Conectar-se
Os membros mais ativos do mês
9 Mensagens - 36%
4 Mensagens - 16%
4 Mensagens - 16%
3 Mensagens - 12%
2 Mensagens - 8%
1 Mensagem - 4%
1 Mensagem - 4%
1 Mensagem - 4%
Votação
Qual a técnica que você utiliza para ficar lúcido?
Teste de Realidade
45% / 15
Totem
15% / 5
Incubação
12% / 4
Gatilho
6% / 2
Gravador de Voz ou Sons Binaurais
6% / 2
Outros
15% / 5
Parceiros
 sonhos=
 sonhos=
 animes=

Compartilhe
Ver o tópico anteriorIr em baixoVer o tópico seguinte
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Diário dos Sonhos de Lisa

em Sex Dez 19, 2014 11:37 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Olá pessoal, sou nova aqui e nunca tive sonhos lúcidos.
Essa noite, 19 de dezembro de 2014, tive um sonho não-lúcido.Comecei a ler sobre sonhos lúcidos e tudo mais a 2 dias atrás, e estou tentando muito ter um, fazendo reality checks o tempo todo, e já anotei um sonho, ainda não tentei nenhum método.Antes de tentar dormir fui ouvir um sons binaurais, depois de 15 minutos, comecei a ver uma luzes muito fortes, fiquei com medo e desliguei o som, aí dormi. O sonho dessa noite não me lembro quase de nada e raramente isso acontece, a única coisa que me lembro era que eu estava sentada em uma poltrona na sala e não tinha ninguém, estava tudo muito claro, aí eu já ia fazer o RC das mãos quando tudo comecou a ficar mais claro e eu acordei.
 Aí voltei a dormir e eu era o homem de ferro (kkkk), tipo, eu era o homem de ferro só que eu estava me observando, tipo narrador observador. Estava lutando com alguém, e teve uma hora que parei e tentei fazer o RC só que acordei de novo.
 Não tive sucesso em ter sonhos lúcidos, mas afinal, só fazem 2 dias então vou continuar tentando...
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 1912
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sex Dez 19, 2014 7:41 pm
Seja bem vinda Elisabeth, os sonhos lúcidos vem com a prática (ou não né, podem vir naturalmente). O importante é não desanimar que uma hora os sonhos lúcidos vem. Outra coisa que você fazer junto com o reality checks, é o diário dos sonhos, para você anotá-los assim que acaba de acordar, assim você pode notar padrões repetitivos nos sonhos, como lugares ou situações recorrentes. Fora isso, não desanima e não suma do fórum, pessoal aqui ajuda muito com dicas e experiência.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sex Dez 19, 2014 9:30 pm
Obrigada Licantropo piscar, vou continuar o diário dos sonhos mesmo, por enquanto só anotei um rsrs'
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sex Dez 19, 2014 9:30 pm
Obrigada Licantropo piscar, vou continuar o diário dos sonhos mesmo, por enquanto só anotei um rsrs'
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sab Dez 20, 2014 12:46 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Esse somho foi talvez o mais non-sense que já tive na minha vida, mas foi bem legal.

Perseguindo o Bob Esponja 18/12/2014

Eu estava em um teatro, tinha poucas pessoas lá e perto de mim estava o bob esponja... Durante o espetáculo algumas coisas sempre aconteciam com ele e ele se dava mal, tipo, ás vezes pegava fogo na calça dele e todo mundo ria mas a medida de que alguns desastres iam acontecendo, ele se irritava mais ainda. No final do show ele ficou muito nervoso com toda aquela humilhação e roubou umas coisas que apareceram do nada no chão, o segurança do teatro viu tudo, assoprou um apito e chamou a polícia. Eu fui correndo para fora, para ver no que ia dar aquilo tudo e de alguma forma já sabia que ele seria preso porque era como se tudo aquilo já houvesse acontecido. Estava de noite e era uma rua bem larga e deserta, poucos carros estavam passando e apareceu 1 carro da polícia indo atrás dele, ele corria incrivelmente rápido, de repente eu estava no corpo dele, correndo e sentindo o vento no meu rosto, eu olhava ao redor e via uns 3 carros de polícia me perseguindo. E do nada eu já estava no meu corpo de novo, só que dessa vez eu estava perseguindo ele. Ele desapareceu na rua escura e decidi subir uma rua ao lado e vi uma sherif lá, ela estava com um chapéu enorme e fiquei com um pouco de medo de pedir ajuda à ela, deixei isso de lado e subi rapidamente a rua, cheguei perto dela desesperada e perguntei:
-Você tá sabendo de um carinha amarelo que tá por aí?
-O que? -disse ela arregalando os olhos- não, não estou sabendo não
-Então é melhor a gente ir, ele é perigoso- eu disse, com medo
Naquela hora, ela ficou desesperada e tirou o grande chapéu, soltando os cabelos, do nada, ela já estava com outras roupas. Todo mundo que estava na rua comecou a correr com medo, de alguma forma todos ouviram o que eu disse, e estavam todos correndo para uma direção, foi quando eu olhei para trás e vi que o bob estava com uma cara muito monstruosa vindo em nossa direção,eu já estava correndo atrás de todos, quando a sherif me puxou pelo braço e falou: "Não, vamos descer a rua, vem", então fui atrás dela. Nesse sonho, tudo era muito real, podia sentir a adrenalina em minhas veias e embora aquela fuga frenética do bob esponja estar me assustando muito, era como se estivesse acontecendo. Nós estávamos correndo, e quando íamos atravessar a rua, vimos uns caminhões vindo e esperamos eles passarem, eram caminhões muito estranhos, eles tinham faróis na cor verde e no formato de círculo, era madrugada então eles só sumiam na escuridão. Nós sabiamos pra onde eles estavam indo, estavam no caminho para a pequena indústria química que possuía na cidade, ninguém tinha coragem de entrar lá porque ninguém sabia o que faziam lá e as pessoas que trabalhavam lá eram muito esquisitas. Mas voltando a fuga... Eu e a sherif atravessamos a rua, e fomos em direção a uma grande estrada, uma espécie de BR 040 ou BR 267, corríamos o máximo que podíamos e vi que o bob estava atrás da gente, ele desapareceu do nada, e quando olhei para frente, nós é que estávamos perseguindo ele. A sherif correu mais um pouco e pulou em cima dele, ela o segurava com força e ele estava imóvel, parecia um robô, o rosto dele não era fofo como nos desenhos, dava medo... Os outros policiais apareceram e simplismente começaram a conversar com a gente, enquanto ela continuava a segurar o bob. Bom, foi só isso que me lembro kkk foi à três dias atrás mas não tem como esquecer uma perseguição e fuga dessas rsrsr.

avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5613
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sab Dez 20, 2014 4:29 am
Elisabeth-Smith escreveu:

Elisabeth-Smith escreveu:Olá pessoal, sou nova aqui e nunca tive sonhos lúcidos.
Essa noite, 19 de dezembro de 2014, tive um sonho não-lúcido.Comecei a ler sobre sonhos lúcidos e tudo mais a 2 dias atrás, e estou tentando muito ter um, fazendo reality checks o tempo todo, e já anotei um sonho, ainda não tentei nenhum método.Antes de tentar dormir fui ouvir um sons binaurais, depois de 15 minutos, comecei a ver uma luzes muito fortes, fiquei com medo e desliguei o som, aí dormi. O sonho dessa noite não me lembro quase de nada e raramente isso acontece, a única coisa que me lembro era que eu estava sentada em uma poltrona na sala e não tinha ninguém, estava tudo muito claro, aí eu já ia fazer o RC das mãos quando tudo comecou a ficar mais claro e eu acordei.
 Aí voltei a dormir e eu era o homem de ferro (kkkk), tipo, eu era o homem de ferro só que eu estava me observando, tipo narrador observador. Estava lutando com alguém, e teve uma hora que parei e tentei fazer o RC só que acordei de novo.
 Não tive sucesso em ter sonhos lúcidos, mas afinal, só fazem 2 dias então vou continuar tentando...
Olá, Lisa. Seja muito bem vinda ao fórum.muito feliz

Eu recomendo um bom livro pra te ajudar a ter um sonho lúcido em pouco tempo. Procure no Google o livro "Escola de viagens fora do corpo.pdf" de Michael Raduga. O download é gratuito e fácil de achar na internet.certo


Elizabeth escreveu :

Elisabeth-Smith escreveu:Esse somho foi talvez o mais non-sense que já tive na minha vida, mas foi bem legal.

Perseguindo o Bob Esponja 18/12/2014

Eu estava em um teatro, tinha poucas pessoas lá e perto de mim estava o bob esponja... Durante o espetáculo algumas coisas sempre aconteciam com ele e ele se dava mal, tipo, ás vezes pegava fogo na calça dele e todo mundo ria mas a medida de que alguns desastres iam acontecendo, ele se irritava mais ainda. No final do show ele ficou muito nervoso com toda aquela humilhação e roubou umas coisas que apareceram do nada no chão, o segurança do teatro viu tudo, assoprou um apito e chamou a polícia. Eu fui correndo para fora, para ver no que ia dar aquilo tudo e de alguma forma já sabia que ele seria preso porque era como se tudo aquilo já houvesse acontecido. Estava de noite e era uma rua bem larga e deserta, poucos carros estavam passando e apareceu 1 carro da polícia indo atrás dele, ele corria incrivelmente rápido, de repente eu estava no corpo dele, correndo e sentindo o vento no meu rosto, eu olhava ao redor e via uns 3 carros de polícia me perseguindo. E do nada eu já estava no meu corpo de novo, só que dessa vez eu estava perseguindo ele. Ele desapareceu na rua escura e decidi subir uma rua ao lado e vi uma sherif lá, ela estava com um chapéu enorme e fiquei com um pouco de medo de pedir ajuda à ela, deixei isso de lado e subi rapidamente a rua, cheguei perto dela desesperada e perguntei:
-Você tá sabendo de um carinha amarelo que tá por aí?
-O que? -disse ela arregalando os olhos- não, não estou sabendo não
-Então é melhor a gente ir, ele é perigoso- eu disse, com medo
Naquela hora, ela ficou desesperada e tirou o grande chapéu, soltando os cabelos, do nada, ela já estava com outras roupas. Todo mundo que estava na rua comecou a correr com medo, de alguma forma todos ouviram o que eu disse, e estavam todos correndo para uma direção, foi quando eu olhei para trás e vi que o bob estava com uma cara muito monstruosa vindo em nossa direção,eu já estava correndo atrás de todos, quando a sherif me puxou pelo braço e falou: "Não, vamos descer a rua, vem", então fui atrás dela. Nesse sonho, tudo era muito real, podia sentir a adrenalina em minhas veias e embora aquela fuga frenética do bob esponja estar me assustando muito, era como se estivesse acontecendo. Nós estávamos correndo, e quando íamos atravessar a rua, vimos uns caminhões vindo e esperamos eles passarem, eram caminhões muito estranhos, eles tinham faróis na cor verde e no formato de círculo, era madrugada então eles só sumiam na escuridão. Nós sabiamos pra onde eles estavam indo, estavam no caminho para a pequena indústria química que possuía na cidade, ninguém tinha coragem de entrar lá porque ninguém sabia o que faziam lá e as pessoas que trabalhavam lá eram muito esquisitas. Mas voltando a fuga... Eu e a sherif atravessamos a rua, e fomos em direção a uma grande estrada, uma espécie de BR 040 ou BR 267, corríamos o máximo que podíamos e vi que o bob estava atrás da gente, ele desapareceu do nada, e quando olhei para frente, nós é que estávamos perseguindo ele. A sherif correu mais um pouco e pulou em cima dele, ela o segurava com força e ele estava imóvel, parecia um robô, o rosto dele não era fofo como nos desenhos, dava medo... Os outros policiais apareceram e simplismente começaram a conversar com a gente, enquanto ela continuava a segurar o bob. Bom, foi só isso que me lembro kkk foi à três dias atrás mas não tem como esquecer uma perseguição e fuga dessas rsrsr.

"Você viu uma carinha amarelo por aí? O nome dele é Bob Esponja e ele é muito perigoso."

Essa foi boa.kkkkkk

Esse sonho fui bom. Mas, o Bob Esponja que já assusta nos desenhos, por ser meio tosco. Que dirás ver ele ao vivo e a cores no sonho. Deve ter sido uma visão muito assustadora. gargalhada
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sab Dez 20, 2014 1:17 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Obrigada Ramon ;D, pode deixar, vou procurar o livro lá sim. Pior que foi kkkk ele dava muito medo, acho que qualquer um teria percebido que era sonho porque nossa tá kkk.. altas viagens
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sab Dez 20, 2014 2:53 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Essa noite do dia 19 para o 20/12/14 não foi muito agradável. Eu dormi com o desejo de ter um sonho lúcido, cheguei a dormir e no sonho(não lembrei de novo o que aconteceu nele), tentava fazer um RC mas toda vez eu acordava. O problema é que toda vez que eu estou quase ficando consciente em um sonho, acabo ficando consciente de verdade,é difícil enganar a minha mente e esta noite isso aconteceu várias vezes. As vezes eu acordava e sentia meu corpo pesado, não conseguia mexer quase nada, e quando conseguia mexer a ponta dos dedos dos pés minha perna toda doía e eu tentava dormir novamente. Deixei o diário dos sonhos do meu lado para quando acordasse escreve lá mas acabei por não lembrar de nada, na verdade a única coisa que me lembro é que no sonho eu cantava uma música do Coldplay, que chama Miracles.
avatar
Mensagens : 382
Pontos : 1912
Honra : 169
Data de inscrição : 08/01/2014
Idade : 21
Localização : RJ
Sonhos Lúcidos :
11 / 99911 / 999
Sonhos Comuns :
179 / 999179 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Dom Dez 21, 2014 3:23 pm
Perseguindo o Bob Esponja 18/12/2014:
Eu estava em um teatro, tinha poucas pessoas lá e perto de mim estava o bob esponja... Durante o espetáculo algumas coisas sempre aconteciam com ele e ele se dava mal, tipo, ás vezes pegava fogo na calça dele e todo mundo ria mas a medida de que alguns desastres iam acontecendo, ele se irritava mais ainda. No final do show ele ficou muito nervoso com toda aquela humilhação e roubou umas coisas que apareceram do nada no chão, o segurança do teatro viu tudo, assoprou um apito e chamou a polícia. Eu fui correndo para fora, para ver no que ia dar aquilo tudo e de alguma forma já sabia que ele seria preso porque era como se tudo aquilo já houvesse acontecido. Estava de noite e era uma rua bem larga e deserta, poucos carros estavam passando e apareceu 1 carro da polícia indo atrás dele, ele corria incrivelmente rápido, de repente eu estava no corpo dele, correndo e sentindo o vento no meu rosto, eu olhava ao redor e via uns 3 carros de polícia me perseguindo. E do nada eu já estava no meu corpo de novo, só que dessa vez eu estava perseguindo ele. Ele desapareceu na rua escura e decidi subir uma rua ao lado e vi uma sherif lá, ela estava com um chapéu enorme e fiquei com um pouco de medo de pedir ajuda à ela, deixei isso de lado e subi rapidamente a rua, cheguei perto dela desesperada e perguntei:
-Você tá sabendo de um carinha amarelo que tá por aí?
-O que? -disse ela arregalando os olhos- não, não estou sabendo não
-Então é melhor a gente ir, ele é perigoso- eu disse, com medo
Naquela hora, ela ficou desesperada e tirou o grande chapéu, soltando os cabelos, do nada, ela já estava com outras roupas. Todo mundo que estava na rua comecou a correr com medo, de alguma forma todos ouviram o que eu disse, e estavam todos correndo para uma direção, foi quando eu olhei para trás e vi que o bob estava com uma cara muito monstruosa vindo em nossa direção,eu já estava correndo atrás de todos, quando a sherif me puxou pelo braço e falou: "Não, vamos descer a rua, vem", então fui atrás dela. Nesse sonho, tudo era muito real, podia sentir a adrenalina em minhas veias e embora aquela fuga frenética do bob esponja estar me assustando muito, era como se estivesse acontecendo. Nós estávamos correndo, e quando íamos atravessar a rua, vimos uns caminhões vindo e esperamos eles passarem, eram caminhões muito estranhos, eles tinham faróis na cor verde e no formato de círculo, era madrugada então eles só sumiam na escuridão. Nós sabiamos pra onde eles estavam indo, estavam no caminho para a pequena indústria química que possuía na cidade, ninguém tinha coragem de entrar lá porque ninguém sabia o que faziam lá e as pessoas que trabalhavam lá eram muito esquisitas. Mas voltando a fuga... Eu e a sherif atravessamos a rua, e fomos em direção a uma grande estrada, uma espécie de BR 040 ou BR 267, corríamos o máximo que podíamos e vi que o bob estava atrás da gente, ele desapareceu do nada, e quando olhei para frente, nós é que estávamos perseguindo ele. A sherif correu mais um pouco e pulou em cima dele, ela o segurava com força e ele estava imóvel, parecia um robô, o rosto dele não era fofo como nos desenhos, dava medo... Os outros policiais apareceram e simplismente começaram a conversar com a gente, enquanto ela continuava a segurar o bob. Bom, foi só isso que me lembro kkk foi à três dias atrás mas não tem como esquecer uma perseguição e fuga dessas rsrsr.

Esse foi non-sense ao extremo, me lembra uns sonhos que eu tinha antes de entrar para o fórum. Não sei porque, mas quando eu li sobre a sheriff, me veio a cabeça a imagem da Dubois de Madagasgar.

Elizabeth escreveu escreveu:
Spoiler:
Essa noite do dia 19 para o 20/12/14 não foi muito agradável. Eu dormi com o desejo de ter um sonho lúcido, cheguei a dormir e no sonho(não lembrei de novo o que aconteceu nele), tentava fazer um RC mas toda vez eu acordava. O problema é que toda vez que eu estou quase ficando consciente em um sonho, acabo ficando consciente de verdade,é difícil enganar a minha mente e esta noite isso aconteceu várias vezes. As vezes eu acordava e sentia meu corpo pesado, não conseguia mexer quase nada, e quando conseguia mexer a ponta dos dedos dos pés minha perna toda doía e eu tentava dormir novamente. Deixei o diário dos sonhos do meu lado para quando acordasse escreve lá mas acabei por não lembrar de nada, na verdade a única coisa que me lembro é que no sonho eu cantava uma música do Coldplay, que chama Miracles.

Vira e mexe isso de só lembrar detalhes do sonho acontece comigo também, eu fico p da vida com isso. Essa coisa dos RCs falharem, acontecia comigo direto no início do ano passado, às vezes eu olhava para a minha mão, mas o cenário acabava escurecendo, ou ficando tudo embaçado, ou eu acordava.


[...]
— E como eu posso te chamar?
— Bom, você pode me chamar de Daniel, que era o meu nome quando eu era totalmente humano, pode também me chamar de Lobo, que era meu nome quando eu era totalmente uma entidade cósmica. Mas você também pode me chamar de Pai.
— Pai?
— Sim, todos os lobos e lobisomens são meus filhos, todos vieram de mim.
[...]

Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Dom Dez 21, 2014 9:55 pm
É muito ruim quando os RCs falham mesmo, mas pelo menos a gente suspeita que é um sonho..
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Ter Dez 23, 2014 11:10 am
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Esse sonho foi bem parecido com que eu costumo ter,o colégio, o meu bairro, o semáforo saindo do meu bairro, mas foi meio confuso porque nesse sonho eu não tinha nenhum objetivo.
-----------------------------------------
23/12/14


No meu sonho eu estava sempre atrasada para a aula, a escola era muito diferente e não conhecia ninguém lá, mas lembro que os pátios do ensino médio e do fundamental eram bem próximos e o horário de entrada não era o mesmo. Todos os dias meu despertador tocava tarde e eu saía correndo desesperada em direção ao colégio e eram sempre as mesmas pessoas que atrasavam, o fato interessante é que quando a gente chegava perto do semáforo para atravessar, toda aquela preocupação ia embora e nós agíamos normalmente. Ao chegar na escola, eu colocava minha mochila na mesa e assistia um pouco da aula, mas no meio da mesma, eu saía e ia pro outro pátio, entrava em uma sala do ensino fundamental só para conversar com uma amiga(que não tenho na vida real). Nesse vai e vem de pátio, teve um dia que eu fui pra um laboratório, fizemos 1 experimento e estávamos saindo... Nessa parte do sonho, o pátio do ensino médio estava muito parecido com o meu da vida real, mas a saída do laboratório não, era bem diferente. Na saída, estavam cheio de pessoas, que estavam esperando nós sairmos para eles terem a aula prática deles, no meio da multidão passei perto de uma amiga minha (ela é da vida real, costumávamos ser melhores amigas no ano passado e no ínicio desse ano, mas paramos de conversar porque ela se afastou e eu também), no sonho, ela me viu e eu também mas a gente fingiu que não viu, aí resolvi mexer com ela e falei "oi", aí ela respondeu com um "oi, tudo bem?" também só que bem forçado, nisso eu pensei "Nossa, não devia ter dito nada", aí ela entrou no laborátorio com a turma dela e fui embora com a minha. Depois não me lembro de mais nada.
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Qua Dez 24, 2014 2:49 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
24/12/14

Nesse sonho eu estava em BH com a minha mãe e meus irmãos, nós estávamos de férias e o clima era ótimo. Aí aquela mesma "melhor amiga" do sonho de cima que eu havia dito que não conversamos mais me ligou dizendo que estava em Piúma no ES e me pediu pra ir pra lá, no sonho, Belo Horizonte e Piúma eram incrivelmente bem próximos kkkkk aí o sonho cortou e eu já estava lá esperando por ela. Ela me ligava toda hora perguntando onde eu estava, então eu disse que a esperaria no parque, que parecia muito com um parque aqui de onde eu moro, que não é Espírito Santo, aí eu falei pra ela que iria escrever na barriga de um cara gordo "I'm here". O cara era um gordão, com uma barriga gigante e estava de camisa branca, eu escrevi a mensagem e ela chegou, aí quando olhamos pro cara, a mensagem era diferente, estava escrito "I want to die", nós rimos e fomos andando pelo cidade, que não tinha nada a ver com Piúma. Aí fomos andando até um prédio abandonado, subimos a escada até um andar mais alto(não necessariamente o último), e lá tinha um banheiro, aí ela foi ao banheiro e quando saiu, eu falei:
-Cê sabe que eu ainda tenho que voltar pra BH hoje né? Nem comprei a passagem ainda.
-Ah é mesmo. Posso ir comprar a passagem com você? Vou falar com meu pai aí a gente vai
-Claro ué.
Aí acabou que o pai dela que ia levar a gente no aeroporto, só que cortou o sonho de novo. A seguir começa o segundo sonho mais non-sense que já tive

----------------------------------------------------------
2° sonho
Nós estávamos no carro do pai dela e entramos em um bairro que é considerado na vida real, um pouco perigoso, estava tendo um tiroteio sinistro e uma briga de gangues. O pai dela começou a dirigir muito rápido e o sonho cortou de novo. De repente eu estava em uma escola gigante e estava acontecendo uma infestação alienígena no mundo todo, tinham muitos militares e eles estam tentando matar aqueles que entravam na escola. Esses alienígenas eram mais daqueles tipos que possuem o corpo da pessoa e a controlam através da mente, mas eles eram meio burros e não encontravam os humanos muito facilmente, ou seja, eles só te encontrariam se te vissem de fato, caso contrário você podia andar tranquilamente pelo perímetro. Eu estava com duas pessoas que não conheço e estávamos correndo pela escola tentando achar um lugar seguro, aí achamos um lugar debaixo da escada e começou a ter um conflito armado próximo onde a gente tava. Aí dois soldados passaram e disseram para nós: -Fiquem aí e fiquem quietos, os lacaios estam vindo.
Fiquei desesperada porque os lacaios(as pessoas com o qual o corpo tinha sido possuído) faziam uma inspeção, para saber quem fazia parte deles e quem ainda era humano. Até que dois deles chegaram perto de nós, abaixamos a cabeça fingindo ser lacaios só que a mulher possuída estava desconfiando de mim então começou a fazer várias perguntas, não me lembro direito qual foi o diálogo mas ela perguntou:
-Por que não está trabalhando?
Fiquei muito nervosa e disse que iria, aí ela foi embora e meus colegas me esconderam em um quartinho muito escuro debaixo da escada, lá tinha um buraquinho que dava pra ver o que se passava do lado de fora. Aí os dois lacaios voltaram e perguntaram onde eu estava, um dos meus colegas disseram que eu tinha ido trabalhar mas eles não acreditaram e chamaram mais deles e já iam começar uma batalha quando de repente, um dos meus colegas era o Harry Osborn do homem aranha novo(por mais que eu goste muito mais do antigo), ele tinha o poder do electro e deu um choque sinistro nos lacaios, fazendo eles morrerem eletrocutados, eu espiava tudo de boca aberta do quartinho, aí olhei ao redor e um dos meus colegas era o Bob Esponja(pois é, ele de novo kkkkk), aí ele estava chegando perto do Harry e sem querer a eletricidade do poder dele pegou no Bob. Aí eu saí correndo desesperada pra ver como ele estava porque, aliás, ele era um colega, todos do grupinho fizeram uma roda em volta dele e o harry se desculpava o tempo todo, foi quando o bob acordou só que ele estava diferente, ele se tornára um mutante kkkkk Ele acordou e os olhos dele eram como de um robô, e a roupa dele também estava diferente só que não me lembro como era. Aí o sonho cortou e estávamos em uma sala grande fazendo planos para acabar com os alienígenas, todos do grupo tinham poderes, um tinha campo de força, o bob robô era super forte, o harry com os poderes de choque do electro e um outro pessoal que não me lembro os poderes deles, eu era a única humana normal. Me tornei observadora e pude ver que estávamos em uma nave no espaço sideral, nisso eu acordei. Foi muito louco kkkk
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5613
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Qui Dez 25, 2014 5:28 pm
Elisabeth escreveu :

Elisabeth-Smith escreveu:Essa noite do dia 19 para o 20/12/14 não foi muito agradável. Eu dormi com o desejo de ter um sonho lúcido, cheguei a dormir e no sonho(não lembrei de novo o que aconteceu nele), tentava fazer um RC mas toda vez eu acordava. O problema é que toda vez que eu estou quase ficando consciente em um sonho, acabo ficando consciente de verdade,é difícil enganar a minha mente e esta noite isso aconteceu várias vezes. As vezes eu acordava e sentia meu corpo pesado, não conseguia mexer quase nada, e quando conseguia mexer a ponta dos dedos dos pés minha perna toda doía e eu tentava dormir novamente. Deixei o diário dos sonhos do meu lado para quando acordasse escreve lá mas acabei por não lembrar de nada, na verdade a única coisa que me lembro é que no sonho eu cantava uma música do Coldplay, que chama Miracles.
Dor na perna? perplexo

Mais essa dor na sua perna foi só no sonho ou continuou depois que você acordou?

Elisabeth escreveu :

Elisabeth-Smith escreveu:Esse sonho foi bem parecido com que eu costumo ter,o colégio, o meu bairro, o semáforo saindo do meu bairro, mas foi meio confuso porque nesse sonho eu não tinha nenhum objetivo.
-----------------------------------------
23/12/14


No meu sonho eu estava sempre atrasada para a aula, a escola era muito diferente e não conhecia ninguém lá, mas lembro que os pátios do ensino médio e do fundamental eram bem próximos e o horário de entrada não era o mesmo. Todos os dias meu despertador tocava tarde e eu saía correndo desesperada em direção ao colégio e eram sempre as mesmas pessoas que atrasavam, o fato interessante é que quando a gente chegava perto do semáforo para atravessar, toda aquela preocupação ia embora e nós agíamos normalmente. Ao chegar na escola, eu colocava minha mochila na mesa e assistia um pouco da aula, mas no meio da mesma, eu saía e ia pro outro pátio, entrava em uma sala do ensino fundamental só para conversar com uma amiga(que não tenho na vida real). Nesse vai e vem de pátio, teve um dia que eu fui pra um laboratório, fizemos 1 experimento e estávamos saindo... Nessa parte do sonho, o pátio do ensino médio estava muito parecido com o meu da vida real, mas a saída do laboratório não, era bem  diferente. Na saída, estavam cheio de pessoas, que estavam esperando nós sairmos para eles terem a aula prática deles, no meio da multidão passei perto de uma amiga minha (ela é da vida real, costumávamos ser melhores amigas no ano passado e no ínicio desse ano, mas paramos de conversar porque ela se afastou e eu também), no sonho, ela me viu e eu também mas a gente fingiu que não viu, aí resolvi mexer com ela e falei "oi", aí ela respondeu com um "oi, tudo bem?" também só que bem forçado, nisso eu pensei "Nossa, não devia ter dito nada", aí ela entrou no laborátorio com a turma dela e fui embora com a minha. Depois não me lembro de mais nada.
Interessante esse sonho. Seu subconsciente, nesse sonho, criou uma amiga onírica para compensar a falta que sua amiga real faz.

De vez em quando sonho com amigos dos quais perdi contato a muitos anos. Tenho um amigo que foi morar na Europa a muitos anos, e perdi o contato com ele porque os pais dele se mudaram pra outra cidade. Mais, às vezes sonho com ele me convidando pra tocar guitarra numa banda de rock que eu tinha com ele a muitos anos atrás. Esses sonhos, a medida que o tempo vai passando, estão ficando mais raros. Mais, por ser uma lembrança nostálgica, acabeis sonhando uma vez ou outra durante o ano.

Elisabeth escreveu :

Elisabeth-Smith escreveu:24/12/14

Nesse sonho eu estava em BH com a minha mãe e meus irmãos, nós estávamos de férias e o clima era ótimo. Aí aquela mesma "melhor amiga" do sonho de cima que eu havia dito  que não conversamos mais me ligou dizendo que estava em Piúma no ES e me pediu pra ir pra lá, no sonho, Belo Horizonte e Piúma eram incrivelmente bem próximos kkkkk aí o sonho cortou e eu já estava lá esperando por ela. Ela me ligava toda hora perguntando onde eu estava, então eu disse que a esperaria no parque, que parecia muito com um parque aqui de onde eu moro, que não é Espírito Santo, aí eu falei pra ela que iria escrever na barriga de um cara gordo "I'm here". O cara era um gordão, com uma barriga gigante e estava de camisa branca, eu escrevi a mensagem e ela chegou, aí quando olhamos pro cara, a mensagem era diferente, estava escrito "I want to die", nós rimos e fomos andando pelo cidade, que não tinha nada a ver com Piúma. Aí fomos andando até um prédio abandonado, subimos a escada até um andar mais alto(não necessariamente o último), e lá tinha um banheiro, aí ela foi ao banheiro e quando saiu, eu falei:
-Cê sabe que eu ainda tenho que voltar pra BH hoje né? Nem comprei a passagem ainda.   
-Ah é mesmo. Posso ir comprar a passagem com você? Vou falar com meu pai aí a gente vai
-Claro ué.
Aí acabou que o pai dela que ia levar a gente no aeroporto, só que cortou o sonho de novo. A seguir começa o segundo sonho mais non-sense que já tive

----------------------------------------------------------
2° sonho
Nós estávamos no carro do pai dela e entramos em um bairro que é considerado na vida real, um pouco perigoso, estava tendo um tiroteio sinistro e uma briga de gangues. O pai dela começou a dirigir muito rápido e o sonho cortou de novo. De repente eu estava em uma escola gigante e estava acontecendo uma infestação alienígena no mundo todo, tinham muitos militares e eles estam tentando matar aqueles que entravam na escola. Esses alienígenas eram mais daqueles tipos que possuem o corpo da pessoa e a controlam através da mente, mas eles eram meio burros e não encontravam os humanos muito facilmente, ou seja, eles só te encontrariam se te vissem de fato, caso contrário você podia andar tranquilamente pelo perímetro. Eu estava com duas pessoas que não conheço  e estávamos correndo pela escola tentando achar um lugar seguro, aí achamos um lugar debaixo da escada e começou a ter um conflito armado próximo onde a gente tava. Aí dois soldados passaram e disseram para nós: -Fiquem aí e fiquem quietos, os lacaios estam vindo.
Fiquei desesperada porque os lacaios(as pessoas com o qual o corpo tinha sido possuído) faziam uma inspeção, para saber quem fazia parte deles e quem ainda era humano. Até que dois deles chegaram perto de nós, abaixamos a cabeça fingindo ser lacaios só que a mulher possuída estava desconfiando de mim então começou a fazer várias perguntas, não me lembro direito qual foi o diálogo mas ela perguntou:
-Por que não está trabalhando? 
Fiquei muito nervosa e disse que iria, aí ela foi embora e meus colegas me esconderam em um quartinho muito escuro debaixo da escada, lá tinha um buraquinho que dava pra ver o que se passava do lado de fora. Aí os dois lacaios voltaram e perguntaram onde eu estava, um dos meus colegas disseram que eu tinha ido trabalhar mas eles não acreditaram e chamaram mais deles e já iam começar uma batalha quando de repente, um dos meus colegas era o Harry Osborn do homem aranha novo(por mais que eu goste muito mais do antigo), ele tinha o poder do electro e deu um choque sinistro nos lacaios, fazendo eles morrerem eletrocutados, eu espiava tudo de boca aberta do quartinho, aí olhei ao redor e um dos meus colegas era o Bob Esponja(pois é, ele de novo kkkkk), aí ele estava chegando perto do Harry e sem querer a eletricidade do poder dele pegou no Bob. Aí eu saí correndo desesperada pra ver como ele estava porque, aliás, ele era um colega, todos do grupinho fizeram uma roda em volta dele e o harry se desculpava o tempo todo, foi quando o bob acordou só que ele estava diferente, ele se tornára um mutante kkkkk Ele acordou e os olhos dele eram como de um robô, e a roupa dele também estava diferente só que não me lembro como era. Aí o sonho cortou e estávamos em uma sala grande fazendo planos para acabar com os alienígenas, todos do grupo tinham poderes, um tinha campo de força, o bob robô era super forte, o harry com os poderes de choque do electro e um outro pessoal que não me lembro os poderes deles, eu era a única humana normal. Me tornei observadora e pude ver que estávamos em uma nave no espaço sideral, nisso eu acordei. Foi muito louco kkkk
Novamente, a sua amiga do Colégio aparece no seu sonho. Acho que vocês tem grandes chances de voltarem a serem amigas na vida real de novo.certo

Uma viagem esse segundo sonho. Com direito a alienígenas, Bob esponja e Electro do homem aranha. Kkkk

Bem divertido esse sonho. gargalhada
Mensagens : 14
Pontos : 1002
Honra : 8
Data de inscrição : 19/12/2014
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Qui Dez 25, 2014 7:17 pm
Reputação da mensagem: 100% (1 votos)
Aquela dor na perna foi real, eu estava tentando mexer minhas pernas à noite para sentir meus músculos relaxando só que ela doía não sei porque. Que triste essa história do seu amigo que foi embora hein :( . Mas esses negócio que o subconsciente faz é muito interessante, ele meio que sente falta da pessoa ne kkkk legal.
avatar
Mensagens : 2531
Pontos : 5613
Honra : 1043
Data de inscrição : 12/06/2013
Localização : Bahia
Sonhos Lúcidos :
0 / 9990 / 999
Sonhos Comuns :
0 / 9990 / 999
Ver perfil do usuário

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

em Sex Dez 26, 2014 12:27 am
Elisabeth-Smith escreveu:Aquela dor na perna foi real, eu estava tentando mexer minhas pernas à noite para sentir meus músculos relaxando só que ela doía não sei porque. Que triste essa história do seu amigo que foi embora hein :(  . Mas esses negócio que o subconsciente faz é muito interessante, ele meio que sente falta da pessoa ne kkkk legal.
O nosso subconsciente as vezes parece ter vida própria.gargalhada
Conteúdo patrocinado

Re: Diário dos Sonhos de Lisa

Ver o tópico anteriorVoltar ao TopoVer o tópico seguinte
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum