que os gigantes comandavam a cidade e bolávamos um plano pra retira-los de seu poder tirânico, que incluía provar a relação deles com o trafico de drogas (observação pessoal: WAT?)
É incrível como o nosso subconsciente vive nos trollando nos sonhos. Você viu gigantes lutando e nem desconfiou que poderia estar sonhando. gargalhada 

Sonho 2:
Sonho2: Estou em um shopping center, em um elevador panorâmico junto com 2 amigas da época de escola, e de algum modo sabemos que o mundo vai acabar... uma delas me abraça, com medo, e eu retribuo de maneira protetora... descemos até o estacionamento, que é estranhamente grande. Não lembro o que ocorreu depois disso. Este shopping não existe na vida real, mas eu acho que já sonhei com ele antes... mais de uma vez.
Pintou um clima de romance. Pena que o sonho acabou.

Sonho 3:
sonho3:Este foi meio confuso... eu estava em uma ilha, que era governada por praticantes de magia negra, e tinha uma mulher que assim como eu estava simplesmente tentando sobreviver naquela situação.
Não sei como, adentramos em uma caverna onde os eram realizados os sacrifícios e começamos a lutar contra necromantes enfurecidos. Matamos quase todos, e só sobrava um... ou melhor uma, a líder do grupo, que vestia trajes extremamente sensuais! Ela disse que se nós os deixássemos em paz, eles tmb parariam de tentar nos matar, e quando eu iria abria a boca pra responder a mulher que me ajudava, perguntou: E o que nós ganhamos com isso? Dai...quando dei por mim as duas estavam nuas, peladas, sem roupa, como vieram ao mundo, se beijando na minha frente...a necromante faz a mulher que me ajuda sentar-se no chão e elas começam... bom crianças, para não entrar em detalhes digamos que elas começaram a "brigar"... e eu me vi na obrigação de "intervir"! 33 
Mas quando eu me aproximei para "separar a briga", a cena mudou  nao3 nao3 nao3 nao3 nao3 nao3 nao3 
Agora nós estávamos, de novo lutando contra necromantes, só que dessa vez tínhamos armas de fogo (a minha era uma espingarda calibre 12). Quando matamos todos os necromantes alguém bota uma arma em minha nuca e falar pra eu largar a arma, me viro e vejo que tem duas pessoas, vestidas de modo muito estranho atrás de mim, ambos de vermelho, com uma roupa que cobre todo o corpo e um capacete tmb vermelho com visor totalmente preto, são um homem e uma mulher (ela que aponta a arma pra mim), e ela diz que nos deixara em paz se eu não me transformar em lobisomem perto deles (eu nem sabia que era lobisomem!), eu falo que tudo bem! De repente a cena muda de novo e estamos os quatro (eu, a mulher que tem me ajudado desde o começo, e os dois de vermelho) em volta de uma fogueira, a noite! Agora os dois de vermelho não estão mais com aqueles roupas estranhas e posso ver seus rostos. O homem é moreno, tem olhos escuros e senti que dava pra confiar nele. A mulher era loira, de olhos azuis e pelo que parecia, muito lasciva e sensual.
Nós nos preparávamos para um ataque (conta quem?) e loirinha se trocava na nossa frente, como se querendo (conseguindo) provocar "animação"... lembro que ela usava calcinha branca...
após isso ela colocou de novo a roupa vermelha estranha... quando vi todos ja estavam prontos... peguei minha calibre 12 e acordei.
Briga de mulheres peladas? Esse sonho foi quente então. Kkkkk

Tem sonhos que parecem um filme de ação com aventura. Deixa aquele gostinho de "quero mais". Ainda estou imaginando a cena das mulheres nuas lutando. gargalhada 
avatar
Mensagens : 1989
Pontos : 5606
Honra : 575
Data de inscrição : 10/03/2013
Idade : 17
Localização : Nippon, Namimori.
Sonhos Lúcidos :
50 / 99950 / 999
Sonhos Comuns :
300 / 999300 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 18, 2014 9:35 pm


Que sonho hein, Killer! 56 É quando esse tipo de coisa acontece que agente deseja estar lúcido ou que seja vida real! iori

Fico até imaginando como seria a mulher que estava usando roupas super sensuais. xD Será que não era igual a Sorceress do jogo Dragon's Crown??

Spoiler:

PS: Pesquisa o nome do jogo junto com ela pra cê ver. XD
avatar
Mensagens : 1178
Pontos : 3923
Honra : 670
Data de inscrição : 25/03/2013
Idade : 22
Localização : Morretes/ PR
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuáriohttp://naturezaevolutiva.blogspot.com.br/

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Jun 18, 2014 11:04 pm
110

1-que lugar bonito essa cidadezinha, ainda mais com todos esses detalhes que você deu. Sim, faz todo o sentido, os gigantes eram pessoas normais que com o uso de drogas ficaram grandes...

2- curioso esse shopping não existir na vida real, pode ser um mix de vários shoppings que sua mente já conheceu... Quem sabe...

3- puxa que pena que elas brigaram. Bem que tudo podia ficar bem, né, a menina lá queria um trato. Violência nunca é a solução. Gostei do final, do fato de você ter feito amizade com os outros dois. Quem sabe que mais aventuras viriam depois?!... Abraços.
avatar
Mensagens : 646
Pontos : 2395
Honra : 310
Data de inscrição : 20/10/2013
Idade : 28
Sonhos Lúcidos :
38 / 99938 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Dom Jun 22, 2014 4:16 pm
"Este shopping não existe na vida real, mas eu acho que já sonhei com ele antes... mais de uma vez."

Então, isso acontece frequentemente comigo. Minha tese e de que assim como a realidade, algumas formações do cenário onírico ficam na memoria que pode ser vivida em outros sonho. Sera?


CORES DOS MEUS RELATOS:

  • Analise ou pensamento/observação.
  • Dialogo, titulo
  • Descrição de um cenário/objeto/pessoa.
  • Realidade ou fato importante.

Orvalho do sonhar:
Fantasiar me conforta
Deslumbrado a imaginar
Sera que e so eu?
Ou alguem se importa?


para nao se desesperar
Sucumbir em expectativas
pois se nao suprir
Posso pelo menos sonhar

Sair desse lugar imundo
Fingir que nao e isso
Tornar tudo intenso
Criar o próprio mundo


Injetar alegria
Olhar fixo para o nada
Rir sozinho
Ate o final do dia


Sentir a liberdade ao voar
Observar o próprio reflexo
E fechar os olhos
Para voltar a sonhar

(Hiriu)
Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Ter Jul 29, 2014 3:04 pm
Háh! Killer jogando muito Skyrim ou assitindo muito Supernatural auehauehauhe iori
Estava lendo seus relatórios desde o meu ultimo post.
O sonho que você era um Viking eu meio que comecei a criar um vídeo clipe em minha mente imaginando a cena enquanto golpeava as criaturas das montanhas, uaehaueh muito show adoro sonhos com batalhas medievais são sempre cheio de emoções e adrenalina! certo
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5606
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Ter Jul 29, 2014 3:12 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Killer virou Rasputin, depois voltou a ser Killer. Está diferente, está mudado. Igual ao fórum. O fórum também mudou profundamente. Até eu mudei, mudei profundamente a minha maneira de ver a realidade aqui no fórum. gargalhada 
avatar
Mensagens : 27
Pontos : 828
Honra : 6
Data de inscrição : 08/06/2015
Idade : 17
Localização : Campo Grande
Sonhos Lúcidos :
1 / 9991 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Ter Ago 04, 2015 4:13 pm
Killer tu eve ter uma mente muito lasciva pra ter um sonho tão erótico assim iori


avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5606
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Ago 05, 2015 12:44 am
Ramon escreveu:Killer virou Rasputin, depois voltou a ser Killer. Está diferente, está mudado. Igual ao fórum. O fórum também mudou profundamente. Até eu mudei, mudei profundamente a minha maneira de ver a realidade aqui no fórum. gargalhada 
Olhando assim, parece até que foi outro Ramon, escrevendo pra outro Killer em uma outra época bem distante. Kkkk
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qua Ago 05, 2015 7:28 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
U'sharg Hauch escreveu:Killer tu eve ter uma mente muito lasciva pra ter um sonho tão erótico assim iori
Poxa, vc desenterrou o tópico hein lol
Pois é né mano, se divertir nos sonhos é importante kkkkkk

Ramon escreveu:
Ramon escreveu:Killer virou Rasputin, depois voltou a ser Killer. Está diferente, está mudado. Igual ao fórum. O fórum também mudou profundamente. Até eu mudei, mudei profundamente a minha maneira de ver a realidade aqui no fórum. gargalhada 
Olhando assim, parece até que foi outro Ramon, escrevendo pra outro Killer em uma outra época bem distante. Kkkk
Se pensar bem era msm kkkk. Mudamos o tempo todo, evoluido sempre.


Wyrd bið ful aræd
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5606
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qui Ago 06, 2015 4:09 am
Killer escreveu :

Killer escreveu:
Ramon escreveu:Killer virou Rasputin, depois voltou a ser Killer. Está diferente, está mudado. Igual ao fórum. O fórum também mudou profundamente. Até eu mudei, mudei profundamente a minha maneira de ver a realidade aqui no fórum. gargalhada 
Olhando assim, parece até que foi outro Ramon, escrevendo pra outro Killer em uma outra época bem distante. Kkkk
Se pensar bem era msm kkkk. Mudamos o tempo todo, evoluido sempre.
brindar
avatar
Mensagens : 848
Pontos : 2956
Honra : 347
Data de inscrição : 25/02/2013
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos do Killer

em Qui Fev 18, 2016 8:23 pm
Reputação da mensagem: 100% (2 votos)
Recomençando

Bem pessoal, devido a dificuldades técnicas fiquei um tempinho fora, vagando pelo mundo real, longe tanto do fórum quanto dos sonhos lúcidos. Mas um belo dia me cansei da repetição interminavel que o mundo físico tão brutalmente nos impõe e decidi me voltar novamente para os domínios oníricos.
Então cá estou eu aqui novamente, recomeçando do zero após um longo tempo.

E para tirar a poeira deste velho e esquecido diario onírico, um relato das experiências da última noite (ou pelo menos do que consegui me lembrar)

111ª ENTRADA:
Estava em casa, ou pelo menos em uma versão extremamente abstrata da minha casa, quando recebi a visita de um de meus tios. Ele me disse, em tom sério, que precisava falar comigo sobre algo muito importante, mas que eu deveria o encontrar em outro lugar para isso, como se não fosse seguro falar dentro de casa. Combinamos um lugar e um horario para conversarmos. Ele foi embora.
Assisti teve por algum tempo e decidi sair de casa, provavelmente para falar com meu tio. Não me lembro o que aconteceu imediatamente após isso. Me lembro que em certo ponto do sonho me encontrava perto do mar, indo em direção a uma velha e sobria cabana. O mar ficava perto de uma cidade e o cenário era todo abstrato, assim como minha casa. Era um cenário bem... cúbico, eu acho.
Também me lembro que possuia uma lista de 5 nomes. O que deveria fazer com estas 5 pessoas, eu já não sei.
Ao entrar na cabana, me deparei com vários simbolos estranhos desenhados no chão. Eu sabia que eram simbolos usados em invocações. De alguma forma, "ativei" um deles e em minha frente abriu-se um portal para o "mundo real". No sonho eu vivia em uma espécie de micro-realidade, que existia dentro de uma realidade maior, e é para lá que o portal apontava.
Observei o outro lado do portal e vi eventos passados, ligados a história daquela cabana. Na visão que tive, dois homens do "mundo real" conversavam, um deles era um capitão de naviu e sua esposa havia sido enviada ao meu mundo, por alguma razão desconhecida. Ela havia morado naquela cabana, mas algo terrivel havia acontecido com ela. O homem sabia disso e por isso estava desesperado, querendo ele mesmo entrar na minha realidade para resgata-la.
Também tive uma "visão" da mulher através do portal. Ela era extremamente pálida e tinha uma aparencia meio sem vida. Senti que havia algo muito errado com ela, algo quase sobrenatural. Também vi ela sobrendo um processo cirurgico que deveria prepara-la para este mundo, no qual algo era implando atrás de sua retina.
De alguma forma, soube que ela era a primeira pessoa da minha lista. O primeiro nome.
Acordei.
Em algum ponto deste sonho, também lembro de ter uma arma apontada para minha cabeça, mas não sei exatamente como ou quando isso aconteceu.


Wyrd bið ful aræd
Conteúdo patrocinado

Re: Diário dos Sonhos do Killer

Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum