Conectar-se
Os membros mais ativos do mês
9 Mensagens - 50%
4 Mensagens - 22%
2 Mensagens - 11%
1 Mensagem - 6%
1 Mensagem - 6%
1 Mensagem - 6%
Votação
Qual a técnica que você utiliza para ficar lúcido?
Teste de Realidade
45% / 15
Totem
15% / 5
Incubação
12% / 4
Gatilho
6% / 2
Gravador de Voz ou Sons Binaurais
6% / 2
Outros
15% / 5
Parceiros
 sonhos=
 sonhos=
 animes=

Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Diário dos Sonhos da Veivi

em Sex Mar 03, 2017 1:39 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Olá pessoal! Enfim me organizei para escrever meus sonhos, vou começar escrevendo os sonhos mais significantes para mim da minha infância, nem imagino a data e alguns detalhes cairam no esquecimento, mas acredito que tinha 4 anos quando tive esse primeiro sonho:

Tinha a visão de uma sala escura, lá estavam conversando uma bruxa e um médico, eles estavam com um plano maquiavélico de me sequestrar e acho que queriam fazer uma sopa mim, pois a bruxa mexia no caldeirão e lambia os lábios finos e roxos dela, não dava para ver a cara toda do médico já que ele estava usando a máscara de fazer cirurgia, notei que ele era magro e branco, de olhos e cabelos castanhos escuros, eu acordei assustada  e fiquei ainda mais quando olhei pela janela de vidro uma sombra que parecia a cabeça de alguém se mexendo, chamei minha mãe que resolveu o mistério logo: era apenas a sombra da árvore sendo projetada na janela do meu quarto. (Eu tive durante algum tempo pesadelos com médicos, pois quando tinha 4 anos tive de fazer cirurgia de amígdalas e me revoltei muito com um médico ou enfermeiro que colocou um pano na minha cara sem nem me avisar antes que era para a anestesia).
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sex Mar 03, 2017 2:51 pm
Nesse sonho eu estava caminhando com meu pai na minha escola, até então não tinha nenhum motivo para duvidar da realidade, tudo estava como na vigília, mas quando fui segurar na mão do meu pai percebi que estava diferente, bem pálida e menor, foi quando vi que não era a mão dele e pior: a mão não tinha corpo, ficou agarrada na minha e acordei desesperada tentando tirar. (Acho que foi por assistir A Família Adams, pois a mão era muito parecida com a do personagem mãozinha)

Esse outro sonho estava dormindo em casa, só que o cenário foi na casa da minha vó materna, sonhei que estava saindo escondida de lá reivindicando minha independência, ao atravessar a rua parei em uma casa de muro de pedras, pois algo me chamou a atenção, em primeiro momento achei que era uns pintinhos, como sempre achei fofinho os filhotinhos da galinha fui pegar um, no que eu fui me aproximando percebi que na verdade era uma tarântula enorme, em vez de sair correndo eu peguei o aracnídeo com uma mão só e esmaguei, odiei aquela sensação e acredito que por conta desse sonho eu tenho aracnofobia, muitos dos meus terrores noturnos deram por conta de ter me deparado com esse ser na vigília, até hoje se vejo um bicho desses de perto e não faço a técnica do totem escudo é terror noturno na certa!


Última edição por Veivi em Seg Mar 06, 2017 5:15 pm, editado 2 vez(es)
avatar
Mensagens : 233
Pontos : 1355
Honra : 72
Data de inscrição : 26/12/2015
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sex Mar 03, 2017 3:45 pm
Interessante Veivi, eu também sonhava com uma mão sem corpo quando era pequena, porém não me lembro de ter assistido A Família Adams ou algo parecido. Foi difícil perder o medo dela olhos girando
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sex Mar 03, 2017 4:06 pm
Érika escreveu:Interessante Veivi, eu também sonhava com uma mão sem corpo quando era pequena, porém não me lembro de ter assistido A Família Adams ou algo parecido. Foi difícil perder o medo dela olhos girando

Esse sonho só lembro de ter tido uma vez, foi bem horrível, mas com aranhas ainda não superei o trauma, mas estou trabalhando nisso, um dia com ajuda de Deus eu supero! muito feliz
Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sex Mar 03, 2017 7:34 pm
hehehe

Esses sonhos de infância geralmente marcam para toda vida se eu te contasse os meus você provavelmente não acreditaria, seguidos de paralisias do sono e terríveis alucinações, mas fica para uma próxima. Um bom começo, seja bem vinda aos diários e abraços! viva
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sex Mar 03, 2017 8:16 pm
Reizen Endler escreveu:hehehe

Esses sonhos de infância geralmente marcam para toda vida se eu te contasse os meus você provavelmente não acreditaria, seguidos de paralisias do sono e terríveis alucinações, mas fica para uma próxima. Um bom começo, seja bem vinda aos diários e abraços! viva

Obrigada! Tbm seja bem vindo ao meu diário muito feliz
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sab Mar 04, 2017 11:51 am
Sonhei que estava me arrumando para uma festa, meu vestido era lindo, a parte de cima era feita de um cetim de seda da cor salmão clara, a saia do vestido era rodada e feita de seda estampada com lindas rosas e folhas, eu perguntei para a costureira em que festa eu iria com aquele vestido tão lindo, ela nem olhou para mim e disse enquanto estava saindo que era de casamento, eu falei:
-Quem vai se casar? - Mas ela já tinha ido.
Só que minha pergunta não ficou sem resposta, escutei uma voz masculina que parecia de radialista dizer:
-É você quem vai se casar minha querida!
Eu duvidei, já que era apenas uma criança, mas fiquei curiosa e perguntei: 
- Com quem vou casar?
Nesse momento ele saiu das sombras e pasmem, os senhores! Era o capeta, e sua resposta final foi:
-Comigo!
O encardido estava vestindo um paletó preto, não lembro tão bem da aparência dele, já que acordei antes de reparar as suas características.
Fato curioso: poucos anos depois fui convidada para o casamento da minha prima e imaginem qual vestido minha mãe comprou para eu ir na festa? Exatamente o mesmo vestido do sonho e o pior foi que como era o primeiro casamento que eu ia acabei pegando o buquê sem saber o significado, mas uma mulher tomou de mim, quando soube do que se tratava respirei aliviada, será que ela quem se casou com o capeta? Hahaha
Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sab Mar 04, 2017 8:18 pm
Acho interessante quando nos sonhamos com algo que se realiza depois, geralmente são acontecimentos sem muita importancia ou impacto, mas há quem diz ja ter testemunhado eventos mais traumáticos.

Então você ia se casar com o Luci mesmo!? perplexo
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Sab Mar 04, 2017 9:50 pm
Reizen Endler escreveu:Acho interessante quando nos sonhamos com algo que se realiza depois, geralmente são acontecimentos sem muita importancia ou impacto, mas há quem diz ja ter testemunhado eventos mais traumáticos.

Então você ia se casar com o Luci mesmo!? perplexo

É verdade já tive outros sonhos (2 ou 3) com coisas corriqueiras que aconteceram depois, interessante como nossa mente é boa em nos dar probabilidades, né?

perplexo Graças a Deus não maligno ia mandar ele pro inferno isso sim!
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Dom Mar 05, 2017 3:07 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Foi em 2004 que tive esse sonho, mas não me lembro a data completa:

Sonhei que estava deitada em uma cama diferente, ela era arredondada e com um jogo de cama de uma camurça vermelha, levantei e percebi que a cama toda era o desenho de uma ave bem grande e eu estava como que dormindo nas suas costas, não reparei muito no lugar, pois logo apareceu um homem, com os cabelos castanhos escuros penteados para trás, mas não consegui ver direito o seu rosto, ele era forte e estava vestido elegantemente de preto, acho que era um sobretudo preto e uma blusa branca, mas também não reparei muito pq alguma coisa nele me assustou muito, sai correndo pelas ruas, mas em dado momento era como se eu corresse e não saísse do lugar, eu gritei por socorro, chamei minha mãe, minha avó materna, estava desesperada, pois ele já estava próximo e dizia:

-Não fuja meu anjo, vim lhe buscar!

Acordei assustada e o mais interessante foi uma ligação das minhas tias, segundo elas minha vó tinha acordado chorando e insistiu para ligarem para minha mãe para saber se eu estava bem, pois eu estava pedindo ajuda em seu sonho, infelizmente minha mãe só me contou da ligação depois que minha vó morreu, de toda forma não sei se ela se lembraria do sonho bem direitinho já que havia sofrido de um AVC poucos anos antes.

A imagem da cama era igual a essa do filme o fantasma da ópera, na verdade era a mesma cama, o que tbm é curioso já que não tinha assistido o filme ainda:

Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Dom Mar 05, 2017 3:50 pm
Volto a ressaltar como acho interessante os seus sonhos terem certa ligação com eventos da vigília, desde já ressalto que também já tive esse tipo de experiência. Acho muito sábio trabalhar em cima desse material e quem sabe aprender um pouco mais com elas. Certos eventos podem nos transformar de dentro para fora. feliz
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Dom Mar 05, 2017 4:17 pm
Reizen Endler escreveu:Volto a ressaltar como acho interessante os seus sonhos terem certa ligação com eventos da vigília, desde já ressalto que também já tive esse tipo de experiência. Acho muito sábio trabalhar em cima desse material e quem sabe aprender um pouco mais com elas. Certos eventos podem nos transformar de dentro para fora. feliz

Mas tive um ou outro sonho assim, mesmo assim não tenho ideia de como se trabalha esse tipo de sonho, sobre a transformação não duvido e estou trabalhando em cima de diversos sonhos (inclusive pesadelos) para isso mesmo dança
Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Dom Mar 05, 2017 4:52 pm
Você pode tentar trabalhar em cima desses contextos tentando interpreta-los cuidadosamente, mas essa interpretação de sonho deve ser cautelosa para não distorcer o significado do mesmo, também deve ser interpretada apenas pela pessoa que passa pela experiência. As vezes a experiência pode trazer um fundamento simplório, mas pode não ser o caso também, aliás realmente é um pouco complicado trabalhar com interpretação de sonhos. Buscar significado dos objetos em livros ou internet deve ser desconsiderado também uma vez que cada pessoa passa por algo diferente em determinado momento de sua vida. Essa informação que lhe estou passando eu li em um livro de Tigueirinho sobre interpretação de sonhos e me rendeu um entendimento moderado a respeito do assunto. Outro conselho saudável também é aconselhável evitar forçar um entendimento, pois as vezes aquele pode não ser o momento adequado então fica aí algumas dicas básicas, espero te ajudar. certo
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Dom Mar 05, 2017 5:22 pm
Reizen Endler escreveu:Você pode tentar trabalhar em cima desses contextos tentando interpreta-los cuidadosamente, mas essa interpretação de sonho deve ser cautelosa para não distorcer o significado do mesmo, também deve ser interpretada apenas pela pessoa que passa pela experiência. As vezes a experiência pode trazer um fundamento simplório, mas pode não ser o caso também, aliás realmente é um pouco complicado trabalhar com interpretação de sonhos. Buscar significado dos objetos em livros ou internet deve ser desconsiderado também uma vez que cada pessoa passa por algo diferente em determinado momento de sua vida. Essa informação que lhe estou passando eu li em um livro de Tigueirinho sobre interpretação de sonhos e me rendeu um entendimento moderado a respeito do assunto. Outro conselho saudável também é aconselhável evitar forçar um entendimento, pois as vezes aquele pode não ser o momento adequado então fica aí algumas dicas básicas, espero te ajudar.  certo

Curti muito suas dicas! Vou procurar esse livro deve ser bem interessante, será que tem para baixar? Sabe eu descubro o motivo de alguns sonhos (na maioria pesadelos) quando uso a minha técnica do totem escudo e ainda dentro do sonho aparece o motivo de eu estar sonhando tal coisa, seria interessante entender mais sobre isso e buscar interpretar alguns sonhos acordada tbm, valeu as dicas! viva
Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Dom Mar 05, 2017 8:23 pm
Eu vou te passar um link do livro via MP, porque acredito que não irá conseguir encontra-lo online. Eu também não me recordo aonde que eu baixei, pois já faz muito tempo. certo
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Seg Mar 06, 2017 6:23 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Sonhei que estava deitada na minha cama e um basilisco estava subindo na minha cama, eu me desesperei, mas não podia fazer nada, pois estava paralisada, nem mesmo pedir ajuda eu podia, ele foi aos poucos se enrolando no meu corpo e quando ia dar o bote eu acordei gritando terrivelmente alto, acordei todo mundo da casa e suspeito que os vizinhos também, essa foi a primeira vez que me lembro de ter tido terror noturno, a maioria das pessoas tem na infância e na idade adulta não tem mais, já comigo começou na adolescência e só foi piorando na idade adulta, graças a Deus eu conheci os sonhos lúcidos e pude desenvolver a técnica do totem escudo, pois os episódios de terror noturno foram motivo de muito sofrimento para mim, eu tinha mais ou menos duas ocorrências por semana.
Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Seg Mar 06, 2017 8:46 pm
Veivi eu vi o seu tópico do totem escudo só não comentei, pois achei o método muito pessoal, ressalto que já observei macetes parecidos por outros onironautas.

Eu uso um método alternativo de conjuração de personagens, mas hoje em dia é muito raro eu me sentir ameaçado em um sonho que se fosse classificar em uma escala eu diria que é um pesadelo por ano e olhe lá. Mas não foi sempre assim não, antes que alguém diga que eu não estou sendo nada modesto quando eu era pequeno tinha terríveis pesadelos seguidos de paralisias do sono.

Vale informar que quanto mais nos aprofundamos na temática dos sonhos, diário dos sonhos, técnicas em geral, mais entendimento adquirimos e menos medo sentimos. O medo faz parte e sempre irá coexistir como um instinto de sobrevivência, mas isso não quer dizer que não possamos sentir menos medo cada vez mais.

Seu método do escudo possui uma essência, mas pode ser que outras pessoas não sintam isso e tenham menos afinidade com o mesmo. O ideal nesses casos é analisar o nascimento dos pesadelos, as figuras que nos aterrorizam e começarmos a trabalhar com incubação em cima disso. Aqui conseguimos duas proezas, incubar um determinado sonho ou acontecimento que se repete com frequência e ao mesmo tempo ganhar lucidez onírica facilitando a prática dos exercícios e consecutivamente a superação do medo. piscar


Última edição por Reizen Endler em Seg Mar 06, 2017 9:46 pm, editado 1 vez(es)
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Seg Mar 06, 2017 9:25 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Reizen Endler escreveu:Veivi eu vi o seu tópico do totem escudo só não comentei, pois achei o método muito pessoal, ressalto que já observei macetes parecidos por outros onironautas.

Eu uso um método alternativo de conjuração de personagens, mas hoje em dia é muito raro eu me sentir ameaçado em um sonho que se fosse classificar em uma escala eu diria que é um pesadelo por ano e olhe lá. Mas não foi sempre assim não, antes que alguém diga que eu não estou sendo nada modesto quando eu era pequeno tinha terríveis pesadelos seguidos de paralisias do sono.

Vale informar que quanto mais nos aprofundamos na temática dos sonhos, diário dos sonhos, técnicas em geral, mais entendimento adquirimos e menos medo sentimos. O medo faz parte e sempre irá coexistir como um instinto de sobrevivência, mas isso não quer dizer que não possamos sentir menos mendo cada vez mais.

Seu método do escudo possui uma essência, mas pode ser que outras pessoas não sintam isso e tenham menos afinidade com o mesmo. O ideal nesses casos é analisar o nascimento dos pesadelos, as figuras que nos aterrorizam e começarmos a trabalhar com incubação em cima disso. Aqui conseguimos duas proezas, incubar um determinado sonho ou acontecimento que se repete com frequência e ao mesmo tempo ganhar lucidez onírica facilitando a prática dos exercícios e consecutivamente a superação do medo. piscar

Realmente nossa mente é condicionada (postei no fórum por outras pessoas terem obtido sucesso ao testarem a técnica), eu induzi a minha com essa técnica para descobrir os motivos de alguns pesadelos, tenho a tarefa de ir tratando esses motivos, ainda estou para postar meus sonhos, mas vou comentar por cima um caso recente: fiz a técnica num sonho e descobri que estava tendo pesadelo com monstros por conta de ter me deparado com uma aranha monstruosa na vigília, um dia se passou e quando estava estendendo minha roupa imagina o que eu vi no meu ombro? Uma aranha gordinha de médio portei e o mais espetacular é que eu não gritei!
avatar
Mensagens : 1273
Pontos : 3241
Honra : 657
Data de inscrição : 06/07/2015
Localização : Alemanha
Sonhos Lúcidos :
222 / 999222 / 999
Sonhos Comuns :
999 / 999999 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Ter Mar 07, 2017 7:15 am
Oi, Veivi. Meu medo de aranhas também surgiu após um pesadelo lúcido. Eu tinha 6 anos na época. No meu sonho, minha cama estava cheia de tarântulas e elas subiam nas minhas pernas. Foi horrível. O sonho me traumatizou e até hoje, eu entro em pânico, quando vejo uma simples aranha doméstica. medo
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Ter Mar 07, 2017 9:46 am
Königin escreveu:Oi, Veivi. Meu medo de aranhas também surgiu após um pesadelo lúcido. Eu tinha 6 anos na época. No meu sonho, minha cama estava cheia de tarântulas e elas subiam nas minhas pernas. Foi horrível. O sonho me traumatizou e até hoje, eu entro em pânico, quando vejo uma simples aranha doméstica. medo

São experiências horríveis mesmo! Mas estou procurando trabalhar com isso, se acaso eu sonhar com aranha de novo vou usar minha técnica para ver se o medo some igual a imagem do sonho, acho que já está funcionando, pq aquela aranha que estava no meu ombro (quase dizendo louro quer biscoito) não era uma simples aranha era bem feiosa e considero o fato de eu não gritar muito promissor!
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Ter Mar 07, 2017 12:04 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
2009

Esse foi o primeiro sonho que lembro de ter escrito, ninguém tinha me dado dica ainda para escrever os sonhos, mas como achei ele muito curioso o anotei cada detalhe que eu lembrava:

Sonhei que estava olhando para uma rua a noite e chovia muito, quando parei um pouco para observar melhor a rua vi que não estava tão deserta como eu pensava, pois bem próximo percebi que alguém andava, mas tal foi minha admiração quando reparei que essa pessoa era invisível, eu só notei que havia uma pessoa ali já que as gotas de chuva batiam nela e seus traços ficaram evidentes, deu para perceber que levava um saco nas costas também.
Diante de tanta curiosidade fui para a rua mesmo na chuva e gritei para chamar a atenção dessa pessoa invisível, mas era como se ela não me escutasse, pois nem sequer virou para olhar, continuou andando como se nada tivesse acontecido, nisso tomou uma boa
Distância, mas eu não desisti, tive que apelar, comecei a xingar a pessoa, pois queria de alguma forma chamar sua atenção, dessa vez ela parou, enfim obtive o que queria, porém ela ficou com muita raiva mesmo, pois começou a jogar livros em mim (o que provavelmente era o conteúdo do saco que carregava nas costas), mas mesmo surpresa fiquei muito contente, pois como gosto de ler, livros nunca foram considerados insulto (mesmo jogados em mim) e sim um presente, comecei a recolher os livros não acreditando na sorte, se eu conseguisse ler algum deles talvez desvendasse aquele mistério, mas como parou de chover não pude perceber que a pessoa invisível estava andando na minha direção, só notei isso quando ela se fez visível, aliás ele, pois se tratava de um senhor, usava roupas simples e um chapéu de palha na cabeça, para minha tristeza ele estava pedindo seus livros de volta, como os livros eram dele tive que devolver a contra gosto, mas não sem antes tentar ler pelo menos o que estava na capa, mas como ele estava tão apressado em pegá-los de volta eu só pude ler três letras de uma das palavras que estavam em um livro de capa dura verde e com aparência bem antiga as letras eram: SOC, eu ia fazer mais perguntas, mas ele sumiu de vez.
Fato curioso: Tempos depois de ter esse sonho fui cursar serviço social na universidade e o meu TCC (trabalho de conclusão de curso) foi encapado e ficou exatamente igual ao livro que o senhor me jogou.
Mensagens : 1017
Pontos : 3380
Honra : 749
Data de inscrição : 06/08/2013
Idade : 27
Localização : São Paulo/Santo André
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Ter Mar 07, 2017 3:57 pm
Muito curioso e misterioso o sonho e o senhor. Sonhos desse calibre eu costumo dar um valor especial, principalmente quando os personagens oníricos possuem características exclusivas.

Sonhar lendo alguma coisa é sempre um desafio já que ler no sonho é difícil demais só não me pergunte o porque, já que até hoje nunca descobri o real motivo da dificuldade da leitura onírica, talvez seja a memória a curto prazo de sonho que também é facilmente comprometida, a memória de leitura onírica então pode vir a ser um verdadeiro desafio. leitura
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Ter Mar 07, 2017 5:12 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Reizen Endler escreveu:Muito curioso e misterioso o sonho e o senhor. Sonhos desse calibre eu costumo dar um valor especial, principalmente quando os personagens oníricos possuem características exclusivas.

Sonhar lendo alguma coisa é sempre um desafio já que ler no sonho é difícil demais só não me pergunte o porque, já que até hoje nunca descobri o real motivo da dificuldade da leitura onírica, talvez seja a memória a curto prazo de sonho que também é facilmente comprometida, a memória de leitura onírica então pode vir a ser um verdadeiro desafio. leitura

É realmente muito difícil! Em sonhos lúcidos mesmo eu tenho dificuldade, escrever nem tanto, mas na hora de ler...
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Qua Mar 08, 2017 12:13 pm
Escolhi essa paralisia do sono pq foi uma das mais horríveis e demoradas que tive, acredito que ocorreu em 2012, ainda não tinha desenvolvido a técnica do totem escudo:

Em uma paralisia do sono, estava deitada na cama toda coberta, dava para ver a silhueta de uma mão pela coberta vindo me sufocar, o vento me descobriu e percebi que a coisa era invisível, fiquei desesperada! Desejei poder ver quem estava ali e nisso consegui:
Era uma caveira marrom, até então não falava nada, mas só sua presença me incomodava, ela tentava olhar nos meus olhos, mesmo sem ter olhos, aquele oco profundo me perturbava, ela voltou a ficar invisível e ficou puxando meus pés para cima, todo meu corpo estava sendo erguido, me senti impotente, não havia nada que eu pudesse fazer! A janela, que era diferente da do meu quarto original, se abriu e um vento fez voar alguns papéis, a caveira disse coisas horríveis, que ia tirar os meus filhos (não tenho filhos), parecia que tinha um furacão no meu quarto a papelada voava para todos os lados, acordei tão assustada que demorei para sair da cama com medo de se tratar de ainda de um pesadelo, ainda estava com o cobertor em cima de mim e mesmo acordada fiquei paralisada de medo, mas enfim levantei, a janela estava fechada e não era mais noite, fiquei o dia todo angustiada, com medo de voltar a dormir.
avatar
Mensagens : 138
Pontos : 646
Honra : 59
Data de inscrição : 10/07/2016
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

em Qua Mar 08, 2017 2:32 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
29/10/2013 S.N.L.
Sonhei que estava em um retiro e  junto estava um pessoal da igreja católica com um da evangélica, tinha muita gente mesmo, no que passei num grupo católico uma menina do cabelo lilás estava discipulando sobre andar junto e que íamos fazer uma dinâmica no retiro de escolher alguém para andar junto o retiro inteiro, mas não escolhi ninguém e fui passando e vi uma casa, me chamou atenção para a janela que em vez de cortina na parte de dentro tinha uma árvore que tapava a visão e ouvi uma voz falando:

- Essa árvore não tapa toda a janela, é  necessário um escudo!

Então segui cantando:

Tu és a minha força, és minha redenção.
Tu és o meu escudo, refúgio e salvação!

Ressuscitaste e me salvaste, eu creio em quem tu é!
Ressuscitaste e me salvaste, Jesus é a minha fé!

Acordei com o refrão do louvor na minha cabeça.
Conteúdo patrocinado

Re: Diário dos Sonhos da Veivi

Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum